Sexta-Feira, 15 de Janeiro de 2021, 10h33
TANGARÁ DA SERRA
Junqueira já é passado e será muito difícil ele voltar para a política, afirma deputado

Andhressa Barboza

Com a possibilidade de virar réu por improbidade administrativa, o ex-prefeito de Tangará da Serra Fábio Junqueira (MDB) terminou o segundo mandato desgastado. Segundo o deputado Doutor João (MDB), apesar das tentativas de alguns membros do partido de se aproximarem durante a gestão, ele teria evitado buscar a apoio para abafar possíveis lideranças.

Helder Faria/ ALMT

Dr Jo�o

O deputado Doutor João avaliou que o emedebista Fábio Junqueira terminou desgastado

“É uma pessoa de difícil convivência. Fiquei dois anos como deputado e me coloquei à disposição, mas ele recusava. Acho que tinha medo de criar uma liderança e não tem como criar liderança em uma cidade onde tive 35% dos votos como deputado. Existe uma liderança natural. Eu não sei se ele tinha alguma pretensão”, revelou o parlamentar.

Médico, o deputado ainda conta que tentou viabilizar ajuda ao município, onde tem base eleitoral, mas nem durante a pandemia de Covid-19 o correligionário o ouviu. O ex-prefeito tentou emplacar Wesley Torres, responsável pelo Departamento de Água e Esgoto, como candidato a prefeito, mas ele foi derrotado por Vander Masson (PSDB).

“Acho difícil ele (Fábio) voltar para a política, está muito desgastado. Tanto é que o candidato dele foi derrotado, foi uma votação muito ruim. Ele insistiu desde o começo, é uma pessoa que ele colocou, não que o cara seja ruim, mas ele colocou o cara que não resolveu o problema crônico da água”, avaliou.


Fonte: RDNEWS - Portal de notícias de MT
Visite o website: https://www.rdnews.com.br/