EXPEDIÇÃO 300

Sexta-Feira, 13 de Dezembro de 2019, 08h:15 | Atualizado: 13/12/2019, 08h:19

Lambadão tem história entrelaçada com garimpo, foi marginalizado e agora é lei

José Medeiros

Lambadão começou seu movimento nos anos 70, momento que Mato Grosso era muito populado

Lambadão começou seu movimento nos anos 70, momento que Mato Grosso era muito populado entre retirantes e outras pessoas interessadas no ouro

Dançar “ajojado” e de forma calorosa, principalmente nos bailes de Cuiabá e interior de Mato Grosso, revelam uma mistura multicultural que vem desde os anos 70, período em que a Capital foi uma das cidades mais populosas do país por conta da febre do ouro. Durante 10 anos, até os anos 80, o ritmo ainda tomava suas formas.

José Medeiros

Bandas animam bailes que seguem durante toda a madrugada

Bandas animam bailes, que seguem durante toda a madrugada tocando canções badaladas e que animam o público bastante dançante. Alguns são famosos

Era gente de tudo quanto é canto do país, inclusive do Nordeste brasileiro, que muito influenciou – além dos ritmos latinos tão perceptíveis no gênero. Há também as fortes referências do rasqueado. As letras tratam de amor, boemia e sobre o universo da dança. Seja meio às fazendas e sítios na beira do rio, a poeira levanta, mas o povo não para de cantar e dançar. Os músicos trocam de lugar, revezam entre si, mas o som continua.

José Medeiros

Danças são calientes e tiram pés do chão com facilidade quando começa o som

Danças são calientes e tiram pés do chão com facilidade quando começa o som. A poeira levanta, mas o povo não para de cantar e dançar e curtir a noite

As roupas são coloridas e o suor molha os corpos que transitam pelo salão. A paixão é mesmo latente e se reunir para celebrar esse momento virou um “grito” pela cultura popular antes mesmo que ela fosse reconhecida oficialmente como movimento cultural e musical de caráter popular, fato que só ocorreu este ano – pela Lei nº 10.809/2019. A Expedição 300 - O Rio das Lontras Brilhantes, através do fotógrafo José Medeiros, foi retratar as belezas e as dores dos que lutam para que o lambadão não perca sua vez.

José Medeiros

Difundido pelo país, ritmo revela muito da cultura mato-grossense e tem influências diversas

Difundido pelo país, ritmo revela muito da cultura mato-grossense e tem influências diversas, entre elas a do mais antigo ritmo mato-grossense, rasqueado

O lambadão ocupa o coração de moradores de regiões periféricas ou ribeirinhas espalhadas, principalmente, por em Cuiabá, Rosário Oeste, Poconé e Várzea Grande, desde que um dos mentores do ritmo, (in memoriam) Chico Gil, lançou seu primeiro sucesso.  Impossível não mencionar Chico que, antes da música, trabalhou com muita coisa – e o garimpo estava entre elas. O ouro não era tanto quanto o prometido, muita gente para explorar e no cabo da inchada era difícil arrancar muito da terra, mas a criatividade era brilhante e latente. Logo as composições tomaram forma.

José Medeiros

Pernas das mulheres são erguidas durante as batidas das músicas

Pernas das mulheres são erguidas durante as batidas das músicas, elas são jogadas de um lado para o outro e requebram bastante com roupas coloridas

Apesar de marginalizado, o lambadão conquistou espaço no coração dos mato-grossenses, a cultura popular começou a redirecionar suas formas de expressão.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Prorrogação de mandatos até 2022

Muitos prefeitos e vereadores já trabalham com a hipótese de ganharem mais dois anos de mandato, "esticando" o atual para 2022. O Senado está prestes a aprovar uma PEC para tornar coincidentes os mandatos eletivos. Nesse caso, mandato dos prefeitos, vice e dos vereadores, eleitos em 2016, teria duração de seis anos. E, a partir das urnas de 2022, as eleições passariam a ser gerais para presidente, governadores, prefeitos, senadores, deputados e...

"Cenário apocalíptico" e respiradores

z� do patio 400 curtinha   Um mês depois do escândalo sobre a compra e pagamento de quase R$ 4 milhões por 22 respiradores falsificados, o prefeito Zé do Pátio (foto), de Rondonópolis, tomou duas decisões, mas nenhuma delas no sentido de investigar eventuais falhas de servidor da...

Binotti, a popularidade e a oposição

luiz binotti 400 curtinha   O grupo político do hoje vice-governador Otaviano Pivetta, que comandou Lucas do Rio Verde por mais de duas décadas, terá dificuldades para reconquistar o comando local no pleito deste ano. O pré-candidato Marino Franz, que foi vice de Pivetta e depois prefeito, será o...

Um mês no Senado e com um projeto

carlos favaro 400 curtinha   Em um mês como senador, Carlos Fávaro (foto), oficialmente com 12 assessores, por enquanto, fez dois pronunciamentos da tribuna, não atua na relatoria de nenhuma propositura e apresentou um projeto, justamente o que pede socorro financeiro a um dos setores do agronegócio, o algodoeiro. Na...

Desagregador luta pra retornar à Ager

fabio calmon 400   Fábio Calmon (foto), que foi adjunto da Sinfra no Governo Taques e depois nomeado presidente da Ager-MT, não desiste da Agência, mesmo sabendo que ali se tornou uma pessoa non grata por uma série de situações. Foi carimbado de incompetente, burocrata, arrogante e desagregador. O governador...

Oportunismo e na defesa de Bolsonaro

niuan ribeiro curtinha 400   Niuan Ribeiro (foto), presidente do Podemos em MT, agora virou defensor do Governo Bolsonaro. Eis o que o vice-prefeito de Cuiabá escreveu no Instagram, em postagem acompanhada de sua foto, sobre o conteúdo da reunião ministerial de 22 de abril que expôs várias faces do governo. "Apesar...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você conhece alguém próximo que foi infectado pelo coronavírus?

sim

não

em dúvida

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.