Executivo

Quinta-Feira, 13 de Janeiro de 2011, 15h:33 | Atualizado: 13/01/2011, 17h:45

Várzea Grande

Hospital Metropolitano vai ser inaugurado em maio, diz Henry

Pedro Henry e Murilo Domingos   O secretário estadual de Saúde Pedro Henry garantiu, nesta quinta (13), que o Hospital Metropolitano de Várzea Grande vai começar a funcionar em maio. Apesar da estrutura física da unidade já ter sido concluída há 2 anos, o local permanece vazio. Ocorre que nem a Prefeitura de Várzea Grande ou o Paiaguás tinham recursos para equipar e manter o hospital em funcionamento. Mesmo garantindo a inauguração para o primeiro semestre deste ano, Henry ressalta que os atendimentos devem ser iniciados de forma gradativa.

   De acordo com o secretário, na unidade funcionará um centro de referência em tratamentos cirúrgicos, traumatologia e ortopedia. O hospital atenderá, principalmente, os casos de paciente vítimas de acidentes de trânsito.

   Com isso, a demanda do pronto socorro da Capital deve diminuir. Henry ressalta, contudo, que apenas os casos relacionados a essas especialidades serão tratados em Várzea Grande. "Se a gente misturar os assuntos o atendimento não será eficaz", explicou.

   O Hospital Metropolitano foi construído com recursos da prefeitura num terreno cedido pela Univag. O objetivo é que ele seja destinado ao ensino e pesquisa, já que a universidade, localizada ao lado da unidade, estuda abrir um curso de medicina. Apesar disso, a administração do hospital ficará por conta do Estado. De acordo com Henry, serão destinados à unidade cerca de R$ 2,5 milhões por mês.

Postar um novo comentário

Comentários (17)

  • Jedae | Segunda-Feira, 17 de Janeiro de 2011, 14h45
    0
    0

    Pedrão quase até chorou, na TVCA. Quando falou que as Organização da Sociedade Civil de Interesse Público, é que vai tomar conta do novo hospital. Por que será????? Um doce pra quem saber a resposta certa!

  • Jedae | Segunda-Feira, 17 de Janeiro de 2011, 14h31
    0
    0

    Quem vai tomar conta disso ai são as: Organização da Sociedade Civil de Interesse Público ou seja OSCIP!

  • MANOEL FERREIRA | Sexta-Feira, 14 de Janeiro de 2011, 16h20
    0
    0

    Querido Nelson Sampaio, sou de Cáceres, servidor público do Estado, não pactuo de políticos do tipo de Pedro Henry (o agora Henry Cristo), que são capazes de tudo, nem de políticos do tipo Túlio Fontes, que não são capazes de nada, muito menos de pseudo cidadão como sua pessoa que pelo jeito depende de viver puxando saco deste ou daquele político. Pra não viver me humilhando como você, achando bonitas todas as maracutaias que político opotunista faz, eu estudei, mas acho que essa não é sua praia né. Por contas de pessoas como esse Nelson Sampaio que esses corruptos nadam a braçadas. Mas não devemos culpar os ignorantes, afinal, eles não sabem o que fazem.

  • MANOEL FERREIRA | Sexta-Feira, 14 de Janeiro de 2011, 16h19
    0
    0

    Querido Nelson Sampaio, sou de Cáceres, servidor público do Estado, não pactuo de políticos do tipo de Pedro Henry (o agora Henry Cristo), que são capazes de tudo, nem de políticos do tipo Túlio Fontes, que não são capazes de nada, muito menos de pseudo cidadão como sua pessoa que pelo jeito depende de viver puxando saco deste ou daquele político. Pra não viver me humilhando como você, achando bonitas todas as maracutaias que político opotunista faz, eu estudei, mas acho que essa não é sua praia né. Por contas de pessoas como esse Nelson Sampaio que esses corruptos nadam a braçadas. Mas não devemos culpar os ignorantes, afinal, eles não sabem o que fazem.

  • nelson sampaio | Sexta-Feira, 14 de Janeiro de 2011, 15h48
    0
    0

    Este sujeito que se escondeu atrás do nome de Manoel Ferreira, deve ser mais um daqueles puxa saco do prefeito que não foi eleito de caceres, Tulio Fontes. Deve ser mais um no rol de funcionários fantasma da prefeitura de cáceres. Deixe essa toupeira vomitar asneira Deputado Pedro Henry, e continue na sua incansável luta por Mato Grosso. Mostre a esses energúmenos que competencia e trabalho são suas macas registradas e continue fazenbdo muito pelo povo. Várzea Grande bem como Mato Grosso, precisa e confia na sua competencia, para minimizar o sofrimento do povo, .

  • profª. Nice | Sexta-Feira, 14 de Janeiro de 2011, 12h31
    0
    0

    É Manoel Ferreira, ontem foi a 1ª vez que vi e ouvi o Sr. Pedro Henry falar, devo admitir que ele tem uma retórica impecavel, como ele mesmo disse "ele tira tudo de letra pois é politico de formação" ele é capaz de convencer qualquer um e fazer-nos pensar que realmente ele é um santo, o salvador da pátria e que suas intenções são as melhores mas quem não se lembra de seu passado? Cheio de corrupção e processos? E o que doí é ver os politicos todos babando nele como se fosse um outro Henry, o Henry Cristo. Como moradora de Vg quero muito que a saúde melhore, que o hospital seja entregue a população e que seja sim utilizado também como hospital escola pelo Univag, acredito que a população ganhará com isso. Porem, não concordo e não concordo mesmo com o modelo de gestão que Henry que implantar (PPP) pois neste modelo pode ter certeza que alguem está lucrando muito com isso e não é o povo. Gostariamos de ver em nosso município um hospital de referencia, modelo, e esse tem tudo pra ser, mas o qual poderiamos ter o orgulho de dizer esse hospital é do povo administrado para o povo e pelo Povo mas infelismente essa não é a vontade de Henry, o henry que não é cristo.

  • MANOEL FERREIRA | Sexta-Feira, 14 de Janeiro de 2011, 07h46
    0
    0

    Pedro Henry não admitira concurso público pra servidores porque com certeza ja esta tudo acertado com uma empresa sua para fornecer os servidores tercerizados. Daí a pressa pra inaugurar mesmo sem ter condições. Ele só pensa em se dar bem, talvez ele até tenha esquecido a atividade meio e fim do hospital. Deve chegar em sua casa no final do dia e cair na gargalhada da cara dos imbecis que votaram nele e de todos nós que o criticamos. Deve ter a mesma reação do Silvester Stalone, deve pensar: "O povo de MT é mesmo muito legal, eu apronto na saúde, apronto no congresso, apronto em todos os lugares possíveis, desvio dinheiro, faço obras superfaturadas e ainda votam em mim, só não me dão um macaco porque já são meus macaquinhos de estimação" e da lhe risadas. É o Brasil.

  • MANOEL FERREIRA | Sexta-Feira, 14 de Janeiro de 2011, 07h37
    0
    0

    Cáceres tem mais uma pseudo obra comandada por esse Senhor (da mais alta periculosidade), foi feita uma obra que seria uma espécie de despoluição da Baia do Malheiros), que passa pela cidade. Essa obra é um tapa na cara da população. Toda vez que dá uma chuva mais ou menos, arrebenta toda a estrutura, o rio vira um mar de espumas. Alem do que, toda vez precisa ir uma máquina e quebrar tudo pra agua sair. É mais uma que nos faz ter vergonha dos políticos dessa terra. Sem falar é claro na reforma da ponte Marechal Rondon, mais uma obra que saiu em torno de 10 milhões e que o MPF ja constatou que houve desvio de mais de um milhão de reais. Mas quanto ao último caso, penso que o Sr. Pedro Henry não teve nada a ver, afinal foram desviados, segundo o MPF, apenas 10% do valor total e não 30% como manda sua cartilha de bolso.

  • MANOEL FERREIRA | Sexta-Feira, 14 de Janeiro de 2011, 07h28
    0
    0

    Pedro Henry só tem uma única preocupação: 30%. Em Cáceres foi construído à alguns anos, um tal de portal turístico, na entrada da cidade, obra milionária, hoje chamada de carangueijão. Não tem e nunca teve a menor serventia, abandonado totalmente, na primeira chuva à época a cobertura veio abaixo, tamanha a falta de qualidade da obra. Mas tenho certeza que (no mínimo) 30% teve uma destinação, digamos, mais "útil", pena que não seja útil pra quem é dono do dinheiro que é o povo.

  • Vivian dal Ponte | Sexta-Feira, 14 de Janeiro de 2011, 00h14
    0
    0

    O senhor Pedro Henry está pegando as oportunidades para desfazer em nossa memória um passado nada honesto. Uma palavra pode puxar outras... sanguessuga!

Ex-vereador recua para apoiar primo

divino 400 barra do bugres   Ex-vereador, ex-presidente da Câmara e empresário bem sucedido, Chico Guarnieri (PTB) não será candidato a prefeito de Barra do Bugres nas eleições deste ano. Guarnieri, que disputou a prefeitura em 2016, até ensaiou, mas recuou ao ver que o primo, pedetista Doutor Divino...

3 ex-prefeitos viram cabos eleitorais

percival muniz 400 curtinha   Dois candidatos de oposição em Rondonópolis têm ex-prefeitos como principais cabos eleitorais. O empresário Luiz Fernando, o Luizão (Republicanos), conta com apoio de Adilton Sachetti, que já comandou o município e perdeu na tentativa de reeleição, e...

3 candidatos competitivos em Sinop

roberto dorner 400   Apesar da "inflação" de candidatos a prefeito de Sinop, com cinco no páreo, a disputa tende a se acirrar mesmo entre o empresário Roberto Dorner (foto), do Republicanos e apoiado pela prefeita Rosana Martinelli (PL), o ex-prefeito e deputado Juarez Costa, que atraiu 10 partidos para o palanque, e o...

Ex-prefeito no páreo em Alta Floresta

robson silva 400 curtinha   Alta Floresta, uma das cidades pólos do Nortão, tem sete candidatos a prefeito. Um deles é Robson Silva (foto), empresário, ex-prefeito entre 93 e 96 e que concorre pelo MDB, mesmo partido do prefeito Asiel Bezerra, que está encerrando o segundo mandato e se tornou um dos principais...

Vice sinopense quer retornar à Câmara

gilson de oliveira 400 curtinha   O vice-prefeito de Sinop e apresentador de TV, Gilson de Oliveira (foto), resolveu concorrer a vereador, cadeira já ocupada por ele por dois mandatos, o primeiro pelo PSDB, entre 2005 e 2008, e, depois, pelo PSD (2009/2012). Foi candidato a deputado estadual duas vezes (2006 e 2010) e, como suplente da...

Vice que morreu na praia em Tangará

renato gouveia 400 curtinha   Assim que percebeu que não seria escolhido pelo prefeito Fabio Junqueira (MDB) como o candidato governista na briga pela Prefeitura de Tangará da Serra, ainda em junho, o vice-prefeito Renato Gouveia (foto), do PV, correu para os braços do tucano Vander Masson. Levou com ele uma chapa de 21...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.