Executivo

Segunda-Feira, 11 de Novembro de 2019, 13h:51 | Atualizado: 11/11/2019, 20h:03

Prefeito de Barão demite comissionados e reduz salários para economizar gastos

Reprodução

Elvio de Souza Queiroz

Prefeito de Barão de Melgaço, Elvio de Souza Queiroz, demitiu servidores comissionados

O prefeito de Barão de Melgaço, Elvio de Souza Queiroz (PSC) demitiu os servidores comissionados e rescindiu contratos de trabalho temporários como forma de conter gastos no município. A previsão é economizar R$ 250 mil até o mês que vem.

O prefeito também reduziu em 30% seu salário, do vice-prefeito Adriano Arruda, dos secretários, do controlador interno, do controlador geral e do contador. Também foi reduzida a gratificação paga aos servidores efetivos em cargo de comissão.

Por meio de decreto, Elvio proibiu a contratação de novos servidores, a nomeação de cargos comissionados, a concessão de reajustes, vantagens, reenquadramento de servidores e qualquer outra medida que importe em gastos com pessoal, além de ter determinado a revisão de todos os contratos administrativos visando a repactuação dos valores com a finalidade de gerar economia e, ainda, a rescisão de vários contratos administrativos de terceirizados, inclusive de serviços médicos, permanecendo apenas o essencial.

De acordo com o gestor, a decisão foi motivada pela redução dos repasses e da arrecadação própria, influenciada pela desaceleração da economia. “A medida foi necessária para atender às determinações do Tribunal de Contas (TCE-MT), que já constatou o extrapolamento dos gastos com pessoal no município, e determinou a este gestor medidas de austeridade visando o cumprimento da Lei de Responsabilidade Fiscal no que tange à obediência, pelo poder executivo, do limite máximo para gasto com pessoal”, disse.

Elvio explicou, também, que o Plano de Cargos, Carreiras e Salários, aprovado no final da gestão anterior, onerou a folha de pagamento, comprometendo 47% da Receita Corrente Líquida somente com a remuneração dos servidores efetivos, sem contar servidores comissionados, contratados e outros prestadores de serviços que se enquadram como gastos de pessoal, a exemplo dos pagamentos de serviços de Plantão Médico considerado como gasto de pessoal pelo TCE.

Diante desse cenário, o gestor afirmou que precisou realizar várias demissões e rescisões de contratos de terceirizados, “o que dificultará a manutenção de serviços básicos, lamentou”. “A maior parte do quadro de profissionais da saúde, incluindo todos os médicos que atendem no hospital municipal, é composta por contratados e comissionados, em razão da defasagem de servidores no setor.

“Os serviços de Pronto Atendimento dependem desses profissionais para continuar atendendo à população”, ressaltou. No entanto, “as medidas são necessários, sob pena de ser responsabilizado por conta do descumprimento da Lei de Responsabilidade Fiscal”, afirmou Elvio. A medida ficará em vigor até o dia 31 de janeiro de 2020, quando deve ser reavaliada.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • deovaldo | Terça-Feira, 12 de Novembro de 2019, 15h09
    0
    0

    Quando aprovarem o """" cota zero """, sem preocupar em prender quem realmente usa tarrafa e não para subsistencia como é o caso dos ribeirinhos que cresceram pescando nos rios e sustentando a su afamília, quero ver só quando a lei passar e não puder mais vender o peixe por 05 cinco anos, isso é uma ca....isse com o povo ribeirinho.

  • O Povo reclama | Terça-Feira, 12 de Novembro de 2019, 00h22
    0
    0

    Que pena. A falta de planejamento e uma equipe competente causam estes transtornos.

Matéria(s) relacionada(s):

Denúncia, psiquiatria e agora atestado

elizabeth 400 curtinha   Lotada como técnico-administrativo do RH do Hospital Metropolitano da Capital, Elizabete Maria de Almeida (foto), recorreu a um psiquiatra uma semana depois de registrar um BO e, sem apresentar provas, acusar o prefeito Emanuel de negociata, inclusive com dinheiro vivo para vereadores, com vistas a...

Título de Cidadã para senadora goiana

janaina riva 400 curtinha   A Assembleia fará sessão solene nestes últimos dias de 2019 para prestar homenagem a várias personalidades de diferentes segmentos e profissões. Uma das que serão condecoradas com o Título de Cidadã Mato-Grossense é a goiana Kátia Regina de Abreu,...

Francis sem os vereadores do partido

cesare 400 curtinha vereador caceres   A administração Francis Maris em Cáceres se tornou tão emblemática que perdeu apoio dos dois únicos vereadores do seu partido, o PSDB, na Câmara Municipal. Os tucanos Valdeniria Dutra e Claudio Henrique integram hoje o bloco de oposição ao prefeito,...

Gilberto prestigia sobrinho na Câmara

marcelo oliveira 400 curtinha   Depois de 11 meses sem pisar os pés na Câmara Municipal de Cuiabá, o vereador licenciado Gilberto Figueiredo, secretário estadual de Saúde e um dos pré-candidatos a prefeito do grupo do governador Mauro, apareceu neste sábado na sede do Legislativo, no ato que marcou a...

Suplente que terá 2 anos de mandato

adilton da levante 400 curtinha   Derrotado à reeleição em 2016, Adilson da Levante (foto) reassumiu cadeira de vereador pela Capital desde janeiro deste ano e deve prosseguir no cargo até o final do mandato, em dezembro de 2020. É que o titular Gilberto Figueiredo, que se elegeu pelo PSB e vai migrar para o DEM,...

PSDB veta Taques e vai priorizar Leitão

paulo borges 400 curtinha   O comando regional do PSDB não vai dar chance para Pedro Taques, caso este ensaie concorrer ao Senado com a provável suplementar, já no início de 2020 com a iminente cassação do mandato de Selma. Embora tenha dito que hoje se dedica à advocacia e à vida de professor...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a decisão do Supremo de suspender prisão imediata após julgamento em segunda instância?

Concordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.