Executivo

Quinta-Feira, 10 de Outubro de 2019, 18h:44 | Atualizado: 10/10/2019, 18h:54

DESCONHECIMENTO

Conselho de MT repudia Jair Bolsonaro por vetar psicólogos nas escolas de todo país

Marcos Corrêa

Jair Bolsonaro

Presidente Jair Bolsonaro durante encontro com a direção do jornal “O Estado de São Paulo”

O Conselho Regional de Psicologia de Mato Grosso (CRP18-MT) repudiou o veto do presidente Jair Bolsonaro (PSL) ao projeto que visava inserir a prestação de serviços de psicologia e serviço social nas escolas públicas. Em nota, afirmou que o ato demonstra desconhecimento sobre a situação da educação no país.   

“A proposta da inserção da Psicologia e do Serviço Social na rede pública de educação é para que os profissionais trabalhem em conjunto com a família, comunidade e demais atores do contexto escolar, para minimizar a violência, para enfrentamento dos preconceitos e para o encontro de estratégias que auxiliem os processos de ensino e aprendizagem”, diz trecho da nota divulgada nesta quinta (10).

O  CRP18-MT também pontua que a  educação brasileira caminha para a militarização das escolas. Para o conselho, a medida configura afronta aos direitos das crianças e adolescentes por não  investir em profissionais capacitados e formados para o processo de ensino e aprendizagem.

“O governo demonstra que sequer faz ideia dos anseios da população que o elegeu e, o mais grave nesta pauta, demonstrando ainda total desconhecimento da situação das escolas públicas do país. Ou, de forma cônica, mais uma vez expõe para ‘quais interesses públicos’ governa, ou seja, contrário ao da maioria da população brasileira”, completa.

Veto   

O PL 3.688/2000 foi aprovado em setembro. Entretanto, Bolsonaro vetou alegando inconstitucionalidade, contrariedade ao interesse público e por não apresentar fonte para o seu custeio.

Pela proposta do ex-deputado federal José Carlos Elias, assistentes sociais e psicólogos seriam inseridos nas escolas públicas de ensino fundamental e médio. Caso necessário, os alunos seriam atendidos pelo Sistema Único de Saúde (SUS). O objetivo seria melhorar o processo de aprendizado, além das relações entre alunos e professores.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • solange | Sexta-Feira, 11 de Outubro de 2019, 08h57
    0
    0

    O projeto cria despesas que não estão na Lei orçamentária. Essa nota mostra a falta de conhecimento da Lei de Responsabilidade, Ou é só por criticar mesmo.

  • Então | Quinta-Feira, 10 de Outubro de 2019, 19h49
    1
    1

    Bolsonaro sendo Bolsonaro!

Matéria(s) relacionada(s):

TCE-MT aprova e elogia gestão Binotti

binotti 400 curtinha   O conselheiro interino do TCE, Isaías Lopes, rasgou elogios ao primeiro ano de mandato do prefeito e empresário Luiz Binotti (foto), de Lucas do Rio Verde. Relator das contas do exercício de 2018 da prefeitura, com aprovação unânime pelo Pleno, Isaías destacou que os resultados...

Primavera fará 4 intervenções na BR

leonardo 400 curtinha   Com recursos próprios, a Prefeitura de Primavera do Leste fará quatro intervenções na BR-070, no perímetro urbano, com readaptação e construção de trevos para ajustar o trânsito a uma nova e moderna realidade do município com quase 100 mil...

Vice do DEM-Cuiabá elogia gestão EP

joao celestino 400 curtinha   O advogado João Celestino (foto), vice-presidente da comissão provisória do DEM de Cuiabá e ligado ao senador Jayme Campos, se mostra simpático à gestão Emanuel Pinheiro, do MDB. Aliás, na segunda, Celestino fez uma visita ao prefeito e elogiou a...

Prefeito Beto faz mistério sobre apoio

beto farias 400 curtinha   O prefeito de Barra do Garças, Beto Farias (foto), que está no segundo mandato e com a popularidade em alta, não revela quem apoiará para a disputa à sucessão, nem para aqueles aliados mais próximos. Quando perguntado, o emedebista costuma dizer que não está...

Filho de ex-prefeito, enfim, é cassado

thomaz 400 curtinha   Quase dois anos depois de cassado, enfim, o vereador tucano de Chapada dos Guimarães, Thomas Jefferson Xavier (foto), deixa efetivamente o cargo. O juiz Ramon Fagundes Botelho, da 34ª Zona Eleitoral, determinou, em decisão da última quinta (7), que a presidência da Câmara convoque de...

Bolsonaro, partido, Barbudo e Galli

nelson barbudo 400 curtinha   Da bancada federal de MT, composta por 11 parlamentares, apenas um deve acompanhar o presidente Bolsonaro para outro partido: Nelson Barbudo (foto). Ele vai sair do PSL junto com o capitão. A intenção de Bolsonaro é de se desfiliar e ficar um bom tempo sem partido. Até lá...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a decisão do Supremo de suspender prisão imediata após julgamento em segunda instância?

Concordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.