Executivo

Segunda-Feira, 04 de Fevereiro de 2019, 09h:31 | Atualizado: 04/02/2019, 16h:15

SUPLEMENTAÇÃO

Reserva de contingência é colchão de dinheiro que o Estado não tem, diz Gallo

Rodiney Crescêncio

Rog�rio Gallo

Secretário da Sefaz, Rogério Gallo, em entrevista à imprensa

Apesar de a manobra dos deputados terem fatiado a reserva de contingência para suplementar os demais poderes ter garantido uma perspectiva de R$ 102,8 milhões a mais nos duodécimos da Assembleia, Tribunal de Justiça, Ministério Público e Tribunal de Contas, o Poder Executivo sinaliza que não deverá ser tão efetivo quanto parece.

O secretário de Fazenda (Sefaz) Rogério Gallo explica que a reserva de contingência é um “colchão de dinheiro”, uma espécie de poupança onde o Estado pode retirar recursos quando necessário.

“A peça orçamentária já é deficitária, e a reserva de contingência a rigor é um dinheiro que não existe. A reserva é um espaço dentro das receitas para que se surgir uma necessidade, um estado de calamidade pública, uma emergência fiscal, uma despesa imprevista, você tem ali um colchão de dinheiro para conseguir esse dinheiro. O problema é que não temos esse colchão no momento”, assevera.

Com esta perspectiva de que a suplementação talvez nem se realize ao longo de 2019, Gallo pondera que ainda não existe consenso que as emendas parlamentares serão vetadas pelo governador Mauro Mendes (DEM), até mesmo porque, segundo o secretário, a peça orçamentária aprovada com as emendas pelos deputados ainda não chegou ao Palácio Paiaguás.

A reserva de contingência aprovada pelos deputados foi de R$ 506,5 milhões, dos quais, 20% foram delimitados para suplementar as receitas dos Poderes e órgãos independentes. Sendo que ao TJ ficou reservado mais R$ 42 milhões, a Assembleia R$ 35 milhões, ao TCE R$ 9 milhões e ao MPE R$ 16,8 milhões.

Tecnicamente a suplementação não impacta no déficit previsto pelo governo do Estado para este ano, em R$ 1,7 bilhão, já que a reserva de contingência integra as receitas aprovadas para 2019.

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • SERGIO NORBERTO DA SILVA NORBERTO | Segunda-Feira, 04 de Fevereiro de 2019, 13h00
    7
    0

    interessante esse cara era o Secretario anterior e como tal não sabe que LRF obriga o ente qa ter a reserva de Contigência, vamos la TCE chega a mkulta nele.

  • Maria Flor dos santos | Segunda-Feira, 04 de Fevereiro de 2019, 11h08
    8
    0

    Gente a troco do que que este governo resolveu ficar com esse Rogério Gallo e a Marioneide como Secretários de Estado sendo que os mesmos eram do antecessor Pedro Taques seria alguma truta do MM?

  • Teka Almeida | Segunda-Feira, 04 de Fevereiro de 2019, 10h30
    4
    1

    Aproveitando que estão falando em dinheiro, vamos falar dos salários dos trabalhadores. Na semana passada, foi anunciado que no dia 03/02, domingo o governo iria anunciar qual o valor começaria a pagar o funcionalismo no próximo dia 10/02, que diga-se de passagem cairá num domingo, com isso dinheiro só na segunda dia 11/02. Pois bem, hoje dia 04/02 e nada do governo divulgar o que é OBRIGAÇÃO.

  • alexandre | Segunda-Feira, 04 de Fevereiro de 2019, 10h27
    8
    0

    reserva de contingencia foi usada para aumentar os duodecimos em 102 milhoes...., tiraram o RGA para dar aumento aos Poderes..com a anuência do governo.

Salgadinhos sim; caminhão pipa, não

humberto bolinha 400 curtinha   Em Guiratinga, o prefeito Humberto Domingos, o Bolinha (foto), resolveu homologar na última segunda, 1º de junho, processo licitatório para contratar uma empresa com vistas a fornecer salgadinhos nas 11 secretarias municipais. Vão ser gastos com salgados R$ 21,7 mil. No mesmo dia, Bolinha...

Nepotismo e demissão na gestão Pátio

leandro junqueira 400   Acuado pela notificação recomendatória do Ministério Público Estadual, o prefeito de Rondonópolis, Zé do Pátio, não teve outra saída senão exonerar a servidora Renata Castilho Moreno do cargo comissionado de gerente do Departamento de Engenharia e...

Candidatíssima à vereadora em Cuiabá

gisele almeida 400 curtinha   A apresentadora de TV, Gisele Almeida (foto), vai mesmo encarar o teste das urnas como candidata à vereadora em Cuiabá. Irmã do ex-vereador, ex-deputado e hoje conselheiro afastado do TCE, Sérgio Ricardo, ela não perde tempo nas articulações. Recentemente, recebeu no...

Quebra-cabeça para definir a chapa

eduardo botelho 400 curtinha   Eduardo Botelho (foto) está postergando ao máximo a definição dos nomes de sua chapa ao comando da Mesa Diretora. A eleição já acontece no dia 10, na próxima semana. Como 12 dos 24 deputados brigam por espaço, o presidente da Assembleia sabe que, ao final,...

Secretário terá de explicar contrato

alex vieira 400 curtinha   O secretário de Educação de Cuiabá, Alex Vieira (foto), tem dois dias para apresentar defesa ao TCE sobre uma representação da empresa F. M Paragas, propriedade de Fernando Marcelo, que apontou supostas irregularidades na contratação, por dispensa de...

Presidente da OAB e péssimo exemplo

leonardo campos 400 curtinha   Continua repercutindo muito mal, inclusive em âmbito nacional, o escândalo em que se envolveu Leonardo Campos, o Léo Capataz (foto), que acabou se afastando da presidência da OAB-MT. Deu um péssimo exemplo à sociedade. Ele foi parar na Delegacia, na semana passada, sob...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você conhece alguém próximo que foi infectado pelo coronavírus?

sim

não

em dúvida

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.