Sexta-Feira, 01 de Fevereiro de 2008, 07h15
PESAR
Morre Jurandir, ex-presidente do PT de Cuiabá


Jurandir Lara foi vencido pela infecção cerebral   O ex-presidente do Diretório Central dos Estudantes da UFMT e da Executiva do PT de Cuiabá por cinco anos, Jurandir Lara, faleceu nesta sexta (1º de fevereiro), por volta de 6h, no Hospital São Mateus. Ele não conseguiu vencer a infecção cerebral. Estava na UTI havia quase 20 dias. Jurandir era solteiro, funcionário público e tinha 36 anos. Sua trajetória foi marcada por forte militância no movimento estudantil e partidária. Ele pertencia a corrente Articulação de Esquerda e era um dos poucos que conseguiam manter uma boa relação interna com todas as tendências.

    Jurandir passou a presidir o PT da Capital em 2000. À época, ele substituiu Sivaldo Dias Campos, que sofreu um atentado à bala, deixando-o com sequelas até hoje. Jurandir continuou na direção da legenda petista até 2005. Nesse período, ele ajudou o partido a eleger os vereadores Enelinda Scala e Vera Araújo, a Verinha, em 2000, e, no pleito municipal seguinte, mais três (Domingos Sávio, Valtenir Pereira e Lúdio Cabral). Hoje, a bancada petista se limita a Enelinda e Lúdio.

   Em 2004, Jurandir Lara começou a enfrentar "turbulências" por causa de dívidas contraídas pelo partido na campanha a prefeito do hoje deputado Alexandre Cesar, que era o presidente estadual. Isso levou, inclusive, a Justiça Eleitoral a reprovar as contas do partido, que estão bloqueadas devido a ações de cobrança.

    Assim que deixou a direção da Executiva da Capital, em novembro de 2005, Jurandir Lara passou a integrar a Estadual, presidida pela senadora Serys Marly, como secretário de Organização Nacional. Em janeiro do ano passado, pediu licença para tratamento de saúde. 

   O corpo do ex-dirigente petista está no Hospital São Mateus, em Cuiabá. A família não decidiu ainda onde será o velório.

(Às 7h40) - Estamos abalados, lamenta Jairo

  "A morte do Jurandir representa uma grande perda para a família, para nós e para o PT", lamenta Jairo Rocha, que sucedeu Jurandir Lara na direção municipal do partido. Segundo ele, foi Jurandir quem ajudou a reconstruir o partido, quando assumiu o comando do diretório assim que Silvaldo sofreu atentado. "O Jurandir era muito equilibrado, organizado e foi sob o comando dele que o PT elegeu e ampliou a bancada de vereador em Cuiabá. Ele teve uma participação importante nas eleições de 2002, quando elegemos Serys senadora e os deputados Ságuas e Verinha", enfatiza Jairo, ex-presidente da agremiação petista. "Infelizmente, ele faleceu e estamos todos sentidos. O PT está abalado".

(Às 9h12) - Corpo será velado na Capela Jardins

    O corpo de Jurandir Lara começa a ser velado na Capela Jardins (próximo ao Hospital e Pronto-Socorro Municipal de Cuiabá) a partir das 10h.

(Às 13h45) - Enterro será neste sábado de manhã

   O corpo de Jurandir está sendo velado na sala Hortência da Capela Jardins. O cortejo sai às 8 horas deste sábado (2). O enterro será no cemitério da Piedade, na Capital. Vários familiares, amigos e militantes do PT estão comparecendo ao velório de Jurandir. Sua família viveu um drama nos últimos cinco dias, pois, desde domingo os rins do ex-dirigente petista já tinham paralisados. O diretório do PT de Cuiabá vai emitir uma nota oficial lamentando a morte.


Fonte: RDNEWS - Portal de notícias de MT
Visite o website: https://www.rdnews.com.br/