Quarta-Feira, 09 de Abril de 2008, 18h40
EDUCAÇÃO
Maggi chama para si negociação com grevistas


   O Sindicato dos Trabalhadores do Ensino Público do Estado (Sintep) deve retornar à mesa de negociações com o governo nesta semana. As conversas agora serão lideradas pelo próprio governador Blairo Maggi, que vai propor aumento escalonado até o fim do seu mandato. Mesmo com o PT à frente da Educação, com o deputado licenciado Ságuas Moraes, as negociações não avançaram. Os reajustes seriam proporcionais e divididos por níveis. "A programação prevê reposição das perdas salariais e servidores também terão ganhos efetivos", disse Maggi.

   A reunião deve acontecer nesta sexta. O convite ainda será feito, mas o presidente do Sintep, Gilmar Ferreira, já adiantou que considera difícil aceitar um aumento gradativo com previsão de terminar em 2010. "A mobilização é para ter aumento real ainda neste ano, acho difícil a categoria aceitar", disse Gilmar.

    O sindicalista insiste na tese de que o Estado não utiliza os 25% do orçamento que, pela Legislação, devem ser aplicados à educação. Maggi deve apresentar à categoria relatórios para rebater as críticas do Sintep. "Em nenhum dos anos de meu governo houve perdas salariais para os professores. Estamos cumprindo sim com os 25%. A greve não é justa", disse o governador. O chefe do Executivo estadual avisou também que se a categoria mantiver a greve vai recorrer à Justiça para comprovar que a paralisação da categoria, deixando alunos da rede pública estadual sem aulas, é ilegal. (Simone Alves)


Fonte: RDNEWS - Portal de notícias de MT
Visite o website: https://www.rdnews.com.br/