• bruno | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    esse e o pt partido trairas

  • fernando tavares | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    oh senadora, fala para o lula que mato grosso ta precisando de uma uma penitenciaria...e ve com o pagot do DENIT que a rodovia dos imigrantes ta precisando ser consertada, a burocracia o povo não quer saber disso pagamos ipva, iptu, etc....e o que vemos, ?

  • ALVARO JOSÉ ORMOND | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Pela atuação de ambos no congresso, para a Mato Grosso é a mesma coisa de trocar 6 por meia dúzia, mas para evitar o racha no PT, é só o PT deixar de andar nas asas do Maggi e voltar a ser PT, lançando candidatura própria para o governo do Estado, e assim abre duas vagas para senador no PT, os dois serão conteplados e a militância do verdadeiro PT ficará muito contete.

  • eluiza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A serys ainda tem coragem de ser candidata, não fez nada por mato grosso, serys nunca mais, desista.

  • sergio astengo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A senadora deixou de ser aquela pessoa humilde. Agora ela esta muito arrogante.... por tudo isso não tera mais o meu voto....

  • pedro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    depois desses 15 comentarios essa senhora não ganha men p/ vareadora no menor municipio de mt
    chega dese povinho basta, fora, rua, picareta

  • Hilda Suzana Veiga | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Como disse um comentário acima, o PT tem que recuperar seu protagonismo e encabeçar chapa para governo do Mato Grosso.
    Vamos fazer um balão de ensaio. Vamos colocar nomes do Partido dos Trabalhadores para ver quem a população mais reconhece e após, pesquisar este nome com os demais candidatos apresentados (Sinval, Mauro Mendes, Wilson Santos, etc) para ver as perspectivas reais no embate.
    To aceitando apostas que um nome vai despontar tanto na preferência dos petistas como na dos Matogrossenses.

  • Petista | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Pitter Johnson da Silva Campos. | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Desista Serys Marly, pois diante dessa autação pífia no Senado Federal, os seus eleitores, inclusive eu, não votaremos na Senhora nem para vereadora. Volte para sala de aula, quem sabe assim resgate os seus antigos ideais.

  • Mossueto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Politica não é profissão, mas um tempo que o cidadão de bem dedica a sua comunidade, já preparando novos nomes para sucede-lo, mas em Mato Grosso existe essas raposas que pensam que devem ficar eternamente no poder, e o que é pior, impedindo novas lideranças de surgirem, trazendo enormes atrasos para a população, essa senhora já cumpriu o seu papel, não tem quase nada para se vangloriar, pois só serviu aos interesses do poder dominante, é chegada a hora de voltar a sua profissão e com isso evitar que a população o faça.