Executivo

Segunda-Feira, 18 de Janeiro de 2010, 16h:52 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

Fiscalização

Prefeito cutuca Kassab ao regulamentar tráfego

Wilson Santos    Com a promessa de “endurecer” a fiscalização do tráfego de veículos no Centro de Cuiabá, o prefeito Wilson Santos (PSDB) sancionou nesta segunda (18) a lei que regulamenta a circulação de caminhões de carga e descarga na Capital. Ele aproveitou a concorrida solenidade, no Memorial das Águas, para cutucar o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (DEM), por supostamente ter implantado o projeto Cidade Limpa, em meados de 2006, sem debater a proposta com a sociedade.

   Na próxima semana, o tucano promoverá nova solenidade justamente para sancionar o projeto que regulamenta a veiculação de anúncios publicitários em áreas públicas e privadas de Cuiabá. “Ao contrário do Gilberto Kassab, que não fez um único debate e impôs a nova lei, aqui o Cidade Limpa é resultado de um diálogo. Acabou a propaganda em áreas públicas, mas nos locais privados será normatizada, com regras claras”, adiantou Wilson.

   O Cidade Limpa como o novo marco regulatório de carga e descarga de mercadorias em Cuiabá foram os projetos mais polêmicos do executivo aprovados pelos vereadores de Cuiabá em 2009. O segundo proíbe a circulação de veículos com Peso Bruto Total (PBT) entre quatro e 16 toneladas, com ou sem carga, das seis às 20 horas, nos dias úteis, e nos sábados das seis às 14 horas. A legislação veda a circulação de veículos com PBT acima de 16 toneladas, em qualquer dia e horário. Aqueles que tiverem até 16 toneladas, poderão trafegar das 20 às seis horas nos dias úteis e nos sábados a partir das 14 horas.

   Segundo Wilson, no máximo até segunda (25) passam a ser cobradas multas das empresas que não aderirem à nova legislação. “A partir do momento em que a lei for publicada no Diário Oficial, começaremos a cobrar as taxas. É um absurdo o que caminhões de empresas de refrigerantes e de combustíveis fazem em Cuiabá, zombam da cara dos motoristas e dos pedestres”.

   Pelos cálculos do tucano, aproximadamente 10 mil caminhões trafegam atualmente nas ruas da Capital. “Isso causa acidentes. Hoje em São Paulo e no Rio de Janeiro o caminhão de carga e descarga chega somente até certo ponto da cidade”.

   Ao final, o prefeito aproveitou a presença do secretário de Trânsito e Transportes Urbanos, vereador licenciado Edivá Alves (PSDB), para anunciar novos concursos. “Vamos aumentar o número de agentes de fiscalização no trânsito por meio de novos concursos públicos”.

Postar um novo comentário

Comentários (13)

  • João Moessa | Quarta-Feira, 20 de Janeiro de 2010, 20h33
    0
    0

    Prefeito Wilson Santos Ao invés de criticar a coragem do Prefeito Gilberto Kassab deveria copiar, pois não há o que discutir publicidade em locais públicos ou privados além de emporcalhar a cidade, (que me perdeo os porcos) traz enormes prejuízos para segurança no trânsito. Kassab teve a coragem de fazer a coisa certa e o Senhor está há mais de cinco anos no poder fez o que exatamente para limpar as cidades destas publicidades horríveis, NÃO ACHA QUE JÁ TEVE TEMPO DE SOBRA PARA DISCUTIR E O QUE ESTÁ FALTANDO MESMO É AÇÃO.

  • rico | Terça-Feira, 19 de Janeiro de 2010, 20h20
    0
    0

    Acorda wilsom nos nao aguentamos mais vc ve se difarça e fica um pouco queto, mais amarelinho serve pra que pra ti queima, da licença

  • joão Carlos | Terça-Feira, 19 de Janeiro de 2010, 14h41
    0
    0

    Abraão esta se doendo, hummmmm cara cracha, você é desse menina, desculpe meu erro de português

  • Malaquias T. W | Terça-Feira, 19 de Janeiro de 2010, 14h36
    0
    0

    Desculpe prefeito, na sua administração cuiabá não encontra-se limpa, pior é que alem de suja esta toda remendada e esburacada com o sistema de lixo ainda não resolvido e a Saude pessima e ainda por cima a dengue devorando a vida da gente.

  • dani | Terça-Feira, 19 de Janeiro de 2010, 10h57
    0
    0

    para e pensa endureder com trafego de veiculo nao resolve o que precisa é de investimentos, exemplo metro de superficie, faixa exclusiva para onibus, viadutos, ampliaçao de avenidas........... e valorizar o dinheiro dos empresarios que pagam ipva, iptu, issqn, nao vai dar espaço é muito imposto deixa pra la

  • Gilvan | Terça-Feira, 19 de Janeiro de 2010, 10h56
    0
    0

    Timoneiro, se arrependimento matasse você colocaria o norte de sua bússola na dieração de uma escola e teria estudado não é mesmo. Pois, só se escreve o "M" antes de P e B. Faça-me o favor.

  • Abraão | Terça-Feira, 19 de Janeiro de 2010, 10h11
    0
    0

    Timoneiro vai procurar o que fazer será que vc já foi pelo menos coveiro de cemitério, deixa o homem trabalhar. se ordena, reclama, se não faz nada, reclama, se faz, reclama, fica difícil

  • timoneiro | Terça-Feira, 19 de Janeiro de 2010, 09h44
    0
    0

    QUE MORAL ESSE PINOQUIO TEM PARA FAZER CRITICAS HA ALGUEM,ENGUANTO ISSO CUIABA VAI SE TORNANDO UM GARRIMPO A CEU ABERTO,EITA SE ARREPEMDIMENTO MATASSE.

  • Tania | Terça-Feira, 19 de Janeiro de 2010, 09h41
    0
    0

    Tá certo o sr. prefeito ao regulamentar o trânsito de pesados e preocupar com o visual da cidade, a única coisa sobre o kassab é que o paulistano tomou as decisões sem conversar aki tudo foi democrático

  • Rodrigo Ormond de Avelar | Terça-Feira, 19 de Janeiro de 2010, 08h29
    0
    0

    Sr. Prefeito não fala mais nada não, o sr. esta se perdendo em seus discursos, esta ficando esquecido e cego. Como diz o ditado: Cada macaco em seu galho, volta para sala de aula ou tente pleitear uma vaga no legislativo, porque no executivo o sr. ja provou que não tem aptidão nenhuma para administrar.

Primeira-dama, hospital e dia histórico

virginia mendes curtinha   A primeira-dama do Estado Virgínia Mendes classificou esta terça (23) de dia histórico por marcar a inauguração do hospital estadual Santa Casa, em Cuiabá. Averso a entrevistas para jornalistas, ela recorreu às redes sociais para, em postagem, fazer elogios ao ministro da...

Empossado no comando do Incra-MT

ivanildo incra curtinha   Apesar de já estar atuando desde o início do mês, Ivanildo Teixeira Thomaz (foto) tomou posse na segunda (22) como novo superintendente do Incra/MT, numa solenidade em Brasília que marcou a posse de outros dois, sendo eles Cassius Rodrigo de Almeida na regional do Rio de Janeiro, e Antonio...

Setor produtivo pressiona deputados

Algumas entidades, especialmente do setor produtivo, estão exercendo muita pressão sobre deputados, inclusive econômica, na tentativa de convencê-los a votar pela rejeição do projeto que estabelece reinstituição dos incentivos fiscais e que já foi aprovado, semana passada, em primeira votação, inclusive pelo placar de 15 a 7.  Há empresários do agronegócio que foram pessoalmente à AL...

Governador chateado com grevistas

jayme_curtinha   Embora pareça, muitas vezes, ignorar o movimento grevista, agindo como o árbitro de futebol, que finge não ouvir os gritos da torcida, Mauro Mendes não está nada feliz com o tom das críticas de alguns servidores. Jayme (foto), líder do Democratas, mesmo partido de Mauro, pediu hoje...

Ministro lamenta ausência de prefeito

mandetta_curtinha   Ministro da Sáude Luís Henrique Mandetta fez questão de ressaltar a ausência do prefeito da Capital Emanuel Pinheiro na solenidade de reabertura da Santa Casa hoje. Mandetta disse que Emanuel foi muitas vezes a Brasília “pedir por esse hospital”, que foi fechado após a...

Dinheiro para Fipe veio da Assembleia

allan kardec curtinha   O secretário estadual Allan Kardec (foto), da Cultura, Esporte e Lazer, confirma que, de fato, o Estado repassou R$ 1,5 milhão para o tradicional Festival Internacional de Pesca Esportiva, realizado este mês em Cáceres. Enfatiza que esse dinheiro havia retornado para o Poder Executivo em forma de...

MAIS LIDAS

ENQUETE

Profissionais da Educação estão em greve há mais de um mês. O que você acha disso?

estão corretos. Devem continuar

discordo. Deveriam voltar às aulas

pra mim, não faz diferença

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.