Segunda-Feira, 07 de Abril de 2008, 13h25
SOLENIDADE
Santos faz elogios aos adversários Lula e Maggi


 O prefeito Wilson Santos (PSDB), em seu discurso inflamado, rasgou elogios ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e ao governador Blairo Maggi (PR), considerados opositores políticos. Aproveitou a oportunidade para mandar recado a Lula, de cuja presença faz questão de contar no lançamento da ordem de serviços das obras do PAC, previsto para os próximos 15 dias. "Não conseguiria dormir se não chamasse Lula para lançar essas obras. Não seria justo com o homem que mais investiu no saneamento da minha cidade", enfatiza Santos, na solenidade na avenidas dos Torres, em companhia de Maggi.

  Santos estava generoso em seu discurso. Inspirado pelas comemorações do aniversário de Cuiabá e determinado a "amarrar" novos recursos para o município, ele também aproveitou para agradecer o "comprometimento" do governador com a promessa de repassar os R$ 10 milhões. Considerou positiva a polêmica criada sobre o destino dos recursos. "A população saiu ganhando. A polêmica foi rentável e os recursos se duplicaram, sendo transformados em R$ 20 milhões porque o Estado irá investir outros R$ 10 milhões na construção de linhas de ônibus em vários bairros, que era a idéia inicial da secretaria de Estado de Infra-Estrutura, e ainda terá mais R$ 10 milhões na avenida das Torres".

  Outra petista que recebeu elogios do tucano foi a senadora Serys Marli, responsável pela emenda de R$ 7 milhões para construção da avenida das Torres. Santos agradeu a parlamentar por compreender a importância da obra e por trazer recursos a Cuiabá. Apesar disso, o discurso do tucano não foi todo marcado por elogios. Ele criticou muito a burocracia e lentidão nos processos de licitação para realização de obras. "O interesse do povo fica em segundo plano. Tenho certeza, que o governador Blairo Maggi, que vem da iniciativa privada acostumado com a agilidade e eficiência, sofre com a lentidão dos processos da gestão administrativa", destaca.

  Toda a euforia do prefeito não era apenas pelo recurso à avenida das Torres, que deverá ter parte concluída até junho. Além dos R$ 10 milhões, Santos fez questão de citar que outros R$ 18,6 milhões serão repassados à Capital pelo Estado. Tratam-se de verbas carimbadas como contrapartida do Estado das obras do PAC.

  Populismo

  Em ritmo de pré-campanha à reeleição, Wilson Santos transformou o evento num palanque. Fez referência a uma fala do presidente Lula, quando esteve em Cuiabá no ano passado e chamou de "loucos" os que querem ser prefeitos no Brasil, já que os municípios estão falidos. O tucano se gaba de "gestor moderno". Disse que o papel de prefeito é ser "cimento" e que os tempos são outros. "Não se faz nada sozinho, temos que buscar parcerias e é isso que tenho feito. Buscado recursos para minha cidade. Sou um cimento, arga-massa, catalisador, porque Cuiabá merece".

  Santos ainda fez um contraponto sobre a época em que era deputado. Diz considerar mais difícil o cargo de prefeito por administrar o dinheiro público. "Uma coisa é ser parlamentar, outra coisa é estar do outro lado do balcão e ter que pagar salários atrasados", enfatiza. E ainda rebate, numa entrevista logo após o discurso, dizendo que assumiu o Palácio Alencastro falido, com meses de salários atrasados, deixados pelo ex-prefeito Roberto França.

  Apesar das duras críticas que tem sofrido de França,  deputado e apresentador do programa Resumo do Dia, da TV Rondon (afiliada da Rede TV!), Wilson Santos considera o assunto encerrado e não teme desgaste na campanha. Evitou falar de alianças partidárias.

  Paixão

  O prefeito cuiabano se disse "apaixonado" pela articulação que está acontecendo entre o PSDB e o PT em Belo Horizonte, sob a liderança do governador tucano Aécio Neves. "Ele (Neves) está unindo adversário para o bem do povo". Adiantou estar aberto para o PT, seu adversário histórico em Cuiabá. "Todo o meu governo está aberto para o PT, não é apenas para alianças políticas em época de eleição", afirma. (Alline Marques)


Fonte: RDNEWS - Portal de notícias de MT
Visite o website: https://www.rdnews.com.br/