Sábado, 12 de Dezembro de 2009, 09h24
COMUNICAÇÃO
Matéria da Sina repercute demora na aprovação do ZSEE


   Já chegou às bancas a 30ª edição da revista mato-grossense Sina, contendo entre outros temas, textos sobre meio ambiente, direitos humanos e cultura. A matéria de capa, assinada pela professora do Instituto de Educação da UFMT, Michèle Sato, e pelo jornalista Aluízio de Azevedo, aponta que os deputados estaduais ainda não conseguiram chegar a um consenso sobre o projeto de Zoneamento Socioeconômico e Ecológico do Estado (ZSEE/MT), apesar das 15 audiências públicas para debater as propostas. “Em elaboração há mais de 14 anos, há pelo menos 18 meses encontra-se em discussão no Poder Legislativo Estadual. E, provavelmente, por causa do processo eleitoral o zoneamento deverá debutar em 2010, continuando engavetado”.

   Em artigo, o artista, jornalista e vice-presidente da Oscip Instituto Creatio, Aumari Lobo, discorre sobre as ações da Usina Creatio, que, segundo ele, é o nome dado para o somatório de todas as ações sociais da entidade. “Para tal, acreditamos no potencial da cultura enquanto mediadora cultural no meio social e profundamente engendrada com o desenvolvimento humano”.

   Nesta edição, também há uma entrevista com Heitor Queiroz de Medeiros, 53 anos, fundador da primeira organização ambientalista não governamental do Estado: a Associação Mato-grossense de Ecologia (Ame), que marcou a luta ambiental de Mato Grosso na defesa da criação do Parque Nacional de Chapada dos Guimarães. Ele também esteve no principal movimento ambientalista do Brasil, a Eco 92. (Andréa Haddad)


Fonte: RDNEWS - Portal de notícias de MT
Visite o website: https://www.rdnews.com.br/