Executivo

Sexta-Feira, 13 de Março de 2020, 11h:33 | Atualizado: 13/03/2020, 11h:43

CORONAVÍRUS

Direitistas ignoram apelo de Bolsonaro, e mantém carreata na Capital no domingo

Reprodução

Jair Bolsonaro

O presidente da República Jair Bolsonaro fez live em sua página do Facebook na noite desta 5ª usando máscara; espera resultado sobre coronavírus

Foi mantida a manifestação de grupos de direita em Cuiabá, marcada para este domingo (15). Apesar do presidente Jair Bolsonaro ter pedido para a data ser revista, temendo a disseminação do coronavírus, os grupos decidiram manter o ato só com a carreata, sem a aglomeração na praça 8 de abril. A organização espera cerca de mil carros.

De acordo com o coordenador do movimento Direita Mato Grosso, Rafael Yonekubo, os participantes estão engajados e foram unânimes na decisão de manter a data e adaptar o ato. Eles devem sair da Praça das Bandeiras, no Centro Político Administrativo, e seguir até a Arena Pantanal, diferente do que foi divulgado inicialmente quando previam ir até a Praça 8 de abril para a aglomeração.

As manifestações devem ocorrer em outras capitais e foram marcadas após o presidente Jair Bolsonaro compartilhar vídeo no WhatsApp, em que aparece como mártir, utilizando do episódio em que levou uma facada durante as eleições de 2018. No vídeo, texto afirma que Bolsonaro quase morreu pelo país e convoca a população para ir às ruas defender o presidente “dos inimigos do Brasil”.

Alguns apoiadores de Bolsonaro pedem o fechamento do Congresso e do Supremo Tribunal Federal e acreditam em uma intervenção militar.

Contudo, Yonekubo afirmou que não há espaço para golpe ou novo A-5 como defendem os chamados intervencionistas. Avalia que “fazem muito barulho, mas tem pouca força política”. Ele também se dedica à coleta de assinaturas para legalização do Aliança pelo Brasil, partido conservador e de direita lançado por Bolsonaro.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Aldo | Sexta-Feira, 13 de Março de 2020, 16h44
    5
    1

    Seria interessante incluir no protesto a falta de cumprimento das promessas eleitorais das últimas eleições. Principalmente a correção da tabela do imposto de renda para os cinco salários mínimos. Até agora somente prejudicaram a vida dos trabalhadores com as reformas que não resolveu nada.

  • ronaldo araujo | Sexta-Feira, 13 de Março de 2020, 12h19
    9
    1

    Manifestação sobre o que? Pq a justiça parou as investigação sobre o Flavio Bolsonaro? Sobre a falta de uma politica econômica?

Decreto "anula" o MPE em Juscimeira

moises 400 juscimeira curtinha   Em Juscimeira, o promotor de Justiça Adalberto Ferreira recorreu à Justiça de forma desnecessária. Pleiteou e conseguiu uma liminar para suspender um decreto do prefeito Moisés dos Santos que, segundo a ação, havia reduzido as medidas de isolamento social, permitindo...

Kero-Kero quer levar Abílio para Pode

wilson kero kero 400 curtinha   Na contagam regressiva do prazo para o troca-troca partidário - vence em 3 de abril para quem pretende ser candidato em outubro deste ano -, o vereador Wilson Kero-Kero (foto), do PSL e um dos opositores à gestão Emanuel Pinheiro em Cuiabá, está fortalecendo o Podemos. E se...

ECSP explica confusão com Marcrean

marcrean 400 curtinha   A Empresa Cuiabana de Saúde Pública (ECSP) emitiu nota sobre a suposta “carteirada” do vereador Marcrean Santos (foto) no HMC. Ele foi pivô de confusão e um vídeo viralizou nas redes sociais. Segundo a ECSP, o parlamentar foi até o local pedir informações...

PL quer suspender dívidas das cidades

max russi curtinha 400   Ex-prefeito de Jaciara, o deputado Max Russi (PSB) apresentou projeto que visa suspender os pagamentos das dívidas dos municípios com o Estado, durante o período de calamidade pública que foi decretado pelo governo por causa da pandemia do coronavírus. Max ressalta que MT não deve...

Articulação pra tentar voltar ao Procon

gisela simona 400 curtinha   Com adiamento e ainda sem nova data para a eleição suplementar ao Senado, Gisela Simona (Pros), que se afastou do Executivo para concorrer ao pleito, quer retornar ao cargo de secretária-adjunta de Proteção e Defesa dos Direitos do Consumidor (Procon), vinculado à secretaria...

Senadora, ataques e defesa de Galvan

selma arruda 400 curtinha   Selma Arruda, senadora cassada por crimes eleitorais, um deles caixa 2, escreveu artigo entitulado "MP x Aprosoja. Afinal, quem tem razão", especialmente para defender o aliado político Antonio Galvan, presidente da Aprosoja. Ao concordar com plantio de soja dentro de período proibido pela...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.