Executivo

Segunda-Feira, 11 de Novembro de 2019, 09h:00 | Atualizado: 11/11/2019, 17h:09

Crise política

Renúncia de Evo Morales não afeta abastecimento de gás natural em MT

A renúncia do presidente da Bolívia, Evo Morales, neste domingo (10) criou insegurança comercial com Mato Grosso. Isso porque, há 47 dias, o governador Mauro Mendes (DEM) assinou o contrato com a estatal boliviana Yacimientos Petrolíferos Fiscales Bolivianos (YPFB), para a compra de 1,5 milhão de metros cúbicos de gás natural por mês. Por ora, o abastecimento do produto ainda não foi afetado, assim como está mantida a continuidade do contrato. 

gas natural 680

Governo assinou contrato com a Bolívia há 47 dias para normalizar abastecimento de gás

O presidente da MT Gás Rafael Reis afirma que o governo vai esperar os desdobramentos dos fatos no país vizinho para saber como deverá ficar a situação do contrato. Apesar da instabilidade política, a expectativa é que o acordo seja mantido. “É um contrato de interesse econômico bilateral, e a Bolívia está precisando de dinheiro neste momento”, avalia Rafael Reis ao .

Em Mato Grosso, o gás natural voltou a ser abastecido no começo de outubro depois de quase dois. O Estado agora está em campanha para atrair novos consumidores, principalmente motoristas de aplicativos, indústrias e, futuramente, residências. Entre os grandes consumidores de gás boliviano em Mato Grosso está a Usina Termelétrica de Cuiabá, e que consumia 2,5 milhões de metros cúbicos diários.

Neste domingo, Evo Morales renunciou após a crise que se instalou em seu país em razão dos resultados das eleições realizadas em 20 de outubro. Evo foi eleito para o quarto mandato consecutivo, mas os resultados das urnas levantou suspeitas e resistência de seus opositores. Antes de renunciar, o ex-presidente havia convocado novas eleições. O futuro do país ainda segue incerto, com expectativa de que decisões importantes devem ser tomadas esta semana.

Como parceiro econômico, a Bolívia é estratégica para Mato Grosso, pois serve como porta de entrada em relação aos demais países da América do Sul.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Nilton Ferreira | Segunda-Feira, 11 de Novembro de 2019, 12h26
    0
    0

    sei

Matéria(s) relacionada(s):

Denúncia, psiquiatria e agora atestado

elizabeth 400 curtinha   Lotada como técnico-administrativo do RH do Hospital Metropolitano da Capital, Elizabete Maria de Almeida (foto), recorreu a um psiquiatra uma semana depois de registrar um BO e, sem apresentar provas, acusar o prefeito Emanuel de negociata, inclusive com dinheiro vivo para vereadores, com vistas a...

Título de Cidadã para senadora goiana

janaina riva 400 curtinha   A Assembleia fará sessão solene nestes últimos dias de 2019 para prestar homenagem a várias personalidades de diferentes segmentos e profissões. Uma das que serão condecoradas com o Título de Cidadã Mato-Grossense é a goiana Kátia Regina de Abreu,...

Francis sem os vereadores do partido

cesare 400 curtinha vereador caceres   A administração Francis Maris em Cáceres se tornou tão emblemática que perdeu apoio dos dois únicos vereadores do seu partido, o PSDB, na Câmara Municipal. Os tucanos Valdeniria Dutra e Claudio Henrique integram hoje o bloco de oposição ao prefeito,...

Gilberto prestigia sobrinho na Câmara

marcelo oliveira 400 curtinha   Depois de 11 meses sem pisar os pés na Câmara Municipal de Cuiabá, o vereador licenciado Gilberto Figueiredo, secretário estadual de Saúde e um dos pré-candidatos a prefeito do grupo do governador Mauro, apareceu neste sábado na sede do Legislativo, no ato que marcou a...

Suplente que terá 2 anos de mandato

adilton da levante 400 curtinha   Derrotado à reeleição em 2016, Adilson da Levante (foto) reassumiu cadeira de vereador pela Capital desde janeiro deste ano e deve prosseguir no cargo até o final do mandato, em dezembro de 2020. É que o titular Gilberto Figueiredo, que se elegeu pelo PSB e vai migrar para o DEM,...

PSDB veta Taques e vai priorizar Leitão

paulo borges 400 curtinha   O comando regional do PSDB não vai dar chance para Pedro Taques, caso este ensaie concorrer ao Senado com a provável suplementar, já no início de 2020 com a iminente cassação do mandato de Selma. Embora tenha dito que hoje se dedica à advocacia e à vida de professor...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a decisão do Supremo de suspender prisão imediata após julgamento em segunda instância?

Concordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.