Executivo

Quinta-Feira, 13 de Fevereiro de 2014, 12h:31 | Atualizado: 14/02/2014, 09h:22

Secretariado

Pascoal quer renunciar 1º escalão de Mauro; prefeito tenta demovê-lo

Rodinei Crescêncio

fabio-garcia-13-02-14--fotos-ney-(15).jpg

Fabio Garcia conta que  Mauro Mendes quer permanência de Pascoal no staff

O secretário de Gestão de Cuiabá, Pascoal Santullo Neto, será o 5º secretário a deixar a gestão Mauro Mendes (PSB) em pouco mais de um ano. Pascoal entrou no lugar da Adriana Barbosa, que deixou o cargo por apresentar gestão pífia, mas já comunicou ao prefeito que vai deixar a gestão este ano para retornar à iniciativa privada.

Acontece que a equipe do prefeito está tentando convencê-lo a permanecer até o final da gestão, que se encerra em 2016. “A gente está tentando convencê-lo porque quem vem da iniciativa privada agrega muito à gestão pública, porque não tem aquele vício dos velhos políticos”, frisou o secretário de Governo Fábio Garcia, em visita ao Grupo Rdnews.

Pascoal é amigo do prefeito e já ingressou no governo Municipal com “prazo de validade”, a fim de ajudar o amigo prefeito a organizar a casa. Na época, Pascoal deixou claro que logo depois voltaria a atuar no ramo em que ele tem maior intimidade.

Assim como Pascoal, Garcia também vem da iniciativa privada e sabe dos prazeres e dissabores do público e do privado. Ele destaca que no setor privado é mais fácil trabalhar porque se lida com menos egos e burocracias, mas destaca que o colega deve aproveitar esta oportunidade de contribuir com o desenvolvimento da cidade.

Troca-troca

A primeira a sair da equipe de Mauro foi a antecessora de Pascoal, Adriana Barbosa. O segundo foi Rogério Varanda. Ele teve a atuação reprovada pelo próprio partido, o PV, na secretaria de Serviços Urbanos e foi substituído por José Roberto Stopa.

A terceira troca aconteceu na Comunicação, com a substituição do publicitário Clenon Borges pelo jornalista Kleber Lima. O quarto a pular fora foi Kamil Fares na Saúde substituído por Werley Peres.

 Também houve alteração na Cultura, mas neste caso não houve saída de ninguém. A pasta foi acumulada pelo secretário de Turismo Marcus Fabrício no decorrer do primeiro semestre de 2013 até a definição e nomeação de Alberto Machado, o cantor Beto do grupo Dois a Um.

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • Joao Albuquerque | Quinta-Feira, 13 de Fevereiro de 2014, 22h37
    1
    1

    Prefeito...existe a possibilidade de trocar o Senhor Antenor Figueiredo?

  • cuiabano | Quinta-Feira, 13 de Fevereiro de 2014, 19h07
    0
    0

    aproveitando o secretario de governo, , favor verificar secretario, a ouvidoria municipal via internet, não presta, o formulario com poucas auternativas, pior do que o antigo, sera que a ouvidora geral do municipio poderá corrigir isso? é só olhar no site da prefeitura...

  • Zé Poxoréo | Quinta-Feira, 13 de Fevereiro de 2014, 16h05
    2
    1

    Se essa conversa de que quem vem da iniciativa privada agrega muito a gestão pública fosse verdadeira Mato Grosso seria o melhor lugar do mundo! Na verdade a história mostra totalmente o contrário, essa balela começou no governo Maggi e até agora isso não deu em nada. A não ser que os vêm da iniciativa privada em curto espaço de tempo já se tornam políticos viciados. Seria esse o caso? Na verdade caro secretário o que falta na visão desses "políticos", visão e seriedade de selecionar e nomear profissionais certos capacitados e compromissados com o interesse público, o que convenhamos, pelo andar da carruagem, já está mais do que claro que a gestão do atual prefeito errou e feio!

  • Alessandra | Quinta-Feira, 13 de Fevereiro de 2014, 14h39
    1
    2

    Não sai Pascoal.Estou torcendo para sua permanência para continuar seu trabalho...

Fazendo politicagem sobre Covid-19

rubia fernanda 400 curtinha   A tenente-coronel Rúbia Fernanda, pré-candidata ao Senado pelo Patriota, não só ignora medidas protetivas em relação à Covid-19, como isolamento social, mantendo agenda de visitas e reuniões, como passou a fazer politicagem com coisa séria. Numa...

Punição a 2 ex-presidentes da Câmara

haroldo curtinha 400   Apesar de ter julgado regulares as contas de gestão de 2016 da Câmara de Cuiabá, ano em que teve dois presidentes, o já falecido Júlio Pinheiro, entre janeiro e junho e, depois, Haroldo Kuzai (foto), de 20 de junho a 31 de dezembro, o conselheiro interino João Batista Camargo, em...

Guiratinga, frota sucateada e a farra

sinval vilela 400 curtinha   O vereador Sinval Vilela (foto), do DEM, disse que em Guiratinga, administrada por Humberto Domingos, o Bolinha, está havendo farra com dinheiro público. E lista descasos e atos de incompetência do prefeito. Conta que a prefeitura possui um caminhão pipa, mas está encostado no...

Verba a quem não tem litígio à União

emanuel pinheiro 400 curtinha   Apesar do governo estadual anunciar que está recebendo os R$ 359 milhões da União, essa verba oriunda do chamado Orçamento da Guerra (Emenda Constitucional 106) para ajuda no combate ao coronavírus só será liberada a partir do próximo dia 9 e para quem, seja...

Salgadinhos sim; caminhão pipa, não

humberto bolinha 400 curtinha   Em Guiratinga, o prefeito Humberto Domingos, o Bolinha (foto), resolveu homologar na última segunda, 1º de junho, processo licitatório para contratar uma empresa com vistas a fornecer salgadinhos nas 11 secretarias municipais. Vão ser gastos com salgados R$ 21,7 mil. No mesmo dia, Bolinha...

Nepotismo e demissão na gestão Pátio

leandro junqueira 400   Acuado pela notificação recomendatória do Ministério Público Estadual, o prefeito de Rondonópolis, Zé do Pátio, não teve outra saída senão exonerar a servidora Renata Castilho Moreno do cargo comissionado de gerente do Departamento de Engenharia e...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você conhece alguém próximo que foi infectado pelo coronavírus?

sim

não

em dúvida

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.