Quarta-Feira, 03 de Fevereiro de 2010, 16h01
SA┌DE P┌BLICA
TÚcnico da SES nega epidemia de dengue; registros crescem 729%


   Apesar dos 9.209 registros de dengue, o técnico da secretaria estadual de Saúde (SES) Aparecido Marques nega a epidemia da doença no Estado. “Não podemos falar em epidemia. Temos vários municípios em estado de alerta, mas se trata de situação de emergência e não de epidemia", pondera o responsável pelo setor de Vigilância e Saúde. Apenas em janeiro, houve incremento de 729% nas notificações em relação ao mesmo período do ano passado.

   O Ministério da Saúde estabelece que o município só pode decretar epidemia quando o percentual de infestação por larvas do mosquito Aedes Aegypti ultrapassar 5%. Atualmente, 26 municípios de Mato Grosso apresentam risco de epidemia, inclusive Cuiabá e Várzea Grande, segundo informações da SES. Enquanto as cidades consideram o número de focos, os estados levam em conta o número de notificações.

   Dados da SES apontam que dos 9.209 registros de dengue, 264 são considerados graves. Cinco pessoas morreram e estão sendo realizados mais seis exames para confirmar o óbito em decorrência da dengue. Rondonópolis, Sinop e Sorriso já tiveram vítimas fatais. As cidades de Colniza, Diamantino e Poconé estão com os casos de óbito sob investigação. Só na Capital 805 pessoas contraíram a doença, sendo 59 casos diagnosticados como casos graves.


Fonte: RDNEWS - Portal de notÝcias de MT
Visite o website: https://www.rdnews.com.br/