Executivo

Domingo, 12 de Julho de 2020, 16h:27 | Atualizado: 12/07/2020, 16h:45

COMPRAS EMERGENCIAIS

Prefeita reclama de preços abusivos em itens de saúde e pede apoio ao TCE e MPE

Reprodução

Lucimar Campos

A prefeita de Várzea Grande, Lucimar Sacre de Campos, grava um vídeo em frente a estoque de medicamentos da prefeitura; reclama dos preços

Os preços abusivos cobrados por fornecedores de insumos para saúde durante a pandemia da Covid-19 levaram a prefeita de Várzea Grande, Lucimar Campos (DEM), a pedir apoio dos órgãos de controle como Tribunal de Contas do Estado (TCE-MT) e do Ministério Público. O orçamento do município para saúde pode chegar a R$ 166 milhões até o final do ano.

Ela alega que “os valores cobrados são especulativos e ferem a dignidade das pessoas que precisam da Saúde Pública para se socorrerem”.

Já foi ampliado em R$ 20 milhões o recurso da saúde municipal e a estimativa é de que os investimentos cheguem a R$ 166,5 milhões para este ano, superando em mais de R$ 100 milhões as previsões orçamentárias.

Os valores cobrados são especulativos e ferem a dignidade das pessoas que precisam da Saúde Pública para se socorrerem

Lucimar Campos

O pedido foi feito no dia da audiência de conciliação, na quinta (9), entre o Juízo da Vara da Saúde Pública, Ministério Público, Governo do Estado e as prefeituras de Cuiabá e Várzea Grande. O juiz José Luiz Leite Lindote acolheu o pedido dos prefeitos para prorrogar por mais 7 dias a paralisação das atividades não essenciais.

A prefeita solicitou aos órgãos de controle que deem apoio aos prefeitos e tenham regras endurecidas quanto aos fornecedores na aquisição de medicamentos, insumos e equipamentos com preços abusivos. Lucimar listou no pedido os Tribunais de Justiça – TJMT; de Contas da União (TCU); de Contas do Estado (TCE); Ministério Público Federal (MPF); Ministério Público do Estado de Mato Grosso (MPE) e Controladorias Gerais da União (CGU) e do Estado (CGE).

A solicitação recebeu apoio do magistrado da Vara da Saúde Pública e também do promotor de Justiça Alexandre Guedes, titular da Promotoria que atua na área.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

PT, ensaio e chapa branca em Tangará

welton tangar� 400 curtinha   O PT, que já teve os vice-prefeitos José Jaconias e Zé Pequeno, estuda nem disputar a eleição majoritária em Tangará da Serra. Chegou a ensaiar uma pré-candidatura, mas parou no meio do caminho. Internamente, o partido discute lançar o...

Racha no DEM; "pepino" com Fabio

fabio garcia 400 curtinha   O presidente estadual do DEM, ex-deputado Fábio Garcia (foto), não só se encontra numa saia-justa, como tem a árdua missão de atuar como bombeiro para apagar incêndio provocado pelos irmãos Júlio e Jayme Campos, que, sem consultar o partido e nem o governador Mauro...

Álbum de casamento para 300 casais

marcia_curtinha_ok   A primeira-dama de Cuiabá, Márcia Pinheiro (foto), que desde 2017 lidera alguns projetos sociais de forma voluntária, fez questão de, mesmo com a pandemia da Covid-19, promover, na última segunda, entrega simbólica de álbuns de casamento para 10 casais, que foram escolhidos...

Fora de vez da disputa para senador

cidinho santos 400 curtinha   O empresário e ex-senador Cidinho Santos (foto), recém-filiado ao DEM, desistiu de vez da ideia de entrar de última hora na corrida ao Senado, na suplementar que será realizada em novembro deste ano. E por algumas razões. Primeira, como sócio do frigorífico União...

TCE suspende licitação de R$ 12 mi

air praiero 400 curtinha   Uma concorrência pública, com valor estimado de R$ 12,5 milhões, tocada pela secretaria de Habitação e Regularização Fundiária de Cuiabá, sob o defensor público licenciado Air Praeiro Alves (foto), foi suspensa cautelarmente pelo TCE por causa de...

6 estão no páreo em Tangará; 2 fortes

vander masson 400 curtinha   Tudo indica que os tangaraenses terão nas urnas 6 candidatos majoritários nas eleições de novembro. O cenário está se desenhando com os seguintes "prefeitáveis": Chico Clemente (PSD), Gunther Duarte (PSL), Vander Masson (foto), do PSDB, Claudinho Frare (Republicanos),...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT estuda retomada das atividades escolares presenciais possivelmente em agosto ou setembro. O que você acha?

Estou de acordo

Não - aulas não podem voltar por agora

tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.