Terça-Feira, 19 de Janeiro de 2021, 16h43
ATRASO NO REPASSE
Com repasse da Prefeitura de Cuiabá em atraso, Lions da Visão paralisa atividades

Allan Pereira

Reprodução

Lions da Vis�o - post Janaina Riva paralisa��o

 

Em Cuiabá, o Instituto Lions da Visão paralisou as suas atividades por uma semana. A entidade alega que não tem insumos para os procedimentos clínicos por falta de repasses da Prefeitura de Cuiabá, além de atraso no pagamento de salários e fornecedores.

O valor em atraso é de cerca de R$ 500 mil referente aos serviços executados de setembro, outubro e novembro, conforme a administração.

Segundo a administradora e diretora do Instituto Lions, Regina Maria Pereira de Souza, o valor em atraso é referente às execuções de cirurgias e demais procedimentos ofmatólogicos pelo SUS. A unidade é uma entidade filantrópica que atende somente as pessoas do sistema público e recebe pelo que atende e produz à população. Por mês, são aproximadamente 450 procedimentos cirúrgicos e de 1.800 a 2.000 atendimentos.

"Estamos sofrendo por conta dos atrasos. Paralisamos [ano passado] devido à pandemia [de coronavírus], retornamos em setembro e até agora não recebemos", diz Regina.

A diretora aponta que o pagamento dos serviços prestados referente ao mês de dezembro é de pouco mais de R$ 104 mil.O valor ainda está em análise na Central de Regulação do SUS, por isso ainda não há faturamento. Mas, se for acrescentado, o montante do atraso pode superar R$ 600 mil.

Aquisição de insumos

Reprodução

Lions da Vis�o - post Janaina Riva paralisa��o

Deputada Janaina Riva fez post para mostrar realidade

Sem o repasse, o hospital não consegue a compra de insumos, como lentes e seringas, para as cirurgias. De acordo com Regina, havia um estoque desses materiais, mas eles acabaram e não conseguem repô-lo sem dinheiro. Os salários dos médicos e funcionários, além do pagamento de fornecedores, também estão em atraso. "Quatro meses sem receber, não tem empresa que aguente. Não tem como", exclama.

Caso a Prefeitura de Cuiabá não faça o repasse, a paralisação pode continuar na semana seguinte. "Se não recebermos até segunda, teremos que continuar paralisados. Como é que eu faço sem recurso? Quatro meses sem receber, não tem empresa que aguente. Não tem como!".

O caso foi anunciado hoje (19) pela deputada Janaina Riva (MDB) em suas rede sociais. "Mais uma vez a má gestão e os atrasos nos repasses da prefeitura de Cuiabá provocam o fechamento de uma importante instituição de saúde. Me revolta saber que pacientes podem até perder a visão por falta atendimento, funcionários estão sem salário e faltam até insumos! Não podemos aceitar isso!", escreveu a parlamentar.

Outro lado

A reportagem do entrou em contato com a Prefeitura de Cuiabá e aguarda posicionamento.


Fonte: RDNEWS - Portal de notícias de MT
Visite o website: https://www.rdnews.com.br/