Executivo

Segunda-Feira, 04 de Novembro de 2019, 18h:03 | Atualizado: 05/11/2019, 10h:20

BATE REBATE

Mauro nega hostilidades com prefeito e Emanuel diz que só rebate críticas injustas

O governador Mauro Mendes (DEM) afirmou que não hostiliza o prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro (MDB).  Segundo ele, as críticas recorrentes são apenas divergências naturais relacionadas a forma que cada um conduz a coisa pública.

Já Emanuel, que costuma responder ao  governador no mesmo tom, alega que somente rebate os ataques que sofre. Além disso, sustenta que as críticas são sempre injustas em sem propósito.

Tchélo Figueiredo

Mauro Mendes

Mauro Mendes ao lado do seu líder Dilmar Dal Bosco e o secretário Cezar Miranda, durante lançamento da Guia de Trânsito Animal Eletrônica

O assunto veio a tona após a deputada estadual Janaina Riva (MDB), aliada de Mauro e correligionária do prefeito, se posicionar sobre  a constante troca de farpas. Em entrevista ao , a deputada emedebista declarou que o governador deve ter respeito com a eventual candidatura à reeleição e Emanuel e com o MDB.

Ocorre que Emanuel acredita que pode contar com apoio do DEM no eventual projeto de reeleição. Mauro, por sua vez, rejeita aliança com o MDB na Capital e encoraja candidatura própria. A situação cria tensão no relacionamento dos gestores.

“Existem divergências naturais, com relação aos posicionamentos do dia a dia, de como conduzir a coisa pública, o que é absolutamente normal. Nós poderemos estar juntos em muitos municípios e vamos estar separados em outros. As eleições de 2020  é um problema lá para 2020. Na Assembleia, que é o que me interessa como governador, temos tido uma convivência harmônica, sabendo separar os temas eleitorais de 2020 e os temais estaduais que temos que estar preocupados. Podemos ter divergências eleitorais, mas temos que estar unidos pelas soluções em prol de Mato Grosso”, afirmou Mauro.

“Existem dois DEMs. Um DEM majoritário que quer apoiar Emanuel caso saia à reeleição e outro buscando candidato próprio, com postura mais de oposição a uma candidatura que nem decidi ainda. Os ataques que recebo, até do próprio governador, sempre partem dele, nunca partem de mim. Eu só reajo às vezes quando considero injusto e sem nenhum propósito”, rebateu o prefeito.

HMC

Apesar do discurso apaziguador, nesta segunda (04),  aconteceu mais uma hostilidade entre Mauro e Emanuel. Desta vez, a provocação partiu do prefeito da Capital e o governador respondeu a altura.

Ao falar sobre o novo Hospital e Pronto Socorro (HMC) de Cuiabá, cuja a inauguração da última etapa acontece em 18 de novembro, Emanuel se declarou “o pai da criança e  que se não fosse sua gestão, a obra iniciada por Mauro quando prefeito de Cuiabá, “seria um novo VLT” cheia de problemas estruturais e técnicos. Além disso, fez pouco caso da anunciada ausência do governador no evento.

É inócuo ficar garganteado paternidade. Tem que inaugurar

Mauro Mendes

“Gostaria que estivesse presente, mas o que me preocupa é atender a população do Estado. Atender os mais carentes, os mais humildes e iniciar um novo ciclo na Capital. Se o governador ir ou não ir, o evento vai acontecer na mesma forma. Eu gostaria que ele fosse”.

Mauro acusou Emanuel de “gargantear” e garantiu  não estar preocupado com “paternidade de obra”. De acordo com o governador, o importante é “entregar mais e falar menos”.

"Eu estou preocupado é com a obra, estou preocupado com o resultado. Se ele está preocupado em ser pai, problema dele. Pode ser pai, pode ser mãe, pode ser o que quiser. O importante é que a obra está lá. Todos sabem que nós arrumamos a área, fizemos o projeto, licitamos, demos a ordem de serviço, conseguimos os recursos e a obra estava em andamento quando terminamos o mandato. É natural que quem assumiu,  possa concluir. O difícil é licitar e assinar contrato, depois a eficiência é da empreiteira. Eu deixei os recursos consignados que foram honrados pelo Pedro Taques. É inócuo ficar garganteado paternidade. Tem que inaugurar. Eu fiz o São Benedito e estou fazendo muitas coisas, mas no devido tempo, vou anunciar", concluiu o democrata.  

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • JOSE ANTONIO DE CASTRO LEITE NOGUEIRA | Terça-Feira, 05 de Novembro de 2019, 10h01
    0
    0

    Isso está se tornando chato, já...

Breunig destaca aprovação de contas

adriano breunig curtinha 400   O professor Adriano Breunig (foto), ex-adjunto e ex-secretário de Estado de Ciência e Tecnologia no Governo Silval e hoje diretor de Políticas de Desenvolvimento Institucional do IFMT, contesta o registro em Curtinha, apontando-o como candidato reserva e "vulnerável" à...

Borgato não sairá mais de secretaria

nilton borgato 400 curtinha   Nilton Borgato (foto), ex-prefeito de Glória D'Oeste e filiado ao PSD, não sairá mais do comando da secretaria estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação. Dias atrás, ele chegou a ser avisado pelo governador que seria substituído e que iria para o Escritório...

Dorner vai tentar prefeitura de novo

roberto dorner 400 curtinha   Em Sinop, o empresário e ex-deputado federal por alguns meses Roberto Dorner (foto), que deixou o PSD e aderiu ao Republicanos, está disposto a encarar de novo a disputa a prefeito. Em 2016, ele perdeu para Rosana Martinelli (PR) por uma diferença de 3.388 votos. É possível que ambos...

Um líder sob insatisfação dos colegas

dilmar dal bosco curtinha 400   O líder do governo na Assembleia, Dilmar Dal Bosco (foto), tem enfrentado crítica velada e insatisfação dos colegas, principalmente dos deputados da base. Reclamam que o interlocutor do governador Mauro não move uma palha em defesa da liberação das emendas e, nas...

Jogada do prefeito Francis em Cáceres

paulo donizete 400 curtinha caceres   A sete meses de concluir o mandato, o prefeito cacerense Francis Maris (PSDB) lançou uma jogada estratégica para ver se "cola". Apoia publicamente para prefeito o seu diretor da autarquia Águas do Pantanal, Paulo Donizete (foto), do mesmo partido, inclusive participou da reunião...

Luta por mais leitos de UTI em Sinop

rosana martinelli 400 curtinha   A prefeita de Sinop, cidade pólo do Nortão, Rosana Martinelli (PR), demonstra preocupação com os poucos leitos de UTI do Hospital Regional no município. A unidade atende moradores de mais de 30 municípios da região e só dispõe de 10. Rosana diz esperar...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você conhece alguém próximo que foi infectado pelo coronavírus?

sim

não

em dúvida

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.