Executivo

Segunda-Feira, 04 de Novembro de 2019, 11h:39 | Atualizado: 04/11/2019, 19h:00

ESCÂNDALO NA CÂMARA

Prefeito sai em defesa de Adevair acusado de crimes sexuais: "provará inocência"

Rodinei Crescêncio

Emanuel Pinheiro

Emanuel Pinheiro aposta em carreira "sem máculas" do parlamentar

O prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) saiu em defesa do vereador Adevair Cabral (PSDB), que é investigado por um suposto caso de prostituição infantil e acusado em outro caso de assédio contra uma ex-servidora da Secretaria Municipal de Saúde (SMS). Nesta segunda (4), Emanuel criticou qualquer “condenação antecipada” e ressaltou que as acusações têm de ser provadas à Justiça. O prefeito disse acreditar na na inocência dele.

“Eu conheço o Adevair, conheço o vereador, tenho certeza de que ele vai provar que não tem nada a ver com isso. Ele está muito chocado com toda essa notícia. A palavra de uma pessoa contra ele... ela (a ex-servidora) tem que provar. Infelizmente, há uma condenação pública precipitada, antecipada, ante um processo desse que macula uma carreira pública de 10 anos, 15 anos, uma vida pública e profissional irretocável, irrepreensível, sem nenhuma mácula. Sem contar o grande abalo familiar que vem a ocorrer”, declarou o prefeito.

Adevair Cabral é cotado para ser candidato a vice-prefeito na possível tentativa de reeleição de Emanuel em 2020. O prefeito disse ainda não ter se decidido sobre a candidatura e, por isso, sequer pensou no nome do vice.

No Ministério Público Estadual (MPE), o vereador é investigado por “favorecimento da prostituição ou outra forma de exploração sexual de vulnerável” desde agosto de 2017. Constam como acusados no vereador, o motorista Jaburitã Francisco Nunes e também o Clube Aspe, uma associação fundada e já presidida por Adevair.

Além disso, na semana passada também veio à tona uma denúncia contra o vereador por suposto assédio a uma ex-servidora da prefeitura. Em maio de 2017, o parlamentar teria feito investidas contra ela pelo Whatsapp, chegando a enviar uma foto de samba-canção. Adevair também teria chamado a servidora à sede o Clube Aspe, onde ela o teria encontrado se masturbando.

O caso começou a circular depois de um boletim de ocorrência ser registrado pelo tucano contra o vereador Abílio Junior (PSC). O colega estaria mostrando a foto íntima de Adevair a diversas pessoas na Câmara.

A mulher alega que depois de negar as investidas do vereador, teria sido perseguida pelo o coordenador da Regional Norte da equipe de Atenção Básica do Município, Gilson Guimarães, que seria indicado político do vereador. Ela foi demitida depois de ser realocada diversas vezes. O vereador nega todas as acusações.

 “É uma pena, eu acredito no Adevair, que não tem nada a ver com isso, e vai provar. Aliás, essa senhora tem que provar e, se está no Ministério Público, vai concluir as investigações e eu dou voto de confiança ao vereador Adevair e tenho certeza que ele não tem nada a ver com isso”, afirmou Emanuel.

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • Luiz Barbosa | Terça-Feira, 05 de Novembro de 2019, 11h07
    0
    0

    É só ir fundo nas investigações que vão concluir que Adevair e Gilson praticam isso faz tempo.

  • DELIA RÚBIA DA SILVA | Terça-Feira, 05 de Novembro de 2019, 08h22
    0
    4

    Adevair e um vereador serio

  • JUNIOR | Segunda-Feira, 04 de Novembro de 2019, 15h49
    13
    1

    UM SUJO TEFENDENDO UM MAL LAVADO EU ELE E CULPADO SIM

  • Veríssimo Lemes do Nascimento | Segunda-Feira, 04 de Novembro de 2019, 13h57
    4
    16

    Com toda certeza, Adevair Cabral é inocente, isso é uma armação de pessoas desqualificados, que quer tirar proveito, quer ganhar algo com isso. já passeis por isso, é horrível,

Matéria(s) relacionada(s):

Salvando 1º ano de mandato no cargo

selma arruda 400 curtinha   Embora "sangrando" e com a imagem arranhada, a juíza aposentada e senadora cassada pelo TRE-MT Selma Arruda, que trocou o PSL pelo Podemos, consegue concluir este primeiro de oito anos de mandato. E vai se licenciar nos próximos dias para ceder espaço aquele que financiou a sua campanha,...

Barbudo é menos empreguista de MT

nelson barbudo 400 curtinha   Dos oito deputados federais de MT, o estreante Nelson Barbudo (foto) é o menos "empreguista". Nestes 10 primeiros meses de mandato, ele nomeou no gabinete em Brasília e no escritório político em Cuiabá apenas 15 assessores. Cada gabinete pode ter até 25 secretários...

Rossato quer "minar" reeleição de Ari

dilceu rossato 400 curtinha   Em Sorriso, a capital nacional do agronegócio, a tendência é da disputa à sucessão no próximo ano ficar polarizada entre o prefeito Ari Lafin, do PSDB, e seu antecessor, Dilceu Rossato (foto), hoje filiado ao PSL. Embora se movimente nos bastidores, o deputado Xuxu Dal Molin...

Misael nem espera janela e sai do PSB

misael partido 400 curtinha   Misael Galvão (foto), presidente da Câmara de Cuiabá, nem esperou chegar a janela partidária de março para oficializar a saída do PSB, onde esteve filiado por três anos. Para não colocar o mandato em risco, o parlamentar consultou a Justiça Eleitoral e obteve...

TCE-MT aprova e elogia gestão Binotti

binotti 400 curtinha   O conselheiro interino do TCE, Isaías Lopes, rasgou elogios ao primeiro ano de mandato do prefeito e empresário Luiz Binotti (foto), de Lucas do Rio Verde. Relator das contas do exercício de 2018 da prefeitura, com aprovação unânime pelo Pleno, Isaías destacou que os resultados...

Primavera fará 4 intervenções na BR

leonardo 400 curtinha   Com recursos próprios, a Prefeitura de Primavera do Leste fará quatro intervenções na BR-070, no perímetro urbano, com readaptação e construção de trevos para ajustar o trânsito a uma nova e moderna realidade do município com quase 100 mil...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a decisão do Supremo de suspender prisão imediata após julgamento em segunda instância?

Concordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.