• Fernanda Gerdal | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Sem Comentários. É muita falta do que fazer mesmo !!!

  • José Alencastro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Senador Jaime, com tanto que se tem por fazer por nosso querido esatdo, você tem a coragem de ir na tribuna brigar para continuarem a usar ternos? pelo amor de Deus brigue por uma segurança melhor, pela área de educação e saúde, fica se preocupando com coisas tão banais. Estes são os políticos que elegemos, abramos os olhos nas próximas eleições......

  • Thomé | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    È de dar nojo, paletó, novo horário, dia do abraço, que merd..., E CADê O NOVO CÓDIGO PENAL, E REFORMA POLITICA CADÊ??????????

  • Paulo Mattos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O Senado Brasileiro iguala-se, em comicidade, a alguns programas do gênero, tais como Pânico, CQC, Zorra Total e a tantos outros similares. Formado por pessoas que se julgam representantes do povo brasileiro, mas que na verdade, representam apenas e tão somente interesses próprios e de grupos a eles ligados, o Senado da República, tendo à frente figuras expressivas (demais de expressivas, né não?) como José Sarney, Renan Calheiros, Mão Santa, Garibaldi Alves, Jayme Campos, Serys Marly e tantos outros iguais, deveria se preocupar com os fatos de grandeza que possibilitem o crescimento da Nação e de seu povo. Deveria esse Poder realizar ou apresentar projetos que visassem
    às modificações no sistema tributário, no processo eleitoral, nas modificações do Código Penal e de Processo Penal, na universalização efetiva do sistema médico do país, na melhoria do ensino, etc, etc, etc. Mas, por falta do que fazer, muito embora grandes temas nacionais estejam carentes de uma apreciação, nossos Senadores preferem levar à discussão o importantíssimo tema do uso ou não de terno nas sessões daquele Circo, ops, daquela Casa. E os debates acalorados que se tornam banais naquele recinto, a respeito do assunto, comprovam o grau de seriedade de nossos representantes. Afinal de contas, de o uso de terno diminui o preço da conta de luz, porque não revolucionamos a sociedade e passamos a andar todos nús ? Assim, não gastariamos energia elétrica e, em consequência a Rede Cemat não teria como nos cobrar aqueles absurdos que vem em nossas contas e o Estado ficaria sem a importante arrecadação do ICMS, que só serve mesmo para aplicação em obras que interessem ao grupo Maggi e seus botinudos. Portanto, adeptos do nudismo e não adeptos, todos nús contra a conta de luz. Oferecimento da idéia pelo Senado Federal e seus mirabolantes e risíveis Senadores.

  • ROSITA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    VCS SE LEMBRAM DE UMA MÚSICA QUE O CHICO BUARQUE DE HOLANDA CANTA MAIS OU MENOS ASSIM: VAI TRABALHAR VAGABUNDO...

  • Marcelo Arruda | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vai pentear macaco senador Jayme Campos, o senhor tá fazendo o mesmo que seu irmão Julio Campos fez quando foi senador, exatamente nada. Alías Julio Campos se orgulha de ter sugerido uma galeria de fotos de ex-senadores que foram ex-secretarios da mesa diretora do senado, ou seja, sem nenhum valor para os interesses da sociedade, só mesmo para massagear a vaidade de políticos sem compromisso com o eleitor.
    Por tudo isso, que Luiz Antônio Pagot é o melhor nome para ser governador do estado em 2010.
    Pagot é um político trabalhador e não perde tempo com vaidades e frescuras como esta defendida por Jayme Campos.
    Pagot 2010 - governador.

  • luiz | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    o importante não é o que se veste, e sim o carater!!!!!!! vai procurar o que fazer senador!!!!!!!!

  • sANDRA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    PALHAÇADA, VAI CATAR COQUINHO SEUS....., SE NÃO TEM O QUE FAZER, VAI REZAR, PEDIR PERDÃO PELOS ROUBOS ETC....

  • MAURICIO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    SERIA BOM MESMO CORTAR TUDO, VALE MORADIA, VALE TERNO, VALE BARBEIRO, VALE PASSAGEM, VALE COMBUSTIVEL E TODOS OS BENEFICIOS QUE ELES TEM, DEIXA-LOS SÓ COM UM SALARIO MINIMO, QUE É O QUE JÁ LI, NEM ISSO VALEM PELO QUE FAZEM OU NÃO ESTÃO FAZENDO, DITADURA JÁ PARA ELES E TODOS ELES.......2010. GOSTARIA DE NÃO SER OBRIGADO A VOTAR, POIS TORNOU-SE UMA INCOMODAÇÃO SEM GRAÇA E SEM VONTADE.

  • Ricardo Moura | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Acho que o senado tem coisas mais importante, para se fazer...