Executivo

Terça-Feira, 26 de Outubro de 2010, 07h:30 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:28

ITIQUIRA

Moradores pedem cassação de prefeito acusado de improbidade

Prefeito Ernani José Sander, o Nani   Um grupo de moradores de Itiquira (a 359 km de Cuiabá) vai protocolar junto à Câmara, na próxima quarta (27), um pedido de cassação do prefeito Ernani José Sander, o Nani (PSDB). O tucano é acusado de fraudes em locações de veículos e licitações, além de contratações irregulares de funcionários públicos. O movimento intitulado “Itiquira pede socorro” cobra que os parlamentares investiguem e cassem o mandato do tucano.

  Conforme o vereador João Carlos de Oliveira, o João do Mercado (DEM), o pedido de cassação será analisado pela assessoria jurídica do Legislativo municipal e, se as informações e documentos tiverem fundamentos, será aberta uma CPI para investigar o caso. Ele pondera que se forem comprovadas as denúncias, o parlamento será favorável à cassação do gestor. “Com certeza vamos investigar as denúncias. Não podemos deixar que essas situações passem em branco. Mas não vamos tomar uma atitude sem antes termos certeza”, garante.

  Para o parlamentar, o prefeito tem deixado a desejar em muitas áreas, principalmente nas essenciais (educação e saúde), tanto em Itiquira como no distrito de Ouro Branco do Sul. “Por isso que a população está revoltada e vai pedir a cassação do prefeito. Ele tem deixado a desejar em todos os sentidos”.

  Durante toda a semana o movimento que é a fovor da cassação do prefeito está  convocando a população de Itiquira para acompanhar a sessão da Câmara que vai votar o recebimento das denúncias contra o prefeito. "Participe e testemunhe esse momento histórico e cívico da nossa cidade. Veja se o seu vereador vai votar a favor do povo”, dizem panfletos espalhados pelo município.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Vice sinopense quer retornar à Câmara

gilson de oliveira 400 curtinha   O vice-prefeito de Sinop e apresentador de TV, Gilson de Oliveira (foto), resolveu concorrer a vereador, cadeira já ocupada por ele por dois mandatos, o primeiro pelo PSDB, entre 2005 e 2008, e, depois, pelo PSD (2009/2012). Foi candidato a deputado estadual duas vezes (2006 e 2010) e, como suplente da...

Vice que morreu na praia em Tangará

renato gouveia 400 curtinha   Assim que percebeu que não seria escolhido pelo prefeito Fabio Junqueira (MDB) como o candidato governista na briga pela Prefeitura de Tangará da Serra, ainda em junho, o vice-prefeito Renato Gouveia (foto), do PV, correu para os braços do tucano Vander Masson. Levou com ele uma chapa de 21...

Câmara chama secretária para vaga

chico 2000 curtinha   Após a destituição de Ralf Leite (MDB) da vaga de Chico 2000 (foto), licenciado, por força de decisão judicial, a Câmara de Cuiabá convocou a primeira suplente Luciana Zamproni (MDB) para assumir mandato temporário no Legislativo, menos de 30 dias. Ela atua como...

PTB perdeu uns, mas ganhou outros

emanuelzinho 400   Em Várzea Grande, enquanto alguns militantes do PTB, puxados pelo secretário jaymista Silvio Fidelis foram para os braços do candidato a prefeito Kalil Baracat (MDB), que tem Hazama (DEM) de vice, militantes de outras legendas decidiram abraçar a candidatura do petebista Emanuelzinho (foto). São...

PT de Cuiabá passivo; ROO, autêntico

kleber amorim 400 curtinha   O PT de Rondonópolis se organizou melhor, mobilizou a militância, se tornando mais autêntico do que o núcleo petista de Cuiabá. Para se ter ideia, o partido, numa posição de coragem e levando preocupação ao prefeito Zé do Pátio, que tinha...

DEM é "suprapartidário" em Cuiabá

wilson santos, 400 curtinha   Para uns, o DEM de Cuiabá se tornou "suprapartidário". Para outros, um partido de aluguel. Além de não ter cabeça de chapa para prefeito, o partido do governador Mauro e dos irmãos Júlio e Jayme Campos enfrenta uma situação inusitada de concorrentes...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.