Executivo

Terça-Feira, 06 de Abril de 2010, 16h:40 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:24

RONDONÓPOLIS

MPE notifica Kamil sobre irregularidades em hospital

Kamil Fares   Nem bem assumiu o cargo, e o secretário estadual de Saúde, Kamil Fares, ex-presidente da Unimed, foi notificado pelo Ministério Público Estadual (MPE) a sanar irregularidades no Hospital Regional Irmã Elza Gionvanella, em Rondonópolis. A estrutura passou por uma inspeção da Auditoria Geral do Sistema Único de Saúde (SUS) nos serviços de imagenologia. Diante dos problemas, o promotor de Justiça de Defesa da Cidadania Ari Madeira Costa notificou o governo. “Estão causando efetivo prejuízo ao erário e à saúde coletiva, configurando, à primeira análise, faltas funcionais indicadoras da prática de improbidade administrativa”, ressaltou.

   A auditoria também apontou a existência de aparelhos desativados, número de servidores contratados maior que o de efetivos, pagamento a empresas contratadas para serviço de manutenção nos equipamentos, mesmo quando não executados. Além disso, há funcionários do serviço de imagem na condição de sócios de empresas privadas que prestam serviço da mesma natureza à secretaria estadual de saúde. “Existe a falta de regularidade na manutenção preventiva e ações corretivas nos aparelhos e carga horária superior ao permitido por lei para o exercício profissional do técnico em Radiologia”, argumentou o promotor.

   Segundo ele, o MPE já havia firmado um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com a secretaria de estadual de Saúde para solucionar problemas no serviço de radiologia, ultrassonografia, mamografia e radiodiagnóstico. O prazo encerrou e o secretário não se manifestou. “A gestão desafiou a respectiva execução do TAC, mas, a mudança de gestor significa abertura de novo diálogo para a solução consensual das demandas da região sul de saúde”, pondera o representante do MPE. Kamil assumiu a pasta da Saúde, em substituição a Augustinho Moro.

   O setor vive um momento delicado e uma CPI instalada pela Assembleia apura os motivos do caos. O relatório final dos membros da Comissão, presidida pelo deputado estadual Sérgio Ricardo (PR), deve ser divulgado nos próximos dias.

Postar um novo comentário

Comentários (8)

  • WANESSA LEANDRA | Sexta-Feira, 09 de Abril de 2010, 09h45
    0
    0

    O MPF PRECISA INVETIGAR AS CONDIÇÕES DO HOSPITAL REGIONAL DE CACERES ESTA VARIOS PROPROMAS ACORDA GENTE ESSE HOSPITAL JÁ FOI MELHOR NA ÉPOCA DO GOVERNO DANTE.

  • marcelo piran | Quinta-Feira, 08 de Abril de 2010, 10h35
    0
    0

    marcelo piran, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • paula ses | Quarta-Feira, 07 de Abril de 2010, 13h46
    0
    0

    este arrogante esta acabando com a secretaria,quer mandar sozinho.silval pelo amor de deus tira este cara daqui.

  • Lucia | Quarta-Feira, 07 de Abril de 2010, 09h41
    0
    0

    Não estou entendendo...E a propaganda (que dizem não ser eleitoral), que mostra o hospital de Rondonópolis como referencia na área e que atende a toda a população da região....O que está acontecendo???

  • jorge augusto | Quarta-Feira, 07 de Abril de 2010, 07h18
    0
    0

    SERÁ QUE O PAC DA SAÚDE VAI LÁ PRA FEMINA...................

  • junior hunter | Quarta-Feira, 07 de Abril de 2010, 07h16
    0
    0

    Este Secretário não dura 6 meses,acorda secretário SUS NÃO É SO FILA e também não é unimed,,menas soberba e arrogância tambem faz muito bem.

  • jose felicio dos reis | Terça-Feira, 06 de Abril de 2010, 17h55
    0
    0

    senhor governador e bom o senhor reelembrar que o governo que ficou a uma semana e de seu colega Blairo,pois buscar podridao nas secretarias vai expludir o senhor mesmo pede para o povo que assumil a saude resolver o milhares de problemas que tem matando o povo e no proximo governo se o senhor ganhar as eleiçoes fazer auditoria no governo do MAGGI.DA REMEDIO PARA ESSA TURMA ELES ESTAO DOIDAOOOOOOO

  • marcelo | Terça-Feira, 06 de Abril de 2010, 17h17
    0
    0

    Isso só é a ponta do iceberg, pode puxar que vem mais, pois a gestão do Augustinho empurrava tudo para o tapete.

Briga eleitoral de parentes em General

renato vilela 400 general carneiro   A briga política, jurídica e eleitoral na pequena General Carneiro, de 14 mil habitantes, está acirrada e envolve, em palanques diferentes, grupos com vínculos familiares. São dois na disputa pela prefeitura. A ex-prefeita Magali Vilela desistiu de tentar de novo o teste das...

Ataques a EP e o revide dos amigos

fabinho 400 curtinha   O empresário Fábio Martins Defanti, o Fabinho Promoções (foto), que em 2016 disputou para vereador e perdeu, está sendo bombardeado de críticas em grupos de WhatsApp, inclusive pelos próprios amigos, por causa de comentários, gravados em dois vídeos, com um...

Luizão e 10 promessas em cartório

luizao 400   O empresário Luizão (foto), candidato a prefeito de Rondonópolis pelo Republicanos, registrou em cartório 10 comprimissos de gestão, garantindo, em caso de eleito, executá-los logo no primeiro mês de mandato. O primeiro deles é de zerar a fila de consultas, exames e cirurgias. E...

Ex-secretários de França sem mácula

roberto franca 400 curtinha   A assessoria jurídica da coligação de Roberto França (foto), que concorre à Prefeitura de Cuiabá pelo Patriota, classifica de mentirosa e irresponsável a notícia de que ex-secretários de França, da época em que comandou a Capital, de 1997 a...

Líderes de Lucas e apoios ao Senado

otaviano pivetta curtinha 400   As principais lideranças políticas da "República" de Lucas do Rio Verde estão divididas nos apoios sobre candidaturas ao Senado. O vice-governador Otaviano Pivetta (foto), recém-desfiliado do PDT, faz campanha pela coronel Rúbia Fernanda (Patriota), propagada como a candidata...

Reeleição difícil em Barra do Bugres

raimundo nonato 400   Aos 81 anos, o piauiense de Campo Maior, Raimundo Nonato (foto), busca renovar o mandato de prefeito de Barra do Bugres pelo DEM. Embora considerado carismático e populista, pioneiro no município e ajudado pela força da máquina pública, Nonato, que já foi prefeito nos anos 82 e 90,...

MAIS LIDAS