• salvador | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Se o Juiz cassou e porque fez alguma coisa errada , e santo Antonio nao merece mais ser taxado como curral (erro do municipio nao ter Prefeito e culpa dos eleitores que venderam seus votos ou transferiram de maneira irregular (estes eleitores nao tem compromisso com o povo trabalhador do municipio , e erros tem que ser punido pela lei da cassaçao

  • maria | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    caro eleitor do rdnews, o tribunal eleitoral regional, esta tendo varias brejas juridicas, que estao deixando muito a desejar é o caso de barao do melgaço, muito triste um dia antes já faziam churrasco pra comemorar, muito esquisito isto,por gentileza deixe o prefeito eleito pelo povo governar o nosso municipio, voto soberania do povo.

  • neuza. | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    caro eleitor estamos nos ciclos da cana de acuçar, nos tempos dos coroneis,cade a nossa demogracia o voto tem que ser livre.pois somos cidadaos brasileiros a escolher os nossos representante no executivo, caros juizes olhe com mais seriedades os processos encaminhados é com muita transparencia, isto é muito bom pra voces..........

  • CRISTINA DE OLIVEIRA ARRUDA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    EU E MAIS ALGUNS QUEREMOS FAUSTINO NA PREFEITURA. SOMOS ELEITORES DELE. NÓS NÃO SUPORTAMOS ESSE DO PSDB QUE ESTÁ NA PREFEITURA. SE NÃO FOR FAUSTINO, QUE PELO MENOS SEJA A PREFEITA DO 11, QUE É BEM MELHOR QUE ESSE DO PSDB. O DEM NÃO É PSDB.

  • Silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Santo Antonio não merece o interino e o prefeito eleito por voto comprado à administrar o nosso municipio gente honesta e trabalhadora, o novo presidente do TRE tem que marcar logo nova eleição, para que assim acaba essa farra de cassação e honorário gordo de advogados.

  • Paulo Mattos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O troca troca de Prefeitos, sob o manto das decisões provindas do TRE, deve sofrer num futuro bem próximo um abalo pra melhor, isto se houver interesse de nossos legisladores em modificar o Código Eleitoral e demais leis que lhe acompanham.
    Primeiramente, deveria ser condição sine qua non que os candidatos a cargos eletivos - qualquer que fosse ele - apresentassem documentos comprovando sua conduta verdadeiramente ilibada. Atestados ofertados pelas Polícia Civil e Federal, Tribunal de Contas do Estado, Poder Judiciário. Ministério Público Estadual e Federal e demais órgãos que tem por obrigação fiscalizar as ações de todo cidadão que, em dado momento, transgride a lei ou comete qualqueroutro ato de improbidade, serviriam como documentos idôneos para se permitir ou não uma candidatura. Entendo que dessa forma, pessoas com alguma mácula - criminal, administrativa, tributária, fiscal, etc - seriam prontamente repelidas em suas pretensões e estariam de plano e enquanto não sanassem seus débitos com as instituições impossibilitadas de pleitear candidatura.
    Seria uma forma salutar, democrática e legal de permitir que os municípios de Mato Grosso e do Brasil não sofressem solução de continuidade em seu desenvolvimento e a população irreversivelmente prejudicada, conforme vem ocorrendo até agora.
    Ademais, o TRE reafirmaria a sua credibilidade perante a sociedade que, hoje, estupefata e sem nada entender, sequer sabe informar aos cidadãos quem é o gestor platonista.

  • Luizinho Bacuri | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Tem gente na cidade circulando de Paraty Novo como conseguiu? Qdo um secretário da Prefeeitura comprou carro importado a dona do Paraty pois em dúvida a aquisição do mesmo pelo comprador. E agora quem será que a presenteou com esse carro? E porque será? Vamos invistigar.Quem com ferro fere com fero será ferido. Nao se esqueça nunca disso.

  • vilmar do carmo adorno | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Comprar voto é crime eleitoral e o beneficiado com tal crime necessáriamente devem ser cassados, é isso ai e ponto final. Esse festival de cassação demonstra que realmente o Poder Judiciário está cumprindo com seu papel.

  • Juier silva deniz. | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    TODA CASSACAO TEM UMA COMPENSACAO... QUEM NO MEIO POLITICO NAO SABE DISSO, VAMOS PARAR COM ENGENUIDADE MINHA GENTE. JUIZO TRE. CNJ TA POR AI.

  • elisangela | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    chega de cassação nos queremos nosso prefeito que elegemos,depois dessa de barrao os votos dos juizes ficaram meio suspeito.