Executivo

Quarta-Feira, 13 de Março de 2019, 09h:43 | Atualizado: 13/03/2019, 15h:54

rombo

Mauro reduz R$ 50 mi no déficit do Estado

Executivo fechou as contas com déficit de R$ 118 milhões. Em janeiro esse valor foi de R$ 168 milhões

Reprodução

despesas_mauro

Confira, acima, os detalhes acerca das movimentações financeiras de MT . Dados divulgados por Mauro

O governo conseguiu reduzir R$ 50,7 milhões do déficit das contas públicas em fevereiro, se comparado a janeiro deste ano. No mês passado, o saldo negativo foi de R$ 118 milhões, enquanto que em janeiro esse valor foi de R$ 168 milhões, uma redução de 30%.

Com essa perspectiva, o rombo calculado para este ano de R$ 1,700 bilhão, já estaria em R$ 1,650 bilhão, ou seja, uma redução de 2,9%.

Apesar dos resultados financeiros do Estado ainda serem negativos, dois fatores foram preponderantes para conseguir os números do último mês, o contingenciamento de despesas com o estado de calamidade financeira e a redução de R$ 64 milhões nos proventos dos servidores ativos.

Os dados divulgados pelo governador Mauro Mendes (DEM) apontam que em janeiro a folha de pagamento dos servidores ativos custou R$ 362,9 milhões. Em fevereiro, o valor baixou para R$ 298,3 milhões, uma redução de 17%.

O governador também contou com um pequeno acréscimo de arrecadação de 4,2%, que significou R$ 58,5 milhões a mais em fevereiro frente a janeiro. Ao todo, entrou na caixa do Estado R$ 1,4 bilhão de arrecadação, enquanto que em fevereiro, foi R$ 1,3 bilhão.

O Estado também conseguiu diminuir o volume de despesas não pagas, que baixou de R$ 206,2 milhões para R$ 163,7 milhões, entre janeiro e fevereiro, uma redução de 20%. Essa situação foi influenciada por um aumento de 91,4% no valor pago com dívidas aos bancos, que passou de R$ 28,1 milhões em janeiro para R$ 53,8 milhões em fevereiro.

Na conjuntura de repasses aos Poderes e órgãos independentes, o governo aumentou 3,4% o volume de recursos enviados ao Tribunal de Justiça, que passou de R$ 85,6 milhões, em janeiro, para R$ 92,7 milhões em fevereiro.

Também houve aumento de 6,4% no repasse da parcela do duodécimo ao Tribunal de Contas, que recebeu R$ 29,3 milhões em fevereiro, ante R$ 27,6 milhões em janeiro.

Por outro lado, os repasses à Assembleia tiveram uma redução 5,7% entre um mês e outro, baixando de R$ 42,7 milhões para R$ 40,2 milhões. Na Defensoria Pública o repasse permaneceu estável, em R$ 10,5 milhões.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Getulio Arrantes | Quarta-Feira, 13 de Março de 2019, 11h14
    1
    1

    Nunca na historia politica-admistrativa e financeira de Mato Grosso, o Tesouro do Estado arrecadou tanto dinheiro no mês de Fevereiro (28 dias apenas), como neste ano de 2019 sob a gestão do Governo Mauro Mendes, do DEM. Isso é sinal de que basta apertar um pouquinho os senagadores ( turma do agronégocios) que o dinheiro apareçe. Olha que R$1.419.000.000 é um bom dinheiro,e oque é triste, que apenas 5 milhões de reais, foram os investimentos a favor do desenvolvimento do estado. O custeio da maquina estadual (salários de ativos,e aposentados,e custeio da maquina e dos Poderes esta muito alto), Vamos repensar MT.

Matéria(s) relacionada(s):

Desgaste no começo, lisura e entregas

emanuel pinheiro curtinha   A dedicação com que o prefeito Emanuel Pinheiro conduz a capital administrativamente e sem escândalo, coisa que se tornou raro nos executivos municipais, tem surpreendido lideranças até da oposição. Com a massificação do episódio do vídeo em que...

Selma diz não para "fio desencapado"

abilio junior curtinha   O emblemático vereador Abílio Júnior (foto), do PSC, iria lançar pré-candidatura a prefeito de Cuiabá esta semana, conforme ele próprio havia planejado. Só faltava um detalhe: apoio da senadora Selma Arruda, do PSL. Mas, na última sexta, ao ser perguntada sobre...

Recado do governador e a carapuça

junior fecomercio curtinha   Em comunicado oficial, o governador Mauro Mendes manda recado a alguns empresários, quando destaca que incentivos fiscais foram concedidos no passado a determinados setores de forma irregular, em troca de propina, confessada, inclusive, em delação premiada. O recado tem endereço certo:...

Elogios ao prefeito e à primeira-dama

julio campos curtinha   O ex-governador, ex-senador, ex-deputado e ex-prefeito várzea-grandense Júlio Campos (foto), um dos líderes do DEM, partido do governador Mauro, disse nesta quarta, em visita à sede do Rdnews, que é preciso reconhecer que o prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro está fazendo uma...

Oposição tenta vencer pelo cansaço

L�dio Cabral curtinha   A oposição formada pelos deputados Lúdio Cabral (foto), Valdir Barranco - ambos do PT - e Wilson Santos (PT), que decidiu obstruir a pauta da Assembleia enquanto o Executivo não apresentar uma prosposta aos trabalhadores da educação, tentam vencer o presidente...

Boicote à audiência sobre Fethab Milho

Conduzida pelo deputado Ulysses Moraes, a audiência pública na Assembleia para debater a questão do Fethab Milho e a possibilidade de exclui-lo da taxação não aconteceu conforme o planejado por causa de boicote dentro da própria AL. A TV Assembleia, que costuma transmitir ao vivo esse tipo de debate, não o fez. Alegou que uma peça de transmissão estragou. De última hora, mudaram a sessão de local, de um...

ENQUETE

Profissionais da Educação estão em greve há mais de um mês. O que você acha disso?

estão corretos. Devem continuar

discordo. Deveriam voltar às aulas

pra mim, não faz diferença

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.