Executivo

Quinta-Feira, 01 de Abril de 2010, 22h:47 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:24

CUIABÁ

Desembargador aposentado Díocles deve substituir Ussiel

Díocles Figueiredo   O desembargador aposentado Díocles Figueiredo é o nome mais cotado para assumir a Procuradoria-Geral de Cuiabá, em substituição ao ex-presidente da OAB, Ussiel Tavares. O convite partiu do próprio prefeito recém-empossado, Chico Galindo (PTB). Se aceitar a empreitada, o magistrado será o terceiro a comandar a pasta em cinco anos e três meses de gestão PSDB-PTB. Além de Ussiel, o advogado do tucanato, José Antônio Rosa, ocupou o posto neste período.

   Como o salário de secretário chega a R$ 9,5 mil, Díocles deverá embolsar R$ 31,5 mil ao mês, pois conta com proventos de R$ 22 mil da aposentadoria compulsória. Ele deixou o Pleno do Tribunal de Justiça em setembro de 2009, por completar 70 anos, idade-limite para a permanência na cadeira de desembargador. Ao convidá-lo, Galindo demonstra estar preocupado com a moralização da gestão municipal, marcada por imbróglios jurídicos, em especial com relação às obras do PAC. Também quer ter um “braço-direito” com bom trânsito no TJ, numa espécie de blindagem à administração petebista.

   Por enquanto, Ussiel continua respondendo pela Procuradoria-Geral, assim como os secretários de Cultura Adevair Cabral e de Esporte e Lazer, Aurélio Augusto, respectivamente. A única mudança simultânea à saída de Wilson Santos, para concorrer à sucessão estadual, foi na secretaria de Educação. O ex-vereador Permínio Pinto, então adjunto da pasta, assumiu no lugar de Carlão Nascimento (PSDB), que deixou o staff para concorrer a uma das 24 cadeiras da Assembleia. Galindo demonstra ser adepto do velho ditado de que “em time que está ganhando não se mexe”. Ao todo, incluindo a saída de Ussiel, estão previstas apenas três mudanças. O PRTB conseguiu emplacar o vereador Néviton Fagundes na secretaria de Esporte e Lazer, em substituição a Aurélio Augusto, que continua respondendo pela pasta, mas deverá entregar o cargo na próxima semana. O acordo já foi selado.

   O prefeito também deve começar a pensar num novo nome para a Cultura. O gestor Adevair Cabral (PDT) já divulga aos “quatro ventos” que vai pedir exoneração após o aniversário de Cuiabá, em 8 de abril. Ele garante que precisa retornar à Câmara para articular a disputa à presidência da Casa, em janeiro de 2011, mas nos bastidores a informação é de que sonha mesmo com a candidatura a deputado estadual. Diante disso, os pedetistas de Cuiabá correm o risco de perder a “boquinha” no Palácio Alencastro devido ao apoio da executiva estadual do partido à pré-candidatura ao governo do empresário Mauro Mendes (PSB). Nos bastidores, Galindo já estaria negociando a pasta com legendas que apóiam o projeto do ex-prefeito Wilson Santos à sucessão. Fora as possíveis mudanças elencadas, o petebista garantiu na reunião do secretariado desta quinta (1º) que não pretende fazer mais alterações. Ele reafirmou o compromisso de dar continuidade à linha de governo deixada por Wilson. Para obter êxito, aposta na permanência dos outros 10 membros do staff. 

Confira quem compõe atualmente o secretariado do prefeito de Cuiabá, Chico Galindo, empossado nesta 4ª

Postar um novo comentário

Comentários (18)

  • Maria José | Terça-Feira, 06 de Abril de 2010, 08h44
    0
    0

    ótima escolha, pena que pelos inúmeros informes e e.mails recebidos está impedido de assumir importante função no Executivo Municipal, aliás, na PGM, onde, antes se depositava credibilidade e certeza de bons frutos, com a ascensão de ZÉ ROSA e FERNANDO FIGUEIREDO, a passagem meteórica e que pouco acrescontou o Dr. USSIEL TAVARES, temos que, como é corrente na boca dos Procuradores antigos e até dos novos, a situação mais confortável e diálogo competente e respeitoso teve nesta PGM, quando da passagem pela segunda vez do DR. BENEDITO RUBENS, que é advogado Cuiabano, tradicional, linha dura, mas mostrou tanto na época de ROBERTO FRANÇA, quanto de WILSON SANTOS que tem competência e capacidade para ocupar quaisquer cargo na PREFEITURA DE CUIABÁ, e na PGM, é uma torcida forte para que o mesmo seja aproveitado na equipe de comissionados, pois, repito, semrpe deu conta do recado, fica aí uma nova idéia, caso o Dr. DIOCLES esteja impedido, Prefeito GALINDO!.

  • joao bosco | Segunda-Feira, 05 de Abril de 2010, 12h59
    0
    0

    Esse Ricardo trabalhou com o desembargador e nao aprendeu nem a escrever o nome dele certo... critica que ele faz a pessoa sem nexo nenhuma!!!!

  • Raimundo | Segunda-Feira, 05 de Abril de 2010, 10h25
    0
    0

    não acreedito que um homem de tamanha credibilidade e horra, vá se expor no covio de politicos, todos nos sabemos que serviços publicos municipal não traz bons flutos a pessoa de boas condutas, já trabalhei com o Dr. Diocle na vara penal, e sei que é homen de carater impar. se o senhor estiver precisando de dinheiro, vá caso contrario deixe esse cargo para os...........

  • PEDRO CARLOS | Domingo, 04 de Abril de 2010, 19h00
    0
    0

    O prefeito Galindo escolheu para a Procuradoria um cidadão simples e com experiência no campo jurídico. Se houverem impedimentos, estes deveram ser algedos por que realmente tem competência e embasamento consitucional para isso, do contrário não seria o Dr. Diocles um nome indicado! De qualquer modo o ex desembargador tem tudo para desenvolver um bom trabalho, se não se envolver em politicagens!!

  • araqueto | Domingo, 04 de Abril de 2010, 17h03
    0
    0

    araqueto, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Luis Silva | Domingo, 04 de Abril de 2010, 13h44
    0
    0

    A reportagem errou: Não é possível a cumulação de vencimentos. O Sr. Diocles terá que optar por receber o subsídio de desembargador ou de procurador do município. Vale a correção.

  • Fernando Leo | Domingo, 04 de Abril de 2010, 13h31
    0
    0

    Dr. Diocles, a despeito da impoluta competência, ainda está impedido de postular perante o Tribunal de Justiça, em face do "vazio advocatício" presente na Constituição Federal. O constituinte derivado se esqueceu do dito popular "rei morto, rei posto, VIVA O REI", ou seja, o desembargador aposentado é um simples "mortal" na esfera do tribunal, não há razão para o impedimento de retorno imediato às hostes forenses, aliás, suspeito mesmo que seja inconstitucional, já que o trabalho, lícito não pode ser impedido a ninguém!!!!!

  • Bárbara Campos | Sábado, 03 de Abril de 2010, 10h34
    0
    0

    Acredito que a escolha do Dr. Díocles é uma ótima opção!Ele possui experiência, seriedade, saber jurídico e o impedimento constante da Constituição se refere ao exercicio da advocacia e não a assumir a Procuradoria do Município! Boa escolha Galindo...

  • Alex Vieira | Sexta-Feira, 02 de Abril de 2010, 21h21
    0
    0

    Prezados Aconselho antes de emitirem opiniões a respeito da legalidade ou não da investidura do cargo de procurador , fazerem uma interpretação mais detalhada do art. 95 da CF, pois o nobre e respeitado Desembargador aposentado, Dr. Diocles, deve e pode sim, assumir a PGM, pois , seu impedimento refere-se à atuação direta do exercício da advocacia as instancias judiciárias onde atuou, porem o cargo de procurador, se iguala a um cargo de chefe de pasta (secretariado) , não se ajustando aos impedimentos da CF. Ate por que se trata de um órgão de administração Pública, bem como, não relaciona a ativamente ao exercício do direito , devendo ficar a encargo dos demais procuradores o real e efetivo exercício da advocacia . Caso aceite, o prefeito inicia sua gestão acertando, pois Dr. Diocles alem de sério , honesto e competente na sua profissão. A Cuiabania agradece!!!!

  • Maria Edite de Figueiredo | Sexta-Feira, 02 de Abril de 2010, 19h59
    0
    0

    Foi um juiz que não produzia, que só enrolava e depois, um desembargador obscuro. Se for para a prefeitura será um atraso. Abra o olho Galindo....

Jayme incomodado com Flávio em VG

jayme campos 400 curtinha   A candidatura a prefeito de Várzea Grande do empresário Flávio Frical (PSB), principal aposta da oposição, passou a incomodar a família Campos, que apoia o ex-vereador Kalil Baracat, concorrente ao Executivo pelo MDB. Em uma noite que seria de festa, em comemoração...

Acordo com Euclides partiu de Allan

allan kardec 400   Otaviano Pivetta, vice-governador licenciado por 30 dias para cuidar de problemas de saúde, disse que nada tem a ver com o tal acordo "costurado" pelo presidente regional do PDT, deputado Allan Kardec (foto), com Euclides Ribeiro, candidato a senador pelo Avante. Explica que só apresentou Euclides para Allan e...

Família Maia tenta retomar o poder

martha maia 400   O ex-prefeito de Alto Araguaia por quatro vezes, Maia Neto, não entrou na disputa de novo ao Executivo, mas lançou a irmã Martha Maia (foto), cuja filha Sylvia Maia é vereadora. Filiada ao PP, Martha entra como principal candidata da oposição ao prefeito Gustavo Melo, que vai à...

Welinton fará grande ato em Barra

welinton marcos 400 curtinha   Welinton Marcos (foto) lança sua candidatura a prefeito de Barra do Garças, na segunda (28), em um grande ato. Mesmo pelo sistema drive-in, devido à necessidade de adotar medidas sanitárias contra a Covid-19, são esperadas na solenidade cerca de mil pessoas, num espaço amplo,...

Irmão de Riva está na disputa em Juara

priminho riva 400 curtinha   O irmão do ex-deputado José Riva, Priminho Riva (foto), filiado ao PL, será mesmo candidato a prefeito em Juara, posto já ocupado por ele por duas vezes (1997/2004). Priminho pertence a uma famíliade políticos. Além de Riva, que foi prefeito e deputado, é...

PSB deve ficar fora da aliança de EP

max russi curtinha 400   O PSB, presidido pelo deputado Max Russi (foto), pulou mesmo do barco de Emanuel Pinheiro. Deve formalizar apoio à candidatura de Roberto França ao Alencastro. O PSB não consta na lista oficial de siglas que estão com o prefeito, que busca à reeleição. Os 11 que estão...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.