Executivo

Quinta-Feira, 04 de Novembro de 2010, 18h:20 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:28

SANECAP

Diretores são empossados

Antônio Ventura   Os novos diretores Técnico, Jacírio Roque, e Comercial, Everson Serra, já assumiram os seus postos na Sanecap e ajudam o novo presidente Antônio Ventura a organizar a companhia de forma técnica para resolver diversos problemas, que têm desgastado a imagem da Sanecap. As alterações nos principais cargos da companhia fazem parte de uma série de ajustes que vêm sendo feitos pelo prefeito Chico Galindo (PTB) para imprimir a sua “imagem” de gestão e, ao mesmo tempo, oxigenar a empresa de saneamento mista, que é alvo de uma avalanche de críticas e acusações.

  Jacírio, que veio de Presidente Prudente, mesma cidade de Galindo, vai substituir Álvaro Luiz Gonçalves. Já Serra, que assinou o termo de posse nesta quinta (4), ficará no lugar de Dejair Soares, que também já atuou como diretor da exinta Fema (hoje Sema). Apenas o diretor financeiro Frederico Campos, que já presidiu a Sanecap por alguns meses, foi mantido no posto. Permanece vaga a cadeira ocupada pela diretora administrativa Cilbene Cristina Santos Rocha de Oliveira.

Confira a exoneração dos diretores da Sanecap

   “Ainda não definimos quem vai assumir essa vaga. Agora cada diretor vai verificar como está a sua área para decidir se haverá mais alterações”, pontua Ventura, numa referência às informações de bastidores de que os próximos a serem exonerados serão os gerentes da Divisão Operacional Noé Rafael e de Atendimento Institucional Édio Ferraz Ribeiro.

   Conforme ele, a marca de sua gestão deverá ser a agilidade, por isso, quem não se adequar ao novo modelo técnico pode ser substituído. Para tanto, ele pretende buscar mais recursos para viabilizar a melhoria da infraestrutura da companhia, que hoje não possui capital de giro suficiente para investir. A missão é difícil tendo em vista a Sanecap é alvo de denúncias relacionadas a a existência de uma suposta máfia da seca, que envolveria até manobristas e um gerente da companhia. O esquema que mistura negligência, omissão e corrupção favoreceria os donos de caminhões-pipas e é apurado por meio de uma sindicância interna e de investigações feitas pela comissão especial da Câmara da Capital. “Eu vou acompanhar tudo e quero ver o resultado final. Se necessário vamos exonerar funcionários e até denunciá-los criminalmente”, afrirmou o presidente da Sanecap.

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • pauloribeiro | Sexta-Feira, 05 de Novembro de 2010, 10h04
    0
    0

    e uma vergonha chico galindo estar trazendo gente de fora para ser diretor da sanecap, sera ele acha que aqui não tem gente competente para ocupar o cargo.

  • Solange | Sexta-Feira, 05 de Novembro de 2010, 09h15
    0
    0

    O ÉDIO FERRAZ E NOÉ SÃO OS CABEÇAS MAQUIAVÉLICOS DAQUELA EMPRESA, POR ISSO QUE A MESMA NÃO VAI PARA FRENTE E A CIDADE FICA PERECENDO COM A FALTA DE ÁGUA .......AGORA COM ELES FORA DO COMANDO PROVAVELMENTE A EMPRESA VAI MELHORAR......ATÉ QUE ENFIM CHEGOU ALGUEM PARA CABAR COM A MÁFIA..........

  • Léo Kuiabano | Sexta-Feira, 05 de Novembro de 2010, 08h42
    0
    0

    A justificativa pra trazer gente de fora deve ser porque não temos profissionais capacitados por aqui!!

  • jossilda ribeiro da silva | Quinta-Feira, 04 de Novembro de 2010, 19h44
    0
    0

    NOÉ RAFAEL E ÉDIO REPRESENTA RETROCESSO DA SANECAP, SE NUNCA CONSIGUIRAM ARRUMAR A CASA NAO VAI SER AGORA Q VAO TRABALHAR DIREITO. EDIO FOI DIRETOR E NAO MOSTROU SERVICO. CHEFA DA AREA DE PROJETO COMPROMETIDO COM IMPREITEIRAS DO PAC. ESTAMOS CONFIANDO NA NOVA DIRETORIA. SOU FUNCIONARIA DA ANTIGA SANEMAT E CONHECO BEM ESSA TROPA DE INCOMPETENTES.

Câmara chama secretária para vaga

chico 2000 curtinha   Após a destituição de Ralf Leite (MDB) da vaga de Chico 2000 (foto), licenciado, por força de decisão judicial, a Câmara de Cuiabá convocou a primeira suplente Luciana Zamproni (MDB) para assumir mandato temporário no Legislativo, menos de 30 dias. Ela atua como...

PTB perdeu uns, mas ganhou outros

emanuelzinho 400   Em Várzea Grande, enquanto alguns militantes do PTB, puxados pelo secretário jaymista Silvio Fidelis foram para os braços do candidato a prefeito Kalil Baracat (MDB), que tem Hazama (DEM) de vice, militantes de outras legendas decidiram abraçar a candidatura do petebista Emanuelzinho (foto). São...

PT de Cuiabá passivo; ROO, autêntico

kleber amorim 400 curtinha   O PT de Rondonópolis se organizou melhor, mobilizou a militância, se tornando mais autêntico do que o núcleo petista de Cuiabá. Para se ter ideia, o partido, numa posição de coragem e levando preocupação ao prefeito Zé do Pátio, que tinha...

DEM é "suprapartidário" em Cuiabá

wilson santos, 400 curtinha   Para uns, o DEM de Cuiabá se tornou "suprapartidário". Para outros, um partido de aluguel. Além de não ter cabeça de chapa para prefeito, o partido do governador Mauro e dos irmãos Júlio e Jayme Campos enfrenta uma situação inusitada de concorrentes...

Diretório do Podemos-VG dissolvido

mara podemos curtinha 400   A direção estadual do Podemos, sob o deputado José Medeiros, destituiu o diretório municipal de Várzea Grande e anulou o encaminhamento para apoio a Kalil Baracat a prefeito. Agora sob comando provisório da professora Wilcimara Carnelós, a Mara (foto), que está na...

Silvio provoca debandada no PTB-VG

silvio fidelis 400 curtinha   Silvio Fidélis (foto), afilhado político de Chico Galindo e que se tornou fiel escudeiro da prefeita várzea-grande Lucimar Campos, de cuja gestão é secretário de Educação, provocou debandada geral no PTB local. Inconformado com a decisão de Emanuelzinho de...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.