Terça-Feira, 01 de Setembro de 2009, 09h46
MÚSICA
Caetano canta "Alegria, Alegria" em protesto à ditadura


  Baiano de Santo Amaro da Purificação, Caetano Veloso é um dos ícones da MPB. Desde menino demonstrou interesse pela música e artes em geral. Tirava de ouvido canções aprendidas no rádio. Em 1952, com apenas 10 anos, gravou "Feitiço da Vila" de Noel Rosa e Vadico e "Mãezinha querida" de Getúlio Macedo e Lourival Faissal.

  Caetano foi sempre um artista polêmico e participante de movimentos autênticos visando engrandecer a MPB. Em 67, no III Festival da Música Popular Brasileira (TV Record), cantou "Alegria Alegria", classificada em quarto lugar. A letra é um recado duro ao regime militar. No mesmo ano gravou seu primeiro LP "Caetano Veloso" com arranjos de Rogério Duprat e os conjuntos RC-7 e Os Mutantes.

  Autor de mais de duzentas composições, solo e com diversos parceiros, as de maior sucesso são Alegria Alegria, Odara, Os Doces Bárbaros, Outras Palavras, O Leãozinho, Novidade, Nu com Minha Música, Onde Nasci Passa um Rio, Minha Mulher e Acrílico (com Rogério Duprat, Irene e Menino do Rio).

-----------------------------------------------------------------------
Confira aqui a letra de "Alegria, Alegria" e no link abaixo para ouvir a canção


Fonte: RDNEWS - Portal de notícias de MT
Visite o website: https://www.rdnews.com.br/