Executivo

Quinta-Feira, 06 de Dezembro de 2018, 12h:00 | Atualizado: 06/12/2018, 17h:43

déficit nos cofres

Mauro projeta reforma administrativa e quer deputados trabalhando em janeiro

Gilberto Leite

Mauro Mendes

Mauro Mendes (DEM) durante sua campanha eleitoral, quando foi eleito governador de MT

O governador eleito Mauro Mendes (DEM) conta com a colaboração dos deputados estaduais para aprovar medidas no início da gestão. Por isso, acredita que os parlamentares precisarão trabalhar em janeiro apesar do recesso que deve iniciar no próximo dia 21.

“Provavelmente, os  deputados precisarão trabalhar em janeiro sim. O mandato deles vai até 31 de janeiro. Temos muitas medidas, principalmente relacionadas à reforma administrativa, que ainda estão sendo elaboradas”, disse Mauro após reunião com os parlamentes, realizada na manhã nessa quarta (5), na Assembleia.

Entre as medidas para conter o déficit que deve chegar a R$ 1,5 bilhão em 2019 já anunciadas por Mauro estão a redução do número de secretárias de 24 para 15, a demissão de 3 mil servidores entre comissionados, contratados e funções gratificadas e estudos sobre possíveis extinções ou fusões nas 20 empresas públicas do Estado.

Mauro também afirmou que está recebendo informações da equipe de transição que vão balizar as medidas que seu governo deve adotar. Além disso, pretende concluir as definições e anunciar o secretariado até o final da próxima semana.

  “Até o final da próxima semana  já teremos 100% dos secretários definidos e faremos o anúncio.  Consequentemente,  vamos trabalhar com a equipe e tomar decisões que serão traduzidas em leis que serão encaminhadas à Assembleia para votação’, concluiu o governador eleito.

 O presidente da Assembleia Eduardo Botelho (DEM)  também afirmou que o Legislativo se colocou à disposição para trabalhar em janeiro e aprovar as leis necessárias e urgentes para o Estado. Segundo ele, não houve pedidos especiais durante a reunião com Mauro.

“O Mauro Mendes também pediu que o orçamento seja realista. O que tem hoje é maquiado e ele quer que conste o déficit. Quer que o déficit de mais de R$ 1,5 bilhão previsto para 2019 esteja no orçamento”, pontua Botelho.  

O recesso da Assembleia deve iniciar no próximo dia 21. O retorno às atividades está previsto para 13 de janeiro. 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Matéria(s) relacionada(s):

Damares, TRE e dinheiro de campanha

damarescurtinha   Damares do PSDB, que se lançou candidata a estadual e desistiu da disputa na última hora devido problemas pessoais, será convocada pela Justiça Eleitoral a dar explicações. Corre o risco de ser obrigada a devolver dinheiro, a ter problemas na sua prestação de contas ou...

Vigilância maior sobre vaga no TCE

Nem o presidente Domingos Neto, que em processo inusitado entrou no lugar do pai Ary Leite de Campos, numa transferência de cadeira vitalícia familiar, sangrou tanto quanto Guilherme Maluf. Talvez seja reflexo de novos tempos, em que os Poderes e setores da sociedade estão mais exigentes quanto a idoneidade dos servidores públicos. Bastou Maluf se tornar réu, ou seja, ainda não é condenado, para órgãos fiscalizadores, especialmente o...

Suplente ganha 4 anos de mandato

carlos avalone curtinha   Carlos Avalone (PSDB) está com sorriso largo porque, pela primeira vez, depois de ficar como suplente em todas as vezes que disputou o cargo de deputado, ele tem a oportunidade de assumir mandato na AL por 4 anos. Indicado ao TCE pelos colegas, Maluf deixa o Parlamento um mês após ser empossado para o...

Maluf vai sangrando para o Tribunal

guilherme maluf curtinha   Com 11 votos no Colégio de Líderes e depois 13 na sabatina, em plenário nesta quinta, Guilherme Maluf teve o nome chancelado para ocupar o cobiçado cargo vitalício de conselheiro do TCE. Chega ao órgão fiscalizador sangrando. Aguentou porrete de toda forma, fora as...

Prega voto aberto, mas faz o contrário

paulo araujo curtinha   Deslumbrado com a chegada ao poder, o deputado populista e carimbado por muitos como demagogo Paulo Araújo (PP), escalado pela Mesa Diretora para presidir provisoriamente a Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia, foi um dos que saíram desmoralizados do processo que resultou...

Medeiros será vice-líder de Bolsonaro

jose medeiros curtinha   José Medeiros (Podemos) estreitou ainda mais a relação com o Governo Bolsonaro (PSL), tanto que foi indicado como vice-líder da gestão na Câmara Federal. A escolha do Planalto aconteceu nesta 4ª (20). Caberá a ele ajudar na interlocução da...

Ex-prefeito se torna assessor na AL

josair lopes curtinha   Ele renunciou ao cargo de prefeito de Dom Aquino, no ano passado, apostando que seria eleito deputado federal. Mas chegou apenas a 18.897 votos, amargando a 5ª suplência de uma aliança de quatro partidos (PSDB, PPS, PSB e SD), que elegeu Leonardo Albuquerque. Após a campanha frustrada, desempregado e...

Mais um ex-deputado na folha da AL

airton portugu�s   Depois de Zé Domingos, mais um ex-deputado entra para a folha de servidores da AL nesta nova legislatura. Airton Rondina Luiz, o Português (PSD), que nas urnas de 2014 tentou a reeleição, mas foi derrotado, passa a ocupar o cargo de assessor da Primeira-Secretaria, sob...

Bancada define Neri novo coordenador

neri geller curtinha   O ex-ministro da Agricultura Neri Geller (foto), que está de volta à Câmara, desta vez como titular - em 2007, então suplente, assumiu por quatro meses no lugar de Thelma -, foi eleito nesta quarta à noite, por unanimidade, o novo líder da bancada federal mato-grossense. Todos os 8...