Executivo

Segunda-Feira, 27 de Janeiro de 2014, 12h:00 | Atualizado: 27/01/2014, 12h:07

Metropolitano

Comissão vai investigar possível desvio de repasse no Metropolitano

Ipas atrasa salários e pagamento de fornecedores mesmo recebendo repasses em dia

Ednilson Aguiar

hospital-metropolitano-de-varzea-grande-medicos-paciente.jpg

Ipas não vem pagando salários e fornecedores, o que será investigado pela SES

A secretaria estadual de Saúde (SES) criou uma comissão para fiscalizar o destino da verba repassada ao Hospital Metropolitano de Várzea Grande após denúncia de atraso de três meses de salários e no pagamento de fornecedores. Criada na sexta (24), ela estará ativa por 30 dias, podendo ter prazo estendido. Atualmente, o hospital é administrado pelo Instituto Pernambucano de Assistência e Saúde (Ipas), uma Organização Social de Saúde (OSS).

Instituída pelo secretário Jorge Lafetá, a comissão vai fazer um diagnóstico financeiro e de débitos junto aos médicos, empregados, fornecedores e demais contratados pelo Ipas para prestação de serviços, bem como, acompanhar a realização dos pagamentos desses débitos. Além disso, deve levantar serviços médicos hospitalares e outras despesas realizadas que não estavam previstas no contrato de gestão.

O repasse mensal para a unidade de saúde é de R$ 2,1 milhões e, de acordo com o secretário, o envio da verba está em dia. Segundo ele, não há débitos de 2013 pendentes, ao contrário do que afirma a denúncia. “A partir do momento que o recurso é repassado e não chega ao seu destino, tem algum problema no caminho. Por isso é necessária a fiscalização in loco e de contratos de empresas terceirizadas”, frisa Lafetá.

A comissão conta com seis integrantes, todos servidores públicos da carreira. Sunilde Gomes Aldave, assistente administrativo; Françoise Geise de Souza, contadora; Drielli Martinez Ferreira Lima, contadora; Roziney Rodrigues Peixoto, contador; Elaine Morita Pereira de Souza, enfermeira; e Arthur Augusto Nogueira Borges, médico. Ao fim dos 30 dias a comissão deve apresentar um relatório.

Há duas semanas uma comissão nos mesmos moldes foi instaurada no Hospital Regional de Colíder. À época, os médicos fizeram uma paralisação e afirmaram que não recebiam salário há quatro meses. Como no caso de Várzea Grande, a SES afirmou que os repasses estavam em dia. Segundo Lafetá, a situação na cidade foi regularizada e a comissão continua o trabalho por mais 30 dias para dar continuidade ao processo.

Em julho do ano passado, os funcionários do Metropolitano paralisaram os serviços por seis dias. Eles alegaram que havia atrasos nos repasses mensais, falta de adequação dos valores financeiros e acúmulo da dívida gerada pela criação de novos serviços.

IPAS fecha acordo com Governo e greve de médicos é cancelada

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • joao | Terça-Feira, 28 de Janeiro de 2014, 09h10
    1
    0

    QUEM FOI BUSCAR OS DIRETORES DAS OSS PARA MOTO GROSSO ????? QUEM IMPLANTOU AS OSS EM MT????? QUEM DEFENDE AS OSS ???? ADEVINHEEEEEMMM - SABE QUEM FOI ZEEE PRACAXXXXAAAA, FORAM ELES MINININHOS DO PP, MENSALEIRO, SANGUESSUGA E HOJE EX-DEPUTADO E AGORA PRESIDIÁRIO, VIU SO COMO VOCE E RUIM DE MEMORIA?

  • jose | Segunda-Feira, 27 de Janeiro de 2014, 18h23
    1
    0

    EM 2010 O GOVERNO DO ESTADO GASTOU R$ 43.000.00,00 COMA MANUTENÇÃO DOS 04 HOSPITAIS REGIONAIS(CACERES, COLIDER, SORRISO E RONDONOPOIS), EM 2012 ATRAVÉS DE REPASSE DIRETO PARA AS OSS, GASTOU COM A MANUTENÇÃO DOS MESMO HOSPITAIS R$ 147.000.000,00 - SE VC NÃO FOR BURRO, TIRE SUAS PRÓPRIAS CONCLUSÕES.

Salgadinhos sim; caminhão pipa, não

humberto bolinha 400 curtinha   Em Guiratinga, o prefeito Humberto Domingos, o Bolinha (foto), resolveu homologar na última segunda, 1º de junho, processo licitatório para contratar uma empresa com vistas a fornecer salgadinhos nas 11 secretarias municipais. Vão ser gastos com salgados R$ 21,7 mil. No mesmo dia, Bolinha...

Nepotismo e demissão na gestão Pátio

leandro junqueira 400   Acuado pela notificação recomendatória do Ministério Público Estadual, o prefeito de Rondonópolis, Zé do Pátio, não teve outra saída senão exonerar a servidora Renata Castilho Moreno do cargo comissionado de gerente do Departamento de Engenharia e...

Candidatíssima à vereadora em Cuiabá

gisele almeida 400 curtinha   A apresentadora de TV, Gisele Almeida (foto), vai mesmo encarar o teste das urnas como candidata à vereadora em Cuiabá. Irmã do ex-vereador, ex-deputado e hoje conselheiro afastado do TCE, Sérgio Ricardo, ela não perde tempo nas articulações. Recentemente, recebeu no...

Quebra-cabeça para definir a chapa

eduardo botelho 400 curtinha   Eduardo Botelho (foto) está postergando ao máximo a definição dos nomes de sua chapa ao comando da Mesa Diretora. A eleição já acontece no dia 10, na próxima semana. Como 12 dos 24 deputados brigam por espaço, o presidente da Assembleia sabe que, ao final,...

Secretário terá de explicar contrato

alex vieira 400 curtinha   O secretário de Educação de Cuiabá, Alex Vieira (foto), tem dois dias para apresentar defesa ao TCE sobre uma representação da empresa F. M Paragas, propriedade de Fernando Marcelo, que apontou supostas irregularidades na contratação, por dispensa de...

Presidente da OAB e péssimo exemplo

leonardo campos 400 curtinha   Continua repercutindo muito mal, inclusive em âmbito nacional, o escândalo em que se envolveu Leonardo Campos, o Léo Capataz (foto), que acabou se afastando da presidência da OAB-MT. Deu um péssimo exemplo à sociedade. Ele foi parar na Delegacia, na semana passada, sob...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você conhece alguém próximo que foi infectado pelo coronavírus?

sim

não

em dúvida

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.