Executivo

Segunda-Feira, 07 de Outubro de 2019, 11h:41 | Atualizado: 07/10/2019, 16h:36

ORÇAMENTO

Mauro defende incentivos fiscais "que não beneficiem só empresas" para acatar LRF

O governador Mauro Mendes (DEM) defendeu medidas como a revisão da política de incentivos fiscais, o combate à sonegação e contenção de despesas como meios para alcançar os limites da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). Nesta segunda (7), ele participou da reabertura do Museu Casa Dom Aquino, em Cuiabá.

O Plano Plurianual (PPA) apresentado pelo governo à Assembleia traz que, até 2023, o Executivo precisa aumentar a arrecadação em R$ 13 bilhões e cortar R$ 6,7 bilhões em despesas para alcançar o limite de 49% do orçamento gasto com folha salarial.

De maneira mais urgente, o governo ainda busca solucionar o pagamento do 13º salário dos servidores públicos. Até o ano passado, o Executivo pagava parte do benefício no mês de aniversário, o que foi alterado por Mauro em janeiro, passando o pagamento de todos para dezembro.

“Para a arrecadação, nós vamos combater a sonegação, vamos trabalhar melhor uma política de incentivos fiscais para que esses incentivos possam se traduzir em benefícios para Mato Grosso e não apenas benefícios para as empresas, isso vai aumentar a nossa arrecadação. E vamos também trabalhar um grande programa de desenvolvimento econômico que já está em curso, que vai aumentar a capacidade de crescer da economia mato-grossense, crescendo a arrecadação de impostos”, defendeu Mauro.

Entre as medidas de contenção de despesas, o chefe do Executivo destacou o não crescimento da folha de pessoal, além de redução nos gastos com passagens áreas. O democrata avaliou que é possível sanear as contas até 2023, se o “dever de casa” for feito. Para 2020, o orçamento tem uma previsão de R$ 600 milhões de déficit, valor significativamente menor que os R$ 1,7 milhão de 2019.

O governador evitou comentar os trabalhos da CPI da Renúncia e Sonegação Fiscal da Assembleia, que busca encontrar justamente os gargalos na arrecadação de impostos.

“Mas no Executivo, nós estamos trabalhando com muito vigor para combater a sonegação e temos tido resultados importantes, pegando algumas quadrilhas que estavam fazendo esse processo de evasão fiscal ou de sonegação, e que agora nós vamos trabalhar, cada vez mais, com tecnologia para fazer com que o dinheiro público que é devido ao Estado possa entrar efetivamente”, declarou.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Matéria(s) relacionada(s):

Políticos em peso em evento do HMC

A solenidade que marcou a entrega do HMC em Cuiabá, nesta segunda (19), está sendo considerada o evento do ano para o prefeito Emanuel. Ele conseguiu motivar a presença de diversas lideranças políticas, empresariais e de diferentes setores. Para se ter uma ideia, dos 11 membros da bancada federal, 8 estavam presentes, assim como 16 dos 24 deputados estaduais e 17 dos 25 vereadores. Também marcaram presença dezenas de prefeitos e outros...

Base na Câmara e apoio de Iva Viana

leonardo 400 curtinha   Leonardo Bortolin (foto), que comanda Primavera do Leste e um dos vários prefeitos que prestigiaram a solenidade de entrega 100% do HMC, nesta segunda à noite, em Cuiabá, revelou contar com uma base forte e sólida na Câmara Municipal, o que tem sido importante na aprovação dos...

Ato de EP atrai 6 últimos governadores

emanuel pinheiro 400 curtinha   Emanuel Pinheiro (foto), habilidoso nas articulações políticas, conseguiu levar para o mesmo evento, marcando a entrega 100% do Hospital Municipal de Cuiabá, nesta segunda à noite, cinco ex-governadores e ainda o atual. Prestigiaram a solenidade Júlio Campos, Carlos Bezerra,...

Governador tenta constranger prefeito

mauro mendes 400 curtinha   Mauro Mendes (foto) tentou constranger o prefeito Emanuel, nesta segunda, na festa da entrega para funcionamento pleno do Hospital Municipal de Cuiabá. Na presença de diversas autoridades, inclusive dos últimos cinco governadores, com exceção de Silval, o atual chefe do Executivo, em...

3 vereadores cuiabanos no Cidadania

diego guimaraes 400 curtinha   O Cidadania, hoje sem voz na Câmara de Cuiabá, poderá ter três vereadores a partir de março de 2020, com abertura da janela. Na dança das cadeiras, Felipe Wellaton sairá do PV para aderir ao Cidadania, que já é presidido em Cuiabá pelo seu chefe de...

6 na Câmara tentam barrar projetos

francis maris 400 curtinha   O prefeito cacerense Francis Maris (foto) luta junto aos vereadores, para, enfim, concretizar todas as etapas de um financiamento milionário para projetos na área de saneamento. São R$ 130 milhões para abastecimento de água e cobertura de rede de esgoto, com juros de 6% ao ano e 20...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a decisão do Supremo de suspender prisão imediata após julgamento em segunda instância?

Concordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.