Executivo

Segunda-Feira, 13 de Julho de 2015, 14h:42 | Atualizado: 13/07/2015, 14h:50

NEGOCIAÇÃO

Governo pede mais prazo antes de passar obra do aeroporto à Infraero

Lucas Ninno/Gcom

eduardo_chiletto_.jpg

Eduardo Chiletto reforça busca pela conclusão das obras

A Infraero deveria voltar a assumir as obras do aeroporto Marechal Rondon, em Várzea Grande, nesta terça (14), contudo, o Governo solicita a prorrogação do prazo para que haja um acordo com a empresa responsável pela obra.

A informação é do secretário estadual de Cidades, Eduardo Chiletto. Para que a obra seja transferida à Infraero é necessário que a empresa também esteja de acordo com a mudança. 

O secretário informa que o assunto será discutido ainda hoje com o governador Pedro Taques (PDT) para buscar um consenso. “Existe o interesse da Infraero em assumir e do Governo em repassar, mas o que temos de negociar é com a empresa, porque tem de ser assinado pelos três”, explica.

Em maio deste ano, o Executivo e a Infraero assinaram um termo aditivo para prorrogar o convênio referente às obras. Com isso, a estatal firmou compromisso de assumir a execução das obras em até 60 dias, prazo que encerraria amanhã.

Chiletto destaca que o Estado busca a conclusão das obras e adianta que existe o interesse da Engeglobal, construtora responsável pelas obras que deveriam ter sido concluídas em 8 de março do ano passado.

Entretanto, de acordo com dados da própria Secid, até o momento apenas 72,7% das obras foram executadas. Em contrapartida, foram pagos ao consórcio pouco mais de R$ 59,58 milhões, de um total de R$ 83,49 milhões previstos.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Antonio Carlos de Miranda | Segunda-Feira, 13 de Julho de 2015, 18h02
    1
    0

    Muito bem Chiletto. Não da conta de fazer o serviço, CAI FORA, nem entregar a obra para outro vocês conseguem cumprir o prazo, Santa Paciência. Ainda bem que vocês não fizeram serviço nenhum. ONDE EU ENFIO MINHA CARA, VOTEI E PEDI VOTO POR PTaques

Chefe do Escritório de ROO em Cuiabá

mario marques 400 curtinha   O prefeito de Rondonópolis, Zé do Pátio, que iniciou neste mês o 3º mandato, mantém como parte da estrutura da administração um cargo de chefe do Escritório de Representação do município na Capital. E Pátio nomeou para esta...

Prefeito cria comitê pra debater modal

emanuel pinheiro 400 curtinha   Mesmo o governador Mauro Mendes já tendo anunciado que vai implantar o BRT na Região Metropolitana, em detrimento do VLT, o prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro (foto) criou um comitê de análise técnica para, segundo ele, definir o modal de transporte para a região. Emanuel...

Desembargadores recebem 6 auxílios

maria helena povoas 400   O Tribunal de Justiça de MT, presidido pela desembargadora Maria Helena Póvoas (foto), vai pagar uma série de direitos e vantagens que "engordam" substancialmente o subsídio de seus magistrados e que foram programados pelo ex-presidente Carlos Alberto para liberá-los no orçamento...

Hospital cobra R$ 2,4 mi da prefeitura

luiz carlos pereira 400 tce   O Instituto de Saúde Santa Rosa recorreu ao TCE, na esperança de encontrar respaldo para receber R$ 2,4 milhões da secretaria de Saúde da Capital. Argumenta que a prefeitura, com quem mantém contrato desde 2019, está inadimplente, pois não teria pago integralmente os...

Definido novo presidente do Sanear

hermes avila 400   O prefeito Zé do Pátio nomeou à presidência do Serviço de Saneamento Ambiental de Rondonópolis (Sanear) o engenheiro Hermes Ávila de Castro (foto), que tende a se efetivar no cargo. Hermes ocupa a cadeira que, desde janeiro de 2017, pertencia à Terezinha Silva de Souza,...

Afilhado de Bezerra nomeado adjunto

clovis cardoso 400   O MDB, sob o cacique político Carlos Bezerra, "emplacou" mais um filiado histórico em cargo relevante na gestão Mauro Mendes. O advogado e ex-superintendente regional do Incra-MT, Clovis Figueiredo Cardoso (foto), foi indicado e já nomeado para o cargo de secretário-adjunto de Agricultura...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.