Executivo

Quarta-Feira, 30 de Janeiro de 2019, 09h:11 | Atualizado: 30/01/2019, 09h:17

SERVIDORES PÚBLICOS

Após 20 dias de atraso, Governo Mauro quita salários de dezembro dos servidores

Gcom

Palacio Paiagu�s

Governo já adiantou que folha dos servidores do próximo mês também será escalonada

Com 20 dias de atraso, o governo conclui o pagamento dos salários de dezembro. Vão receber seus salários os 13.063 servidores ativos que ganham acima de R$ 6 mil líquidos por mês. O valor total chega a R$ 133.684.989,22. A ordem de pagamento já foi encaminhada ao Banco do Brasil. A previsão é de que no decorrer do dia os salários já estarão nas respectivas contas.

No dia 10 deste mês, foram pagos os proventos de todos os aposentados e pensionistas. Também naquele dia receberam seus salários aproximadamente 43 mil servidores em atividade que recebem até R$ 4 mil líquidos. No dia 24 receberam salários os servidores que ganham entre R$ 4 e R$ 6 mil.

Nesta quinta (31), será paga a primeira parcela do décimo terceiro salário remanescente de 2018. A parcela do 13º salário será paga aos servidores efetivos nascidos em novembro e dezembro, assim como aos que são somente comissionados.   

“Os servidores, independente de qual seja sua remuneração, receberão um quarto do décimo terceiro salário. Por exemplo, quem tem direito a R$ 6 mil, receberá R$ 1.500,00; um servidor cujo décimo terceiro salário é de 15 mil, receberá R$ 3.750,00”, explica a secretária adjunta do Tesouro, Luciana Rosa.

Em princípio, o pagamento será feito em 4 parcelas, até 30 de abril.  No entanto, se houver incremento na arrecadação, esse prazo poderá ser reduzido.

O salário de janeiro, que deve ser pago até 10 de fevereiro também será escalonado. De acordo com o Executivo, diferente de até então, todos os servidores, ativos, pensionistas e aposentados, receberão nesta data. No entanto, será liberado apenas um valor único, definido a partir da divisão do número de servidores e o montante total do caixa na data (Com Assessoria).

Postar um novo comentário

Comentários (6)

  • Armindo de Figueiredo Filho | Quinta-Feira, 31 de Janeiro de 2019, 12h55
    2
    0

    É O DESGOVERNO TOTAL!!!!Sem comentário .... FIM DE PAPO......

  • Servidora | Quarta-Feira, 30 de Janeiro de 2019, 19h15
    6
    0

    mas minhas contas deu 40 dias após o outro salário mas tá bom

  • Souza | Quarta-Feira, 30 de Janeiro de 2019, 15h40
    14
    0

    MM prometeu pagar salários dia 30 e no primeiro mês de governo já está cumprindo. parabéns governador nunca imginei tamanha competência.

  • MGXP | Quarta-Feira, 30 de Janeiro de 2019, 13h54
    14
    2

    O SR EXCELENTÍSSIMO GOVERNADOR DISSE NUMA REPORTAGEM QUE IRIA PAGAR OS SALÁRIOS SE TIVESSE DINHEIRO NA CONTA. LOGICO GOVERNADOR, ATE PORQUE EU ESTOU ESPERANDO MEU SALARIO(QUE FACO JUS A ELE) PARA CUMPRIR AS MINHAS OBRIGAÇÕES, QUE É PAGAR AS CONTAS. MAS, DIFERENTE DO SR EU IREI PAGAR-LAS COM JUROS E MULTAS ÀS EMPRESAS E BANCOS. E OUTRA, É FÁCIL FALAR NA MÍDIA QUE "VOU PAGAR A CONTA COM DINHEIRO NA CONTA", AGORA VAI NOS FALARMOS ISSO PARA A CONCESSIONARIA DE ENERGIA ELÉTRICA, DE ÁGUA , TELEFONIA...SABE O QUE ACONTECE? ELES SIMPLESMENTE VAI DEIXAR DE FORNECER OS SERVIÇOS.

  • alexandre | Quarta-Feira, 30 de Janeiro de 2019, 10h09
    21
    3

    nada na conta, nada na conta....

  • ROBSON JOSÉ | Quarta-Feira, 30 de Janeiro de 2019, 09h54
    18
    3

    Talvez o governo do Mauro Mendes não imagina que existem milhares de servidores que exercem funções de serviços gerais, e que ganham abaixo de R$ 2.000,00 de salario. O que será que esse trabalhador vai fazer com a sua parcela de décimo terceiro? Que pena saber que Mato Grosso é governado por alguém assim. Todos os cálculos que aparecem na notícia foram feitas para quem ganha acima desse valor, assim fica fácil.

Matéria(s) relacionada(s):

Governo quita toda a folha de junho

O governo estadual concluiu nesta sexta (19) o pagamento de junho dos servidores ativos, inativos e aposentados que ganham acima de R$ 7,5 mil. Para essa quitação foram necessários R$ 61,8 milhões. Com isso, liquidou totalmente a folha de junho dos cerca de 100 mil funcionários públicos, que consomem R$ 472,7 milhões. No dia 10 deste mês, o governo pagou a primeira parcela dos salários de junho, depositando até R$ 5,5...

Emedebista pode ser candidato único

leonardo bortolin curtinha   Eleito na suplementar realizada em 2017, Leonardo Bortolin (foto), de Primavera do Leste, é considerado hoje o prefeito emedebista em MT mais bem avaliado. Na convenção do partido nesta quinta no município, lideranças, como o deputado federal Carlos Bezerra e os estaduais Thiago Silva,...

2 "amarelam" e faltam de propósito

nininho curtinhas   Dois deputados não pisaram os pés na sessão desta quinta propositalmente. "Amarelaram". Ao invés de tomarem posição quanto ao projeto de lei complementar do governo que reinstitui os incentivos fiscais, Nininho (foto) e o delegado Claudinei preferiram não comparecer. Assim como os...

Adevair vai para PTB e quer ser vice

adevair cabral curtinha   O PTB, que hoje não tem um representante entre os 25 vereadores cuiabanos, vai abrigar dois parlamentares, o presidente da Câmara Municipal Misael Galvão, hoje no PSB, e o primeiro-secretário da Mesa, o tucano Adevair Cabral (foto). O curioso é que ambos chegam na legenda petebista...

7 contra reinstituição dos incentivos

valdir barranco curtinha   Como já esperado pelo governador Mauro, apesar da pressão de diversos segmentos, como do comércio, do agronegócio e da indústria, o projeto de lei complementar número 53, que trata da reinstituição dos incentivos fiscais, passou facilmente pelo crivo da Assembleia....

Irmão de ex-senador já sai do governo

wener santos curtinha   Durou apenas seis meses a permanência do ex-prefeito de Nova Marilândia (2013/2016), Wener dos Santos (foto), como secretário-adjunto de Cidades do Estado. Irmão do ex-senador Cidinho Santos, Wener foi exonerado no último dia 2. Pediu para deixar o governo Mauro. O salário não...

MAIS LIDAS

ENQUETE

Profissionais da Educação estão em greve há mais de um mês. O que você acha disso?

estão corretos. Devem continuar

discordo. Deveriam voltar às aulas

pra mim, não faz diferença

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.