Quarta-Feira, 27 de Janeiro de 2021, 19h51
DESDE JULHO
Número de adolescentes infectados pela Covid na Capital subiu 1.124% em 6 meses

Ana Flávia Corrêa

Reprodução

Jovem com covid-19 - aumento

Desde julho de 2020, número de adolescentes infectados pelo novo coronavírus em Cuiabá cresceu 1.124%. Dado foi divulgado no boletim epidemiológico da Secretaria Municipal de Saúde, em parceria com pesquisadores da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT).

Em seguida, há o aumento também nos casos em jovens de 20 a 29. Crescimento nessa faixa etária foi de 759%. Taxa de incidência nessa faixa etária é maior do que dos idosos, por exemplo, que teve aumento de 335% no mesmo período.

Para especialistas, aumento “chama atenção. Estudo corresponde ao período entre 14 de março de 2020 e 23 de janeiro de 2021. Documento também aponta o aumento de mortes desde dezembro. Padrão persistiu nas primeiras semanas de janeiro, onde houve quase o dobro do número de mortes se comparado ao final de dezembro.

Apenas na última semana foram notificados 458 novos casos de coronavírus na Capital, além de 34 óbitos. Houve alta na taxa de ocupação nas UTIs pediátricas, que já chega aos 93%.

“O cenário que se apresenta é característico do que vem ocorrendo no restante do país, e, portanto, indicam a necessidade de agir proativamente, incrementando o monitoramento dos casos e a observação do cumprimento das exigências quanto às medidas de flexibilização na capital”, diz trecho do documento.

Por isso, recomendação dos especialistas é para que sejam mantidos o uso de máscara em locais públicos, se evite aglomerações como eventos festivos e reuniões em bares e se tenha cuidados de higiene.

“Neste sentido, é fundamental que sejam mantidos o uso de máscara em locais públicos, cuidados de higiene e isolamento social, evitando aglomerações, como eventos festivos, reuniões em bares e outros, para que novo aumento de casos não ocorra”.


Fonte: RDNEWS - Portal de notícias de MT
Visite o website: https://www.rdnews.com.br/