Executivo

Sexta-Feira, 29 de Janeiro de 2010, 14h:57 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:25

IMPASSE

Greve de dentistas leva governo Wilson a economizar R$ 300 mil

   Levantamento do Sindicato dos Cirurgiões Dentistas revela que o prefeito cuiabano Wilson Santos (PSDB) obtém uma economia de R$ 300 mil ao mês com a greve dos profissionais. Em cinco dias de paralisação, uma média de 7 mil procedimentos odontológicos deixou de ser realizado. O presidente do sindicato, Gustavo Oliveira, alerta que o prefeito não tem interesse em resolver a situação. “Com a greve, ele está guardando dinheiro para a campanha. Ele disse isso a uma pessoa que infelizmente não posso revelar o nome”, reclama o cirurgião dentista.

   Ele também denuncia que o setor odontológico virou uma espécie de moeda de troca entre prefeito e aliados, que almejam cargos na prefeitura. “Existe uma ação civil pública, proposta pelo promotor Célio Fúrio, em que o Wilson é denunciado pelo número excessivo de contratos temporários. Apenas 25% dos contratos podem ser deste tipo”, explica Gustavo.

   O secretário de Saúde de Cuiabá, Maurélio Ribeiro, admite que 50% dos profissionais foram contratados temporariamente, mas frisa que a paralisação deles é ilegal. “A Procuradoria-Geral do município emitiu parecer em que considera ilegal a greve dos temporários”, diz o médico. Na avaliação de Gustavo, os gestores municipais tentam justificar uma ilegalidade a partir de outra. “Nestes cinco dias de greve, não foram chamados para conversar uma vez sequer. O prefeito não quer resolver o problema, mas nós queremos uma solução”.

  Atualmente, a prefeitura conta com 228 cirurgiões dentistas, sendo que 140 foram contratados temporariamente. O piso salarial dos profissionais é de R$ $ 840, chegando ao máximo de R$ 2 mil para aqueles que trabalham há mais tempo e ganham o prêmio saúde. Em proposta enviada à prefeitura, os cirurgiões reivindicam remuneração de R$ 1,6 mil ao mês, a ser implantado ainda em 2010, com reajustes anuais. Gustavo explica que a proposta prevê salário de R$ 842, mais R$ 336 referente ao adicional de insalubridade e R$ 500 do chamado “mensalinho”. A soma destes valores equivale a R$ 1,6 mil. “Hoje o nosso salário é de R$ 16 por dia. Isso significa que ganhamos menos que uma doméstica e ainda não temos direito a vale-transporte e alimentação”. Após analisar as reivindicações, o prefeito apresentou contraproposta com salários que variam de R$ 1 mil, para quem possui ensino superior, a R$ 1,1 mil para os odontólogos com doutorado.

   Outro Lado

   O secretário Maurélio Ribeiro tenta intermediar o impasse entre Wilson e a categoria. Segundo ele, o prefeito decidiu não negociar com os cirurgiões dentistas até que eles retornem ao trabalho. Wilson ficou na “bronca” porque representantes do sindicato e da prefeitura estavam negociando um acordo e, de forma unilateral, a categoria deflagrou greve. “O sindicato apresentou uma proposta e a prefeitura fez outra. Logo em seguida, os profissionais interromperam as negociações e declararam greve”. Ele pondera que acredita no avanço das negociações. “Vou tentar mediar esta situação porque não é interessante para a prefeitura e aos profissionais continuar neste impasse”.

Postar um novo comentário

Comentários (21)

  • SÉRGIO | Terça-Feira, 02 de Fevereiro de 2010, 12h32
    0
    0

    Com certeza esse tal sr. Márcio Guedes deve estar se referindo à qualquer clínica, menos nenhuma da prefeitura, uma vez que temos metas mensais a cumprir (20 tratamentos concluídos/mês/dentista), portanto, tal desídia não deve prosperar. OU talvez ele seja daqueles chatos que tem alguma influência nas chefias, falta sempre e sempre conseguem voltar/reiniciar o tratamento. Conselho: Já que não respeita aos outros, respeite a si mesmo, acabe logo esse tratamento antes que seus dentes(?) acabem com você... Ah, e não espere a greve acabar, tem um monte de clínicas por aí que o Sr. pode escolher, se é que me entende!

  • GUSTAVO OLIVEIRA | Segunda-Feira, 01 de Fevereiro de 2010, 23h52
    0
    0

    Sr. Mario Guedes, Em que mundo estas? Os cirurgiões dentistas são exemplos que devem ser seguidos, profissionais que cumprem seus horários de forma controlada pela coordenação! Não cobre do motorista do ônibus que ele movimente a condução se não existe diesel no tanque, ou se os pneus estão furados, se vc não foi atendido é porque não tinha material para te atender!!! Isso inclusive é notificado com B.O.´s nas delegacias para mostrar que a culpa não é nossa!!! Justamente para nenhum em engraçadinho nos acuse de situações que não são de nossa culpa, que bom que vc gosta do serviço dos medicos, eles são colegas regidos pela mesma Lei Federal que a nossa!!! Que Deus ilumine seu caminho  Mario!!!!

  • Cezar | Segunda-Feira, 01 de Fevereiro de 2010, 08h46
    0
    0

    Dentistas da prefeitura trabalham tanto quanto os médicos, é uma tremenda injustiça estes profissionais receber um sálario tão baixo, ja fui consultado pelos profissionais odontologico na policlinica do verdão várias vezes e nunca vi ausência de profissionais e sim de materiais, que a prefeitura nunca compra, isso sim, Fora Wilson, voce é só bla bla bla

  • mario guedes | Domingo, 31 de Janeiro de 2010, 13h44
    0
    0

    O PREFEITO ESTA CERTO EM NAO DAR ISONOMIA IGUAL A DOS MEDICOS ELES JA GANHAM MUITO PRA NAO FAZER NADA ,EU COMECEI UM TRATAMENTO NA CLNICA DO VERDAO TEM UM ANO E NAO CONSIGO TERMINAR PORQUE OS DENTISTAS NAO CUMPRE SEUS HORARIOS ,FALTA DEMAIS AI MARCAM HORARIO PRA OUTRO E É A MESMA COISA EESSES DENTISTAS E SO ENROLAÇAO TOMANDO O DINHEIRO NOSSO E NAO FAZ NADA

  • DITAO MELLO REGO | Domingo, 31 de Janeiro de 2010, 09h50
    0
    0

    WILSON SANTOS O PREFEITO PRA SER ESQUECIDO, VAI LEVAR UMA SAPATADA NA ELEIÇAO ,VEM QUE O SEU TA GUARDADO,,,,

  • Maria Lobão | Sábado, 30 de Janeiro de 2010, 10h34
    0
    0

    Cada dia que passa e com as trapalhadas do prefeito Wilson, eu vejo JAYME ser o candidato ao Governo na coligação PSDB/DEM. É isso Wilson cada dia uma trapalhada, cada semana uma crise, e ainda carrega um Vice Prefeito que o cuiabano não quer aceitar como prefeito. Então pode ficar na prefeitura e planejar uma gestão até 2012.

  • Gabi | Sexta-Feira, 29 de Janeiro de 2010, 23h32
    0
    0

    sou funcionária da prefeitura e nunca imaginei que sentiria saudades do ex-prefeito ROBERTO FRANÇA ,não valorizou o salário do servidor ,mas a cidade não estava um lixo como está hoje.Mr.wilson conseguiu acabar com a cidade e está dando continuidade à desvalorização do servidor ,dando inveja á ROBERTO FRANÇA. ADEUS WILSON ,ATÉ NUNCA MAIS....

  • Patrícia | Sexta-Feira, 29 de Janeiro de 2010, 23h16
    0
    0

    As vezes fico pensando que o mosquito da dengue é o maior problema da saúde de Cuiabá, mas aí lembro que wirsinho(wilson santos ) existe e mudo ideia! hehe!

  • Assunção | Sexta-Feira, 29 de Janeiro de 2010, 23h03
    0
    0

    Cuiabania: Torno a reiterar = Por acaso o PSDB tem um projeto para o povão? É claro que não, portanto o Senhor Wilson Santos, não está nem aí para greve de dentistas, o que ele mais quer é economizar, não sei para que mas acho que o povo já sabe,

  • Érica | Sexta-Feira, 29 de Janeiro de 2010, 22h51
    0
    0

    Um gestor eleito pelo povo que promete e não cumpre, que faz concurso e não nomeia, que não negocia acordos salariais justos, não pode ser o futuro governador deste estado Acorda Wilson Santos!!!!

Luizão e 10 promessas em cartório

luizao 400   O empresário Luizão (foto), candidato a prefeito de Rondonópolis pelo Republicanos, registrou em cartório 10 comprimissos de gestão, garantindo, em caso de eleito, executá-los logo no primeiro mês de mandato. O primeiro deles é de zerar a fila de consultas, exames e cirurgias. E...

Ex-secretários de França sem mácula

roberto franca 400 curtinha   A assessoria jurídica da coligação de Roberto França (foto), que concorre à Prefeitura de Cuiabá pelo Patriota, classifica de mentirosa e irresponsável a notícia de que ex-secretários de França, da época em que comandou a Capital, de 1997 a...

Líderes de Lucas e apoios ao Senado

otaviano pivetta curtinha 400   As principais lideranças políticas da "República" de Lucas do Rio Verde estão divididas nos apoios sobre candidaturas ao Senado. O vice-governador Otaviano Pivetta (foto), recém-desfiliado do PDT, faz campanha pela coronel Rúbia Fernanda (Patriota), propagada como a candidata...

Reeleição difícil em Barra do Bugres

raimundo nonato 400   Aos 81 anos, o piauiense de Campo Maior, Raimundo Nonato (foto), busca renovar o mandato de prefeito de Barra do Bugres pelo DEM. Embora considerado carismático e populista, pioneiro no município e ajudado pela força da máquina pública, Nonato, que já foi prefeito nos anos 82 e 90,...

4 com as maiores chances ao Senado

carlos favaro 400 curtinha   Todos os principais candidatos ao Senado, na suplementar de 15 de novembro, para eleger quem ocupará a cadeira da cassada Selma Arruda, estão trabalhando com tracking eleitoral, metodologia que consiste, basicamente, em realizar pesquisas de intenção de voto por telefone de forma...

Polarização entre Gustavo e os Maia

gustavo mello 400 curtinha   Em Alto Araguaia, três disputam a prefeitura, mas a briga eleitoral está mesmo polarizada entre o prefeito Gustavo Melo (foto), do PSB, e Martha Maia (PP), irmã do ex-prefeito por quatro vezes Maia Neto. Júnior da Farmácia (PSL) corre por fora, mas sem chance de êxito nas urnas....

MAIS LIDAS