Executivo

Segunda-Feira, 21 de Outubro de 2019, 09h:11 | Atualizado: 21/10/2019, 20h:17

ICMS

Mauro desconversa sobre reduzir o ICMS da energia e teme "politicagem" em CPI

O governador Mauro Mendes (DEM) garante que o Estado vai acompanhar os trabalhos da CPI da Energisa na Assembleia. Perguntado se o Estado pode ajudar, de alguma forma, na redução da tarifa, Mauro desconversa e sai pela tangente: “tá caro, quem regula é a agência nacional de energia elétrica, não é um problema que está sob a tutela do Estado”, disse durante visita a Sinop.

Assessoria

Mauro em Sinop

Mauro Mendes concede entrevista durante visita a Sinop e comenta investigação na AL

Assim, o chefe do Executivo deixa claro que o Estado, que enfrenta crise econômica, não está aberto a negociação em relação ao valor de ICMS cobrado nas contas de energia elétrica. O tributo é um dos mais altos do país. E a sua redução poderia impactar diretamente em contas menos “salgadas”.

Em audiência pública, realizada na semana passada, o presidente da Energisa Mato Grosso, Riberto José Barbanera, enfatizou que 80% do valor pago pelos mato-grossenses é destinado ao pagamento de impostos e repasses ao setor elétrico.

Entre os tributos recolhidos pela empresa, o presidente da Energisa citou o pagamento de PIS/Cofins ao governo Federal, ICMS ao governo do Estado e também a Contribuição para Iluminação Pública (CIP) aos municípios.

Sobre o andamento dos trabalhos dentro da Assembleia, Mauro ressalta a necessidade de se tomar cuidado para que não se faça politicagem. “É muito comum acontecer distorções de informações. Mas, com honestidade e verdade, nós vamos estar do lado para ajudar naquilo que for melhor para a população de Mato Grosso”.

Proposta por Elizeu Nascimento (DC), a CPI teve apoio em massa dos deputados e deve iniciar as investigações nos próximos dias – os blocos discutem quem vão indicar para compor a comissão, que será presidida por Elizeu. O objetivo é investigar possíveis irregularidades no que diz respeito ao  aumento abusivo nas contas de energia elétrica e a  má prestação dos serviços.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Matéria(s) relacionada(s):

França, convite do Pode e suspense

roberto franca 400 curtinha   Roberto França (foto), que exerceu vários mandatos eletivos, entre eles de vereador e de prefeito de Cuiabá, ficou empolgado com o convite para se filiar ao Podemos, inclusive com abertura para concorrer novamente ao Palácio Alencastro. Para evitar conflitos, antes de fazê-lo, o...

Neurilan critica Pivetta e faz campanha

otaviano pivetta 400 curtinha   Em discurso em Tangará da Serra, num evento promovido pela AMM que serviu de palanque eleitoral, Neurilan Fraga disparou críticas ao vice-governador Pivetta (foto), que também pretende concorrer ao Senado. Disse que Pivetta não aceita nem discutir o valor repassado hoje aos...

Evento da AMM para pré-candidatura

neurilan fraga 400   Neurilan Fraga (foto), que aproveita o trunfo de presidente da AMM para tentar projeção política, insiste na pré-candidatura ao Senado, mesmo com a filiação oficial ao PL fora do prazo exigido pela legislação, o que ensejará no indeferimento do registro. E...

Selma, carreata e "ciúmes políticos"

selma arruda 400 curtinha   Quem vê Selma Arruda (foto), senadora cassada por crimes eleitorais, e o ex-senador e federal José Medeiros afinados no Podemos, nem imagina que no pleito de 2018 ela optou por distanciá-lo motivada simplesmente por "ciúmes políticos". Selma carregava o slogan de "Senadora de Bolsonaro"....

Reunião pra debater viabilidade do VLT

wellington 400 curtinha   Após participar de uma reunião na Secretaria Nacional de Mobilidade Urbana, o senador Wellington (foto) revelou que no próxmo dia 10 vai ser realizado encontro com o secretário José Carlos Medalia e com integrantes do Governo de MT para discutir a viabilidade do VLT, cujas obras...

Estado reduz número de homicídios

alexandre bustamante curtinha 400   O secretário Alexandre Bustamante (foto), de Segurança Pública, está comemorando a redução do número de crimes em MT.  O Estado fechou 2019 com a menor taxa de homicídios dos últimos 10 anos. Nos 12 meses do ano passado foram contabilizados...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Sobre a senadora Selma Arruda, que teve mandato cassado por caixa 2 e abuso de poder econômico, você acha que ela foi...

ingênua

corrupta

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.