Sábado, 03 de Maio de 2008, 09h56
VÁRZEA GRANDE
Irmão de Wallace admite até desfiliação do DEM


 Josias não descarta até a desfiliação do deputado do DEM, mas admite também apoio a Júlio Campos

  “Tudo pode acontecer!”. Foi o que disse o médico e irmão do deputado Wallace Guimarães (DEM), Josias Guimarães, sobre o fato do partido escolher Júlio Campos para disputar a Prefeitura de Várzea Grande em detrimento do deputado. Ele explicou que Wallace irá estudar todas as possibilidades em conjunto com o grupo que o apóia e não descarta nenhuma possibilidade. Admite que o irmão pode tanto vestir a camisa do "prefeiturável" do DEM como indicar a esposa Jaqueline de vice ou até mesmo sair do partido.

   “Ele (Wallace) ficou chateado com toda essa história. Ele apareceu na frente em todas as pesquisas, critério acatado pelo partido para definir o candidato. Considero uma decisão precipitada. O Júlio se reuniu à noite com o DEM, sabendo que tinha a maioria do partido, e foi definido que ele seria o candidato a prefeito de Várzea Grande, sem contar que ele ficou sabendo antes que a gente do resultado”, garante.

  Segundo Josias, Wallace ainda “não sabe nem que rumo irá tomar”, muito menos se a esposa dele, Jaqueline Guimarães, será vice de Júlio. Ele comentou ainda que o próprio Júlio descartou esta possibilidade.  “Ele (Júlio) disse em uma entrevista logo após a convenção que o vice dele seria escolhido pelo seu grupo e descartou o nome de Jaqueline”, relata.

   Mesmo após definição do nome de Júlio à sucessão em Várzea Grande, o racha continua no DEM. Enquanto isso, outros pré-candidatos ganham força, como o deputado Maksuês Leite (PP). O prefeito Murilo Domingos (PR) corre por fora, em busca da reeleição. Ainda aparece na lista de pré-candidatos o pedetista Wendel Rodrigues, o petista Lázaro Donizete e até Dito Loro (PSDB) e José Marques Braga (PPS). (Alline Marques)


Fonte: RDNEWS - Portal de notícias de MT
Visite o website: https://www.rdnews.com.br/