Executivo

Terça-Feira, 26 de Outubro de 2010, 17h:09 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:28

SINOP

Presidente da CDL faz críticas a Eder para impedir volta à Sefaz

   O presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Sinop Afonso Teschima Júnior teceu duras críticas ao secretário da Casa Civil Éder Moraes e pediu que os deputados eleitos e o governador Silval Barbosa (PMDB) impeçam que ele volte ao comando da secretaria estadual de Fazenda (Sefaz). “Estamos apelando ao governador para que não deixe o terrorismo voltar, que não nomeie Eder Moraes para a Sefaz”.

  Logo em seguida, ele pondera que deste modo o peemedebista estará mostrando que tem consciência sobre a importância do empresariado e do comércio em geral para o desenvolvimento do Estado.“Todo governo deve trabalhar dispensando o assistencialismo e buscando a geração de emprego e renda. A melhor forma de fazer isso é ter o empresário como parceiro numa relação mais aberta”, argumenta.

  Ainda conforme Afonso, os membros da classe empresarial sabem que a gestão de Éder foi um período bastante difícil, sem diálogo com a Sefaz. Desta forma, segundo ele, foi construída uma tributação de forma equivocada, prejudicando o crescimento de Mato Grosso. Ele argumenta, inclusive, que recentemente o Estado perdeu várias empresas Goiás porque além dos impostos serem menores lá, o incentivo fiscal é maior. “Com a saída de Éder algumas coisas mudaram para melhor. Houve abertura de uma conversa entre o setor e o governo. Muita coisa ainda precisa ser mudada, mas não podemos retroagir”, ressalta.

  Nesta mesma linha ele pontua que Mato Grosso não pode ser apenas o celeiro do país, mas também deve agregar valor ao produtos, gerando mais emprego e renda. Por fim, o presidente da CDL de Sinop reforça que seu pedido é endossado por mais de 700 empresários, além dos presidentes das CDLs de Cuiabá, José Alberto Vieira de Aguiar; Alta Floresta, Vera Lúcia; Ipiranga do Norte, Marcio Noetzold; e Sorriso, Cláudio Cezar Oliveira.

Postar um novo comentário

Comentários (13)

  • Pedro Albuquerque (Pedrinho das Feiras) | Quarta-Feira, 27 de Outubro de 2010, 16h48
    0
    0

    Esses presidentes da CDL que se diz comerciantes,não querem que o Eder de Morais volta a Sefaz por que elels sempre foram sempre os grandes sonegadores de impostos de Mato Grosso e o Eder moralizou a Sefaz cobrando os impostos dos sonegadores.Os bons empresarios e´sempre a favor de Eder M. porque ele cobra os impostos de quem realmente deve,ele é apenas um grande secretario que tenta baixar o ICMS se todos os impresario contribuissem pagando seus impostos.E só assim que o governo pode fazer estradas,reformar escolas, construir presidios, construir hospitais de qualidade,aumentar policiamento. Ele não tem nada a ver com o super faturamento de 44 milhoes que vinheram diretamente do Governo Federal para os impresarios. Acredito que se o Eder retornar para Sefaz ele irá cobrar categorigamente aqueles não pagam impostos da forma certa. O Sindicato dos Feirantes de Mato Grosso se mobiliza a favor de Eder de Moraes porque acompanhou o belo trabalho dele na Sefaz, que so não ve quem relamente não quer. O Governo de Mato Grosso sera muito parabenizada por essa grande escolha retornando o Eder de Moraes á Sefaz. Por :Pedrinho da Feira, Ernesto Flávio, Marcela Albuquerque,Patricia ,Altair Morais,Claudio Elias, Claudeonor, Deusa Correia,Angelica Paula dos Santos.

  • Robson | Quarta-Feira, 27 de Outubro de 2010, 07h31
    0
    0

    Sr. Lincon Azevedo queira por favor refazer seu comentário por que o Sr. não deve ser empresário nem intender nada de tributação para fazer esse tipo de comentário... Não podemos retroagir... por que Havia um grande terrorismo na SEFAZ sim... e agora que estamos respirando um pouco... estão falando nos bastidores (quem tem acompanhado sabe do que estou falando) que este homen pode voltar... fora Eder Moraes... e Cade os 44 Milhões???

  • paulo | Quarta-Feira, 27 de Outubro de 2010, 07h25
    0
    0

    sao todos sonegadores paraq de chororo e aprendam a pagar sues emposto. se nao o gov. nao consegue fazer suas abra estrurantes no estado em vez de

  • José Pedro Nepomuceno | Quarta-Feira, 27 de Outubro de 2010, 06h20
    0
    0

    Pode deixar, a Drª Ana Cristina Bardusco, com certeza vai pedir a cabeça desse senhor aí, mesmo assim ele continuará dando as cartas e jogando de mão, vai ser o Zé Dirceu do Lula no governo do Silval, ou seja, vai mandar porém sem cargo nenhum, isso pq ele igualmente o ex deputado, tem a capivara do staf do governo nas mãos e o contribuinte óh, é que se f...

  • aldo luis melo | Quarta-Feira, 27 de Outubro de 2010, 00h11
    0
    0

    Olha, quem nao quer o Eder e porque tem o rabo preso com os impostos que deve. Eder foi o grande moralizador das contas publicas de Mato Grosso, falar dele e falar mal de Blairo de Silval. Nao podemos mais admitir esses sonegadores querendo ditar normas e criar paradigmas com nomes de pessoas do bem como Eder morais, digo mais, se o Governador Silval optar por Eder na Sefaz, estara fazendo um grande bem a Mato Grosso, teremos austeridade e contas em dia, sera um grande nao a farra do boi que havia neste Estado noutros Governos. Nao se intimide Silval com esses mal pagadores. Eder e competente e honesto, homem corajoso!

  • Maurício | Terça-Feira, 26 de Outubro de 2010, 23h10
    0
    0

    Duvido que algiuém em sã consciência tenha coragem de propor ou defender a volta de Eder Moraes na Secretaria da Fzaenda. Deus nos livre desse mau e o governador Silval há de honrar com seu compromisso pois ele iuviu em alto e bom som o clamor dos empresários de todo o estado. Chega de Eder Moraes pelo amor de Deus.

  • Agnello | Terça-Feira, 26 de Outubro de 2010, 21h12
    0
    0

    A questão ai é bem simples, pena que o governo, apesar de gastar milhões em publicidade, não consegue dizer isso à sociedade. O comerciante, empresário, seja lá o que for, coloca o imposto embutido no seu produto ou serviço (então é o consumidor ou cliente que paga) e depois simplesmente não repassa ao governo. É como os produtores, que pegam financiamento, plantam, colhem e depois não pagam. E ai, o governo não tem o direito de cobrar? Claro que tem! Nós é que pagamos, eles apenas usam o dinheiro para cobrir seus caprichos pessoas e depois ainda ficam falando em perseguição. Tem que pagar sim!

  • jõao leite | Terça-Feira, 26 de Outubro de 2010, 19h36
    0
    0

    Até que enfim tira ésta turma desde o motorista que é um simples soldado mas detona e esculaxa os oficiais da pm . Também tem o maior curripido que compra carta junto com o eder de funcionarios sem recursos e que estao esperando a anos pra receber .Ele o vivaldo vive de falca truas no amigos do mixto e sócio de eder em varias coisas e se investigarem bem tem muitos testa de eder . A vivaldo apoiou o nepotismo entre a chefe hoje de gabinete que tem motorista e seu marido o tal francisco que deita e rola na casa civil . E até hoje não teve nimguem pra parar este povo que chegaram sem nada hoje são donos de varios pontos e sociedades do estado !!! A casa civil vive cheio de rolos e rolos até quando ... EDER DE MORAES O SECRÉTARIO QUE FEZ UM BANHEIRO PROS FÚNCIONARIS DA CASA CIVIL !!! GRANDE OBRA ...

  • Mauricio Vaz | Terça-Feira, 26 de Outubro de 2010, 18h03
    0
    0

    Certamente que este Presidente, deve de ter algum Débito. Sabe-se muito bem que o Sr Éder, foi duro sim, Com Sonegadores e Corruptos. Então a conclusão é Pura Lógica. Quem não deve não teme. Éder, fez a Arrecadação do Estado dobrar. Não é lógico este Senhor estar tentando Impedir a Volta do Sr Secretário. Éder, Estamos Contigo. Bom Trabalho.

  • Gustavo Skasners | Terça-Feira, 26 de Outubro de 2010, 17h45
    0
    0

    A sefaz está mto melhor agora. Antes de colocar alguem governador, perqunte aos funcionários o q eles acham que é melhor pro Estado e para harmonia predial. O Sec. Edmilson vem desenvolvendo um trabalho excelente, estamos satisfeitos!!

França elegível; CNJ desatualizado

roberto franca 400 curtinha   O advogado Rodrigo Cirineu, que assumiu a assessoria jurídica da campanha a prefeito de Cuiabá de Roberto França (foto), assegura que o ex-prefeito está elegível. Explica que o cadastro de inelegibilidades do Conselho Nacional de Justiça, constantando ainda o nome de...

Candidato da família Oliveira à Câmara

luluca 400 curtinha   O jovem advogado Luluca Ribeiro (foto) é uma das apostas do MDB por renovação na Câmara da Capital. Concorre a vereador e tende a "herdar" o espólio político da família Oliveira, dos tios Dante, ex-governador que morreu em 2006, e Thelma, prefeita de Chapada dos Guimarães....

Deputado tenta censura e sem êxito

xuxu 400 curtinha   Em duas tentativas, o deputado estadual Xuxu Dal Molin (foto), candidato a prefeito de Sorriso pelo PSC, tentou, sem êxito, censurar o portal Rdnews. Na 1ª Vara Cível da Comarca de Sorriso, Xuxu ingressou com pedidos de antecipação de tutela, pleiteando retirada do ar de matérias que...

Rei do Gado entra numa difícil disputa

mauricao 400 curtinha   O leiloeiro Maurição Tonhá (foto), chamado por muitos de "Rei do Gado", está de volta à disputa eleitoral. O pecuarista com bens avaliados em R$ 19 milhões é candidato pelo DEM a prefeito de Água Boa, muncípio já administrado por ele por dois mandatos. Em...

Ajudando a enterrar CPI do Paletó

luciana zamproni 400 curtinha   O Palácio Alencastro está convicto de que, assim como na primeira votação, o relatório da CPI do Paletó que propõe punição ao prefeito Emanuel e vai ser votado nesta terça, será arquivado pela maioria dos vereadores cuiabanos. O desfalque do...

8 candidaturas e Thelma com chances

thelma de oliveira 400 curtinha   Mesmo sem apoio de nenhum outro partido, a não ser do seu PSDB, enfrentando forte desgaste político e rejeição popular e ainda problemas de saúde, se recuperando de tratamento de câncer de mama, a prefeita Thelma de Oliveira (foto) ainda tem chances de...