Terça-Feira, 11 de Dezembro de 2007, 02h22
SECRETARIADO
Edmilson é novo secretário interino de Fazenda


Edmilson Santos assume a Sefaz com a saída de Waldir Teis

   O contabilista Edmilson José Santos é o novo homem-forte do governo Blairo Maggi a partir de sexta (14). Vai ser nomeado como novo secretário de Estado de Fazenda pelo governador em exercício Silval Barbosa e ficará no posto por um mês ou mais. Edmilson é o atual secretário-adjunto de Política Fiscal da própria Sefaz. Ele substituirá Waldir Teis, que deixa a administração Maggi após cinco anos para ocupar a cadeira de conselheiro do Tribunal de Contas do Estado com a aposentadoria de Júlio Campos.

    A sabatina e aprovação do nome de Teis ocorre nesta quarta, em sessão extraordinária na Assembléia. Em seguida, ele deixa a Sefaz. A exoneração será feita pelo próprio Silval, já que o governador está em Bali, na Indonésia, e só volta a despachar no Palácio Paiaguás na próxima segunda (17). Maggi já deu autorização a seu vice para exonerar Teis e nomear Edmilson.

    O governador resolveu postergar para janeiro a nomeação de um secretário efetivo na Sefaz. Prefere até lá manter no comando de uma das pastas mais importantes e estratégias da estrutura do Estado alguém de sua extrema confiança, inclusive do próprio Teis. Caberá a Edmilson ajudar o titular a fechar o caixa do exercício de 2007, algo em torno de R$ 6 bilhões do orçamento-geral do Estado. Maggi estuda o nome do executivo Éder de Moraes para a Sefaz, mas ainda não se definiu oficialmente.

    A Sefaz conta com três adjuntos: Emanuel Gomes Bezerra Júnior (Gestão), Marcel Souza de Cursi (Receita Pública) e Edmilson, que responde pela Política Fiscal desde agosto de 2004, quando Augustinho Moro deixou o cargo, foi para o segundo escalão da Administração e hoje conduz a secretaria de Saúde.

   Edmilson Santos tem atuação extremamente técnica. É discreto e pertence à turma da botina - grupo com ligação próxima de Maggi. Acumula experiência profissional na iniciativa privada.  Ele nasceu em Araçatuba (SP) e reside há mais de duas décadas em Mato Grosso. É formado em Contabilidade. Por 12 anos foi gerente administrativo-financeiro da antiga Telemat. Também exerceu, por dois anos, o cargo de secretário de Administração e Finanças da Prefeitura de Campo Novo do Parecis e passou pela gerência administrativa e financeira da empresa Elepar, em Sapezal, município fundado pela família Maggi.


Fonte: RDNEWS - Portal de notícias de MT
Visite o website: https://www.rdnews.com.br/