Executivo

Sexta-Feira, 18 de Junho de 2010, 15h:13 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:26

TANGARÁ DA SERRA

Após ser deixado de "escanteio", vereador demonstra indignação

Após ser deixado de "escanteio", vereador fica indignado

   Sissy Cambuim
   Enviada especial a Tangará da Serra

  O vice-presidente da Câmara de Tangará da Serra, vereador Celso Ferreira, deixou o Centro Cultural de Tangará da Serra, onde está sediado a segunda edição do projeto "Governo Itinerante" nesta sexta (18) indignado com o que classificou como descaso por parte de Silval Barbosa (PMDB).

   De acordo com o parlamentar, ele e os vereadores Genilson Kezomae (PR) e Melquezedeque Soares (PMDB), que chegaram ao local por volta das 7h30 para esperar a comitiva, não foram sequer citados pelo cerimonial do evento.

   A mesa de autoridades foi composta pelo governador, seu secretariado, deputados estaduais e federais e, representando o município de Tangará, o prefeito Júlio César Ladeia (PR), além de militares, como o comandante da Polícia Militar, coronel Antônio Ribeiro. “Depois do Poder Executivo, o Legislativo é um dos mais importantes do município”, ressaltou.

   Contudo, o vereador José Pereira Filho, o Zé Pequeno (PT), participou da série de discursos falando em nome do Legislativo. “Vejo isso como uma certa resistência do governo com a política local”, explicou Celso. Ele explica que, depois de ter deixado o local, a equipe da organização chegou a lhe telefonar para subir ao palco para falar em nome da Câmara. “O fato de eu ser de um partido da oposição deve ter assustado, mas não tinham o que temer”.

   Celso ainda destaca que a perspectiva era de aproximar a relação com o governo, já que Silval sinalizava mais abertura política que seu antecessor, Blairo Maggi (PR). “Fomos à rádio ontem convidar a população para participar desse evento, fizemos a nossa parte, mas não sentimos o mesmo em relação a ele”, desabafa.

  (15h31) - Governador pede desculpas e diz que foi falha do cerimonial

   Silval Barbosa ficou surpreso com os comentários dos vereadores tangaraenses de que não foram lembrados durante a solenidade. O governador disse que foi uma falha do cerimonial e que não sabia do ocorrido antes da publicação da reportagem no RDNews. De imediato, Silval pediu desculpas aos parlamentares e chamou os três para participar do evento.

   (16h33) - Vereador se diz contente con tratamento recebido de Silval

   O vereador Melquezedeque Soares (PMDB) garantiu, por meio se sua assessoria, que não compartilha da opinião de Celso Ferreira. Segundo ele, em momento algum Silval Barbosa o deixou isolado. O parlamentar diz ainda que foi atendido pelo governador e, inclusive, faz questão de agradecer a atenção recebida.

Postar um novo comentário

Comentários (9)

  • Zé CArlos | Sábado, 19 de Junho de 2010, 07h38
    0
    0

    Zé CArlos, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Ana Marcia | Sábado, 19 de Junho de 2010, 00h55
    0
    0

    To sacando qual é a desse Vereador... Ele tá querendo se aparecer às custas do Governador... Não tem competência para se impor através da sua "representatividade", e fica colocando culpa no Cerimonial... Vai ver é porque ele é do DEM, partido opositor ao do Governador nessas eleições... E tem mais, uma hora ele é oposição do Prefeito, e outra é baba-ovo (só porque e esposa ganhou cargo na Prefeitura)... Vai trabalhar vereador, quem sabe você é lembrado... Você só nos envergonha com atitudes como essa... Tangará não merece isso... O povo tem mesmo o governo que merece... affff...

  • João Carlos | Sexta-Feira, 18 de Junho de 2010, 17h04
    0
    0

    ESSE VEREADOR QUER APARECER, POR QUE SEUS ASSESSORES NÃO INFORMARAM O CERIMONIAL ACERCA DA SUA PRESENÇA? ALIÁS, SE NINGUÉM NOTOU QUE ELE ESTAVA NO EVENTO É SINAL QUE SUA ATUAÇÃO DEVE SER PÍFIA NA CÂMARA MUNICIPAL POR ISSO NINGUÉM O CONHECE. UM FATO TÃO BANAL FAZER UM ESCÂNDALO DESSE? VAMOS TRABALHAR MAIS UM POUCO "NOBRE" VEREADOR DAÍ VC NÃO VAI PASSAR DESPERCEBIDO.

  • Paulo Vitor | Sexta-Feira, 18 de Junho de 2010, 16h54
    0
    0

    Não acredito que o Governador Silval Barbosa deixaria o Vereador fora da mesa de autoridades se fosse do seu conhecimento a sua presença, acredito sim, na falha do cerimonial que deixou de observar esse fato. Não conheço o Governador, mas das vezes que tive a oportunidades de vê-lo nos eventos pude observar que se trata de uma pessoa simples, humilde, simpática, e atencioso com todos, diferente de muitos políticos desse Estado. Teve ainda a humildade de pedir desculpas. Parabéns Governador, porém repreenda seu cerimonial por essa falha, a fim de que seus opositores não usem dessas picuinhas para desestabilizar seu nome.

  • aperifidio | Sexta-Feira, 18 de Junho de 2010, 16h04
    0
    0

    Silva é igual ao ex-governador Blário Maggi, os dois são prepotentes e arrogantes, parecem que não, mas são sim. Voces de Tangará da Serra ainda não viram nada. Vereador faça gol contra. Os dois não saem de Rondonópolis porque aqui a coisa está feia para eles.

  • fernando | Sexta-Feira, 18 de Junho de 2010, 16h03
    0
    0

    Silval não tem carisma e esta rodeado de pessoas incompetentes;;; aqui em santo antonio no aniversário da cidade ele não se fez presente nem mandou representante... mas em Barão ele foi... mas o dele esta guardado...depois de outubro vc me fala silval ta errando demais perdeu o meu voto por não comparecer ao evento...Sera pq o prefeito é do PSDB ? ? ?

  • Luiza | Sexta-Feira, 18 de Junho de 2010, 16h00
    0
    0

    O Coitado esse cidadão que se diz vereador está queimado aqui em Tangará porém, ele tem todo direito de espernear kkkkkkkkkkkk.....

  • AURÉLIO | Sexta-Feira, 18 de Junho de 2010, 15h57
    0
    0

    CONHEÇO ESSE VEREADOR DO DEMO, SE ACHA E SÓ QUER SE APARECER ELE E SUA ESPOSA QUE É LOUCA PARA SER POLITICA AQUI NA CIDADE!. TÁ CERTO GOVERNADOR CORTAR ESSE POVO QUE QUER SE APARCER.

  • JOSE ALVES | Sexta-Feira, 18 de Junho de 2010, 15h57
    0
    0

    vereador dá o troco faça campanha contra,falta de respeito com os vereadores.

Um ex-prefeito inelegível em Poconé

clovis martins 400   Dificilmente o ex-prefeito petebista Clovis Damião Martins (foto) terá registro de candidatura a prefeito de Poconé deferido pela Justiça Eleitoral. O promotor de Justiça, Mário Anthero, já pediu impugnação do registro do petebista por inelegibilidades. Clovis, que...

Briga em Sinop entre Juarez e Dorner

juarez costa 400 curtinha   Em Sinop, a briga eleitoral caminha para tensão e acirramento entre o emedebista Juarez Costa (foto) e Roberto Dorner (Republicanos). Hoje, o ex-prefeito seria eleito, mas Dorner vem crescendo nas adesões, com ajuda do vice de sua chapa, ex-vereador Dalton Martini (Patriota). O apoio da prefeita Rosana...

França elegível; CNJ desatualizado

roberto franca 400 curtinha   O advogado Rodrigo Cirineu, que assumiu a assessoria jurídica da campanha a prefeito de Cuiabá de Roberto França (foto), assegura que o ex-prefeito está elegível. Explica que o cadastro de inelegibilidades do Conselho Nacional de Justiça, constantando ainda o nome de...

Candidato da família Oliveira à Câmara

luluca 400 curtinha   O jovem advogado Luluca Ribeiro (foto) é uma das apostas do MDB por renovação na Câmara da Capital. Concorre a vereador e tende a "herdar" o espólio político da família Oliveira, dos tios Dante, ex-governador que morreu em 2006, e Thelma, prefeita de Chapada dos Guimarães....

Deputado tenta censura e sem êxito

xuxu 400 curtinha   Em duas tentativas, o deputado estadual Xuxu Dal Molin (foto), candidato a prefeito de Sorriso pelo PSC, tentou, sem êxito, censurar o portal Rdnews. Na 1ª Vara Cível da Comarca de Sorriso, Xuxu ingressou com pedidos de antecipação de tutela, pleiteando retirada do ar de matérias que...

Rei do Gado entra numa difícil disputa

mauricao 400 curtinha   O leiloeiro Maurição Tonhá (foto), chamado por muitos de "Rei do Gado", está de volta à disputa eleitoral. O pecuarista com bens avaliados em R$ 19 milhões é candidato pelo DEM a prefeito de Água Boa, muncípio já administrado por ele por dois mandatos. Em...