Quarta-Feira, 15 de Outubro de 2008, 15h17
INVESTIGAÇÃO
Gravação sobre "dinheiro sujo" mostra Moura


 O DVD em poder da Polícia Federal com gravações de uma suposta negociação espúria de três candidatos derrotados a vereador por Cuiabá pelo PRTB mostra imagens de José Pedro Pereira Moura, que teve 1.256 votos. Não há identificação do autor da gravação. O áudio é de péssima qualidade, o que dificulta a compreensão dos diálogos.

  Pedro Moura aparece sentado, em movimento e, em outro momento, de pé e conversando com algumas pessoas em mais de uma sala. Sua imagem surge também no instante em que dinheiro é colocado num envelope. Na cena, há uma pessoa com adesivo na camisa do candidato a prefeito da Capital, Mauro Mendes. Além de Pedro Moura, também são acusados de pegar "dinheiro sujo" os também candidatos derrotados do PRTB, Marcionei José Curvo de Moraes, que teve 1.526 votos, e Fernando Capilé, que conquistou 905 votos. O PRTB elegeu dois vereadores: Neviton Fagundes Moraes (3.798 votos) e Ralf Leite (3.115).

   A confusão começou no último domingo à noite. Agentes policiais abordaram um veículo Pajero, na região central de Cuiabá, nas proximidades do restaurante Getúlio Grill. Descobriram dinheiro dentro do veículo, que tinha como ocupantes Marcionei, Capilé e Pedro Moura. De lá, foram conduzidos à sede da Polícia Federal, sob acusação de terem recebido dinheiro para apoiar Mendes neste segundo turno.

  A OAB, o Movimento Cívico de Combate à Corrupção Eleitoral e a imprensa foram acionados pela coligação do prefeito Wilson Santos sobre o flagrante. Antonio Cavalcanti, o Ceará, recebeu um telefonema. Um interlocutor que não se identificou o visou que, em instante, ele iria receber um DVD com imagens que comprovariam a prática de crime eleitoral por parte dos três ex-candidatos a vereador do PRTB. Meia-hora depois um motoqueiro entregou o DVD a Ceará, na recepção da PF. Este repassou ao delegado federal plantonista Vilson Rodrigues de Souza Filho, responsável por interrogar os três acusados.

   O delegado instaurou inquérito, fez auto de apreensão do DVD e ouviu, naquela madrugada já de segunda (13) o coordenador do MCCE. Marcionei, Capilé e Moura foram liberados. Eles garantem que não se trata de dinheiro de negociata, mas sim para pagamento de cabos eleitorais.

Foi ação do Comitê da Maldade, diz Valmórbida

Júlio Valmórbida nega compra de lideranças  O publicitário Júlio Valmórbida, que integra a equipe de marketing do candidato Mauro Mendes, acusa o que chama de Comitê da Maldade, liderado, segundo ele, pelo prefeito Wilson Santos e pelo marqueteiro Antero de Barros, de tentar fabricar provas para prejudicar o republicano. Disse que jamais Mendes se envolveria em esquema de compra de lideranças. De acordo com Valmórbida, o próprio coordenador do MCCE tem dúvidas sobre a autenticidade da gravação.

  "A questão financeira faz parte de estrutura de campanha e tudo está declarado oficialmente, dentro da previsão de gastos da coligação", destaca Júlio Valmórbida. Para ele, "não resta dúvidas de que Santos e Antero tentaram criar factóides". Ele questionou o porquê, numa madrugada, pessoas da coligação de Santos, como os advogados Ussiel Tavares e José Rosa, estarem em frente à sede da PF para acompanhar o caso. Também cutucou o presidente da OAB, Francisco Faiad. "O Faiad que estava lá (na PF), era o presidente da OAB ou aquele que quase foi candidato a vice-prefeito do Wilson Santos?".

   Valmórbida afirma que "tudo não passa de armação do Comitê da Maldade". Observa que o próprio delegado federal não deu importância à denúncia, tanto que liberou os 3 filiados do PRTB. "Eles (do grupo do prefeito) deixaram a marca da ferradura. A compulsão pela mentira deixou eles malucos e querem transformar fantasia em realidade. É caso de internação", ironiza Valmórbida, que foi o principal marqueiro de Mendes no primeiro turno e agora auxilia nos trabalhos Chico Santa Rita.

Clique no play e veja as imagens que motivaram abertura de inquérito na PF sobre suposta negociação espúria envolvendo 3 candidatos derrotados do PRTB em Cuiabá para apoio a Mauro Mendes


Fonte: RDNEWS - Portal de notícias de MT
Visite o website: https://www.rdnews.com.br/