• Ana | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Como comerciante, que tenho diversos negócios em Cuiabá, e pago meus tributos em dia, tenho que me solidarizar com Pedro Nadaf e dizer sim, que governo e a classe produtiva podem estar uníssonos em prol do desenvolvimento. Sem essa de só perde ganha, ou seja, relações que um lado se sai perdendo e o outro ganhando. Se os deputados tiverem boa memória, lembrarão que, recentemente muitos comerciantes que nada deviam ao Estado, foram tratados como bandidos tendo retenção de suas mercadorias nas barreiras. E isso foi culpa de quem? Pergunto!!! A política da boa vizinhança adotada por Nadaf é de aproximação do governo com quem produz. Será que estão querendo o contrário??? Pensem nisso parlamentares, pois nós também os elegemos e somos responsáveis pelo pão de cada dia de muitos que os elegeram também.

  • edson | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Prezado lider do comércio,

    A caravana passa e os cães ladram... Enquanto você estiver sendo criticado por pessoas como Gilmar Fabris e Roberto França é porque está na direção certa. Vá em frente.

    Edson Luiz Ribeiro

  • Marcos Antunes | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Conheço o Pedro Nadaf e sei do seu trabalho realizado em favor dos empresários do Estado de Mato Grosso.
    Sei também dos trabalhos que seu pai Jamil Nadaf iniciou e que hoje são plataforma de muitos empreendimentos em nosso Estado.
    Os pau rodados que aqui chegam e não querem contribuir, também não precisam atrapalhar, deixa o homem trabalhar.
    Cada um cuidando de suas obrigações, teremos servidores públicos mais eficientes.
    Ao invés de se importar com fofocas os parlamentares deveriam estar preocupados em acompanhar o andamento da gestão do governo e analisar o orçamento que já está na AL.
    Vamos trabalhar gente....

  • Vinicius Moreira de Moura | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É incrível como as pessoas deturpam o perfil e o caminhar daqueles que conseguem chegar onde estão. Tanto Nadaf quanto Éder estão onde estão
    por realmente merecerem isso. Como lojista, não posso deixar de enaltecer o trabalho de Nadaf que sempre lutou pela causa empresarial e sempre foi muito ativo. Confesso não ser amigo de Nadaf, mas já tive contato comercial e trocando idéia com ele em algumas ocasiões em que estava, para governo de vocês, trabalhando em prol dos empresários. É um homem culto, inteligente e de idéias e atitudes empreendedoras.

  • Julia Matos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Não entendo nada de politica, a unica coisa que sei que politicos deveriam governar, e não fofocar e ficar um falando mal do outro, vão trabalhar ao inves de perder tempo em Assembleias falando besteiras. Esse deputado ganhou quanto pra fazer showzinho. Esse brasil não vai pra frente nunca. se cada um cuidasse do proprio umbigo talvez teriamos um brasil diferente.

  • Adilene | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Gostaria de deixar meu repudio a todos que de uma forma ou de outra denigrem a imagem do Ser Humano.Pergunto?
    Quem é tão puro e certo que pode atirar a primeira pedra.
    Gente para de culpar governo, secretário ou qualquer um que seja, vamos trabalhar éticamente e falar coisas uteis que sejam para beneficiar realmente e irformar a população.Roberto França e sua equipe vamos tentar ser éticos, começando em parar de falar mal das pessoas, se não poder ajudar não atrapalha, deixa as pessoas trabalharem em paz.Não somos hipócritas em pensar que não há intrigas com secretários, enfim são colegas de trabalho e seres humanos de carne e osso, sempre haverá divergências porém resolvíveis.

  • Julia Matos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Não entendo nada de politica, a unica coisa que sei que politicos deveriam governar, e não fofocar e ficar um falando mal do outro, vão trabalhar ao inves de perder tempo em Assembleias falando besteiras. Esse deputado ganhou quanto pra fazer showzinho. Esse brasil não vai pra frente nunca. se cada um cuidasse do proprio umbigo talvez teriamos um brasil diferente.

  • Adilene | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Ah vale dizer ainda...
    O trio parada dura ocupando uma tribuna até então respeitável, só poderia dar nisso, shwol da hipocrisia
    no qual prejudicam pessoas comprometidas com desenvolvimento sócio, político e econômico.
    Afinal quem são as laranjas podres?

  • IVAN WALBUGIS NUNES DE MATTOS | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Senhor MARCELO PIRES além de ser PUXA SACO você é incoerente não tem moral alguma de falar de GILMAR FABRIS pois o mesmo também apoia a candidatura do almofadinha MAURO BLAIRO MENDES MAGGI. GILMAR FABRIS em seu conceito pessoa deve também ser trado como gente boa assim como o resto. RESTO é RESTO

  • Jose Carlos Martins | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esse Pedro! ta sempre metido em confusão.