Quarta-Feira, 13 de Janeiro de 2021, 15h50
CASTANHEIRA
Prefeito decreta vacinação obrigatória contra Covid, mesmo sem vacina em MT

Douglas Santos

O prefeito de Castanheira (a 779 km de Cuiabá), Jakson de Oliveira Rios Junior (PT), publicou um decreto na última segunda (11) que determina vacinação obrigatória a toda população da cidade. Mesmo sem previsão de chegada de vacinas no Estado, o chefe do município optou por adiantar algumas decisões referente à imunização. A medida é uma forma de evitar a propagação da pandemia do coronavírus entre as pessoas, conforme o prefeito.

Natacha Pisarenko/AP

Vacina Sputnik V contra a Covid-19

O decreto n° 6 determina ainda que todos os moradores da cidade deverão passar por realização compulsória de exames médicos, testes laboratoriais, coleta de amostras clínicas, além da vacinação e outras medidas profiláticas.

Segundo o documento, todas as ações serão realizadas de forma interligada com órgãos estaduais e federal, bem como instituições internacionais, que estão atuando no combate ao vírus. O decreto também suspende aulas, festividades, concessão de alvarás de para eventos, ações da assistência social, além de estabelecer regras para o enfretamento da Covid-19 na região.

Eventos privados podem ser realizados com até metade de sua capacidade de lotação, tendo como base o metro quadrado e o distanciamento social de 1,5m entre as pessoas. Outra proibição a realização de jogos de futebol ou qualquer outra atividade esportiva em campos de futebol, praças públicas ou lugares privados.

Missas, cultos e demais celebrações religiosas também estão liberadas na cidade. A feira municipal só poderá funcionar com 60% da lotação, quando as pessoas só poderão frequentar os lugares usando máscaras.

Veja o decreto na íntegra AQUI.

MT preparado para vacinação

Em entrevista à rádio CBN Cuiabá, na manhã desta quarta (14), o governador Mauro Mendes (DEM) garantiu que Mato Grosso está devidamente preparado para "receber, fazer a logística e distribuir a vacina" contra a Covid-19. O democrata relatou que chegou a tentar adquirir vacinas, a exemplo da Pfizer da Fiocruz e da Coronavac desenvolvida pelo Butantan de São Paulo, mas ambas só estão sendo negociadas com a União.

Casos em Castanheira

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde desta terça (12) 130 casos confirmados do coronavírus na cidade. Desses, 108 conseguiram se recuperar da doença e 03 perderam a batalha para o vírus. Ao todo. Mato Grosso soma 4.727 óbitos em decorrência pela Covid-19.


Fonte: RDNEWS - Portal de notícias de MT
Visite o website: https://www.rdnews.com.br/