Executivo

Sexta-Feira, 21 de Fevereiro de 2020, 15h:33 | Atualizado: 21/02/2020, 15h:38

infraestrutura

VG anuncia mais R$ 50 mi em obras e fiscalização em contratos pela Caixa

Assessoria

Lucimar Campos e Jos� Ant�nio da Silva - Caixa Econ�mica Federal

A prefeita Lucimar Campos e José Antônio da Silva, superintendente da Caixa Econômica Federal, durante assinatura de empréstimo e convênio

Duas importantes conquistas foram anunciadas pela prefeita Lucimar Campos (DEM), pelo vice-prefeito, José Hazama e pelo superintendente da Caixa Econômica Federal (CEF), José Antônio da Silva. Um novo empréstimo de R$ 50 milhões para obras de saneamento básico e pavimentação asfáltica e um convênio para que engenheiros e técnicos da própria instituição financeira promovam a fiscalização e auditagem das obras executadas.

Das cifras que serão liberadas pela CEF, R$ 22 milhões irão para projetos de ampliação no fornecimento de água potável e tratamento de esgoto e outros R$ 28 milhões para pavimentação em ruas de vários bairros da cidade. Esse asfalto novo será avaliado dentro da demanda já existente na secretaria de Viação, Obras e Urbanismo.

Esses novos R$ 50 milhões se unem aos R$ 80 milhões já liberados pela Caixa Econômica, no ano passado, cifras que estão sendo 100% aplicadas em pavimentação e revitalização da malha urbana da cidade. Somente com esse valor já celebrado, Várzea Grande pretende pavimentar e recuperar cerca de 220 quilômetros de vias até o final do mandato de Lucimar.

“Estamos respeitando prazos e a legislação colocando em prática o maior programa de pavimentação de ruas e avenidas de Várzea Grande e a prefeita quer avançar ainda mais e atender mais pessoas”, disse o secretário de Viação e Obras Públicas, Luiz Celso Morais.

Conforme dados atualizados no final de janeiro, todos os projetos que envolvem os R$ 80 milhões estão praticamente licitados e nos últimos 20 dias tiveram suas ordens de serviços liberadas. Em execução estão R$ 10 milhões, restando R$ 70 milhões para finalizar esse primeiro convênio.

“Serão R$ 130 milhões para investimentos em infraestrutura para aplicação direta nesse ano. Fora tudo que já foi aplicado nos últimos anos, desde 2015, em todos os setores da prefeitura. Somente do PAC estamos investindo quase R$ 500 milhões. Mais que desenvolvimento e qualidade de vida, estamos gerando empregos em nossa cidade ao transformar Várzea Grande em um canteiro de obras. Em todos os cantos da cidade há um caminhão e uma equipe da prefeitura, uma empresa contratada, uma obra acontecendo”, disse Lucimar.

Serão R$ 130 milhões para investimentos em infraestrutura para aplicação direta nesse ano

Lucimar Campos

O contrato de prestação de serviços entre a prefeitura e a Caixa é o segundo assinado no País, para acompanhamento e fiscalização de obras. O primeiro foi celebrado em Feira de Santana (BA) e tem como princípio proporcionar redução sobre os custos, melhorar análise das planilhas, tudo sob a expertise que a Caixa tem no mercado da construção, destacou o superintendente de Rede da Caixa, José Antônio da Silva.

“A Caixa desenvolveu um amplo conhecimento em acompanhamento de projetos, em preços de mercado. Obras aferidas com constância resultam em economia e em projetos de qualidade. A prefeita se empenhou pessoalmente em celebrar esse contrato. É uma parceria muito importante para o Município, assegura o desenvolvimento, renda, empregos e em breve vai mostrar resultados. É uma parceria de 24 horas”.

Contrato

O contrato se refere a um convênio na ordem de R$ 80 milhões liberado no ano passado pela Caixa à prefeitura, em razão da sua estabilidade político-financeira e sua capacidade de endividamento. Conforme o contrato de prestação de serviços, os técnicos da Caixa Econômica irão, entre outras atividades, acompanhar o andamento das obras por meio de visita “in loco”, verificar a viabilidade de execução do projeto apresentado e a adequação dos custos e cronograma previstos para execução do empreendimento, assessoria no desenvolvimento de Planos, Projetos e Empreendimentos em Trabalho Social/Socioambiental, análise de viabilidade socioambiental de empreendimentos, verificação de compatibilidade entre os preços planejados para as atividades e aqueles praticados pelo mercado, apoio técnico operacional com intuito de caracterizar a conformidade financeira do empreendimento objeto da prestação de contas, conhecer as características da área de intervenção e seu entorno e/ou área de reassentamento, entre outros.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Redes sociais, lives e efeito colateral

Em tempo de coronavírus, as redes sociais têm sido fundamentais para disseminar informações. As plataformas são utilizadas, por exemplo, para realização de coletivas, mas, nesta segunda (6), houve um efeito colateral. O governador Mauro Mendes e o secretário de Saúde Gilberto Figueiredo foram "vítimas" de ferramenta de animação do Facebook. Os dois falavam sobre ações para combater a doença...

DEM agora sem amarras dos Campos

frankes siqueira curtinha 400   Sem o controle absoluto dos Campos, como nas últimas duas décadas, desde quando era PFL, o DEM, que não elege vereador em Cuiabá desde 2004, vive melhores expectativas, agora sob comando da ala ligada ao governador Mauro. É presidido pelo secretário de Estado de Governo,...

O pulo de Elias do PSDB para o DEM

elias santos 400 curtinha   Elias Santos (foto), irmão do deputado Wilson, agiu como estrategista na construção de sua pré-candidatura a vereador por Cuiabá. Concluiu que teria mais dificuldades de obter êxito nas urnas no PSDB porque os dois vereadores tucanos que vão à...

DEM e voz na Câmara após 16 anos

marcelo bussiki 400 curtinha   O DEM (antigo PFL) passa a ter voz na Câmara da Capital 16 anos depois. Aproveitando a janela de março em que a Justiça Eleitoral permite mudança de legenda sem risco de perda do mandato, dois vereadores migraram para o Democratas, sendo eles Marcelo Bussiki (foto) e Gilberto Figueiredo, que...

MDB agora com 2 na Câmara-Cuiabá

juca do guaran� curtinha 400   O MDB do prefeito Emanuel Pinheiro, que não elegeu vereador em 2016 em Cuiabá, agora ganha duas vozes na Câmara. Tratam-se de Juca do Guaraná (foto), militante histórico do nanico Avante que resolveu migrar para a legenda emedebista, e do recém-empossado...

PT segue sem voz na Câmara-Cuiabá

bob pt 400 curtinha   O PT, presidido em Cuiabá por  Elisvaldo Almeida, o Bob (foto), está mesmo "queimado" e sem prestígio. Em meio ao troca-troca de partido entre os vereadores cuiabanos, aproveitando a janela de março, cujo prazo para mudanças para quem deseja se candidatar em outubro encerrou-se neste...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.