Quinta-Feira, 21 de Maio de 2009, 18h33
TRIBUNAL DE CONTAS
Auditoria sobre Lutero deve subsidiar relatório do TCE


     A auditoria feita pelo presidente da Câmara, Deucimar Silva (PP), nas contas do ex-presidente do Legislativo cuiabano, vereador, Lutero Ponce (PMDB), já está no Tribunal de Contas do Estado e será analisada pela equipe de auditoria do conselheiro Alencar Soares, que por meio de sorteio foi escolhido para ser o relator das contas de Lutero. A documentação já está na secretaria de Controle Externo do TCE, onde é analisada por técnicos do Tribunal. Os apontamentos feito pelo relatório serão cruzados com as constatações do próprio TCE e devem subsidiar o estudo de Albano.

    Em 2008, coube ao conselheiro Valter Abano a missão de ser relator das contas de Lutero relativas a 2007. Albano apontou nada menos que 20 irregularidades, muitas classificadas como graves e insanáveis, como contratação de empresas fantasmas pela Câmara, mas após defesa do conselheiro Humberto Bosaipo, os membros do Tribunal aprovaram o balancete do peemedebista  - confira mais aqui. Os dados apresentados na auditoria nas contas de 2008, apontam que Lutero deixou um rombo superior a R$ 3 milhões, além de uso de empresas fantasmas, má gestão do dinheiro público, irregularidades e vícios em licitações, entre outras falhas – veja mais aqui. Como a auditoria foi protocolada no TCE em forma de requerimento denúncia. Assim só será votada quando as contas de Lutero entrarem na pauta. (Patrícia Sanches)


Fonte: RDNEWS - Portal de notícias de MT
Visite o website: https://www.rdnews.com.br/