Segunda-Feira, 06 de Abril de 2009, 13h17
TRIBUNAL DE JUSTIÇA
Desembargador contrata os próprios filhos; CNJ investiga


   O Conselho Nacional de Justiça deve instaurar inquérito administrativo disciplinar contra o desembargador José Jurandir de Lima, do Tribunal de Justiça. Ele é acusado de contratar seus dois filhos, Tássia Fabiana Barbosa de Lima e Bráulio Estefânio Barbosa de Lima, falecido em um acidente automobilístico em 2007. O relator do processo, ministro Gilmar Dipp, afirmou que o caso “mostra indicativos de violação aos deveres funcionais do magistrado” e determinou, no inquérito a ser aberto, que os fatos sejam esclarecidos e aplicada a penalidade cabível ao caso.

   O desembargador argumentou, em sua defesa, que as contratações não foram feitas por ele e sim por outros magistrados. Mesmo assim, o relator entendeu que há indícios de que os filhos do desembargador José Jurandir receberam, por determinado período, vencimentos do cargo em comissão que ocupavam, sem, entretanto, terem comparecido ao serviço. (Flávia Borges)

  •    Clique aqui e confira a matéria completa

Fonte: RDNEWS - Portal de notícias de MT
Visite o website: https://www.rdnews.com.br/