• claudir | Quarta-Feira, 16 de Outubro de 2019, 14h20
    25
    8

    Ela tava aprontando em cima do palco, duvido que ela foi pedir música, vejam o vídeo, foi la provocar. Agora esse jornal tem que ouvir o outro lado, só tem a versão dela, deixa de serem parciais. Uma semana na cidade e já criando caso ou tinha tomado umas.... qualquer pessoa em sã consciência faria isso. Gente não tente defender o indefensável....

  • Amanda | Quarta-Feira, 16 de Outubro de 2019, 14h10
    20
    4

    SE A MODA PEGA, VIRARÁ UMA ESCULHAMBAÇÃO, SUBIREM EM PALCOS AGORA: À certa altura da festa, Lisanil subiu ao palco, num impulso de reivindicar músicas mato-grossenses.

  • Maria Elizete | Quarta-Feira, 16 de Outubro de 2019, 14h05
    6
    24

    Quanta covardia com ser humano. E com uma professora. Que por direito merece todo respeito.

  • Angelo | Quarta-Feira, 16 de Outubro de 2019, 13h37
    7
    15

    Paulo, pelo jeito você é mais um lambe-botas da turma do agronegócio mas eu vou te explicar: quem coloca comida na mesa do brasileiro é a agricultura familiar que responde por 85% daquilo que consumimos no dia a dia e não esses barões que que você defende com tanto afinco e que dependem dos bancos públicos até a medula. Agora vai lá acender uma vela pro Blairo Maggi, seu ídolo com pés de barro ... vai lá, coxinha ...

  • Lina | Quarta-Feira, 16 de Outubro de 2019, 13h13
    17
    7

    Que vergonha. Uma pessoa estudada se passar por esse vexame, muito triste.

  • Paulo | Quarta-Feira, 16 de Outubro de 2019, 10h46
    15
    17

    Angelo, Manda também os produtores rurais parar de produzir só um ano, pra vê o que vc e sua família vai comer. Se os produtores rurais cruzar os braços o mundo morre de fome, ninguem come, ninguem veste, ninguem vive. Por tanto respondendo sua pergunta, são sim a última bolacha do pacote, que aliás é feita de trigo que vem do agronegócio.

  • Eve | Quarta-Feira, 16 de Outubro de 2019, 10h44
    3
    1

    Eve, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Carlinhos AF | Quarta-Feira, 16 de Outubro de 2019, 09h31
    21
    10

    Lendo essa matéria me vieram duas perguntas, será que os defensores da professora teriam a mesma postura com um professor agredido por que usava uma camisa estampada apoio ao Bolsonaro presidente, teria a mesma preocupação? E outra dar aula entrar em sala vestido mostrando seu viés político e certo isso adunemat? Teriamos também ter aí na matéria o outro lado né, Deixando claro que Todo tipo de agressão é condenável sempre.

  • Ângelo | Quarta-Feira, 16 de Outubro de 2019, 09h01
    27
    22

    Esperar o que do "Frei Sojinha" e do seu séquito de aprendizes de fascistas? Esses produtores rurais se acham a última bolacha do pacote ...tirem as linhas de financiamento dessa gente pra ver se realmente são liberais de fato ... não sobrevivem um ano sem a ajuda do Estado ...

  • BOKA | Quarta-Feira, 16 de Outubro de 2019, 08h49
    1
    2

    BOKA , Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário