Executivo

Domingo, 26 de Janeiro de 2020, 12h:14 | Atualizado: 27/01/2020, 13h:41

MEIO AMBIENTE

Em MT, arrecadação com multas do Ibama cresce 12,5% mesmo sob Bolsonaro - veja

Rodinei Crescêncio/Arte/Rdnews

Quadro arrecada��o Ibama

Quadro mostra a evolução, mês a mês, do arrecadado pelo Ibama com a aplicação de multas em MT, ano passado

O valor arrecadado em multas pelo Ibama em Mato Grosso cresceu 12,5% se comparados os anos de 2018 e 2019. O crescimento se deu apesar do discurso e de medidas práticas adotadas pelo governo federal sob gestão do presidente Jair Bolsonaro e do ministro de Meio Ambiente, Ricardo Salles, contra o que o primeiro chama de “indústria da multa” no país.

Foram R$ 4,4 milhões arrecadados em 2019. O crescimento, contudo, é menor que em anos anteriores. Nos últimos cinco anos, de 2015 a 2019, o valor arrecadado com as multas em Mato Grosso cresceu 166%, saindo de R$ 1,6 milhão para os R$ 4,4 milhões do último ano.

Os dados foram obtidos pelo em um pedido feito ao Ibama com base na Lei de Acesso à Informação (LAI). O órgão informou mês a mês os valores arrecadados no Estado desde 2015. As informações, segundo o Ibama, foram extraídas do Sistema de Cadastro, Arrecadação e Fiscalização (Sicafi).

O mesmo pedido foi feito à secretaria estadual de Meio Ambiente (Sema), que faz a fiscalização em nível estadual. A ouvidoria da pasta informou apenas um link em que constam publicações do Diário Oficial com extratos dos autos de infração, sem quaisquer valores referentes às multas.

Segundo os dados do Ibama, o crescimento no primeiro ano da gestão Bolsonaro foi menor que em 2018. No último ano do ex-presidente Michel Temer (MDB), que tinha Edson Duarte no Meio Ambiente, o crescimento na arrecadação com autos de infração foi de 32%, saindo de R$ 2,9 milhões em 2017 para R$ 3,9 milhões em 2018.

Queimadas e multas

O desmatamento na Amazônia Legal cresceu 30% entre julho de 2018 e agosto de 2019, em comparação com mesmo o período anterior, segundo dados do Inpe capturados pelo satélite Prodes. Foram 9,7 mil km quadrados de floresta derrubada. Mato Grosso foi o segundo Estado da região que mais contribuiu com o indicador negativo no intervalo, com 1,6 mil km quadrados, volume 13% maior que no ano anterior. A área desmatada no Estado equivale a 235,9 mil campos de futebol.

Pelos dados mensais, as multas aplicadas pelo Ibama em Mato Grosso tiveram um pico em setembro do ano passado, atingindo R$ 927,6 mil. O período coincide com a crise de queimadas vividas na Amazônia Legal. A situação gerou crise política, inclusive com líderes internacionais pressionando o governo brasileiro para tomada de medidas contra as queimadas e o desmatamento.

Julho foi o segundo mês com maior arrecadação, registrando R$ 692 mil, enquanto junho teve o menor valor registrado pelo Ibama em 2019: R$ 139,6 mil.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Roberto | Domingo, 26 de Janeiro de 2020, 17h08
    0
    0

    Esse dinheiro vai pra onde? porque em Mato Grosso não fica nem um centavo, só que as multas da SEMA só quem recebe são os Advogados que trabalham para os infratores.

Matéria(s) relacionada(s):

Apoio entre opositores é pura falsidade

diego guimaraes 400 curtinha   O tão propagado apoio político recíproco entre os vereadores de oposição em Cuiabá, principalmente em relação ao futuro cassado Abílio Júnior, não é verdadeiro. Todos são concorrentes entre si. Tentam viabilizar suas...

Joaninha se afasta da Câmara de Sinop

joaninha 400 sinop vereador curtinha   O vereador por Sinop Joaninha (MDB), conforme a coluna Curtinhas adiantou, se licenciou do cargo por 60 dias para se recuperar do acidente que sofreu durante manobra na Competição Duelo de Motos, em Atibaia (SP). Enquanto isso, o suplente Mauro Garcia (MDB), ex-secretário de...

Manifestação de apoio deles para ele

elizeu nascimento 400 curtinha   Mesmo com o apoio dos deputados Elizeu Nascimento (foto), Xuxu Dalmolin e Ulysses Moraes que levaram até assessores, em pleno horário de expediente, a manifestação pró-Abílio na Câmara de Cuiabá foi considerada fraca. Investigado por quebra de decoro...

TCE cria estrutura para atender a AL

maluf 400 curtinha   A Assembleia Legislativa saiu de Guilherme Maluf (foto), mandando-o para o TCE, mas ele não saiu da AL. Alçado à presidência com menos de um ano na cadeira vitalícia, Maluf acaba de criar uma assessoria parlamentar para promover o intercâmbio com as comissões da AL e ainda um...

Cassação de Abílio depois do Carnaval

abilio junior 400 curtinha   Por mais que Abílio Júnior (foto) implore e grite por socorro, na esperança de escapar da cassação, inclusive se colocando como vítima de perseguição política, perderá mesmo mandato. Mas isso só vai ocorrer após o Carnaval. A...

PGR monitora delação de ex-deputado

jose riva 400 curtinha   Membros do alto escalão da Procuradoria-Geral da República, que rejeitou a proposta de delação de José Riva (foto) na esfera federal por causa de omissão de crimes, estão monitorando os bastidores do acordo de colaboração, agora entre o Ministério...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Bolsonaro...

excelente

bom

razoável

ruim

péssimo

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.