• SOUSA | Sábado, 20 de Março de 2010, 10h37
    0
    0

    O QUE MAIS ME DEIXA REVOLTADO, É O FATO DESTES SEMIDEUSES SEREM PUNIDOS COM APOSENTADORIA. É UMA AFRONTA AO ART 5° DA CONSTITUIÇÃO ONDE ESTÁ GARANTINDO A IGUALDADE ENTRE OS HOMENS. ESTE QUE DIZ TER DEVOLVIDO O DINHEIRO, APENAS FEZ O QUE A JUSTIÇA TEM QUE FAZER COM QUE OS OUTROS DEVOLVAM, CORRIGIDOS E EM SEGUIDA PUNI-LOS COMO SE PUNE UM CIDADÃO COMUM. COMUM NÃO! SOMOS SUPERIORES Á ELES. SOMOS QUEM PAGA OS SEUS ALTOS SÁLARIOS E MORDOMIAS. SENHOR JURANDIR, SE O SENHOR ERROU, PAGUE! E DURMA TRANQUILO..ESTES OUTROS COM CERTEZA NÃO TEEM VERGONHA NA CARA. DORMEM E BABAM.

  • Paulo Rogério Barcelos Santiago Lima | Sábado, 20 de Março de 2010, 10h28
    0
    0

    Fui colega de Braulio....fui colega de sala....mas o pai dele deve ter feito coisas que Deus duvida, para alguem ter perdido um filho ainda vivo, "quem faz aqui, paga aqui", não é a toa que estou na minha cadeira de rodas, por acidente automobilistico tbm, estou pagando....agora se o Desembargador Jurandir aposentar, vai ser muito ameno, perto da crueldade da perca de Braulio, a perca de um filho....A criação é imperfeitamente perfeita! Meus pesames caro Julgador!

  • luiz carlos | Sábado, 20 de Março de 2010, 10h23
    0
    0

    isso e otimo que esteja acontecendo, mostra que esses magistrados que a decadas vem brincando de deuses sao tao mortais como qualquer um de nois e que nao estao acima da lei....e espero que devolvam todo dinheiro roubado dos cofres publicos

  • Paulo Roberto | Sábado, 20 de Março de 2010, 10h22
    0
    0

    Paulo Roberto, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • RONALDO | Sábado, 20 de Março de 2010, 09h09
    0
    0

    É uma pena o Desembargador Jurandir aposentar, pois, com toda a certeza, desde a diretoria do Fórum, de longe ele foi o melhor magistrado para os funcionários. Eu que tive a oportunidade de trabalhar com o Desembargador, trata-se de uma pessoa digna e trabalhadora e de um coração de uma enormidade incomum. Para mim, a pena de aposentadoria é muito pesada pélo que ele fez, talvez um pena de censura seria suficiente já que ele devolveu o valor recebido pelos filhos. Pode ter certeza Desembargador Deus e os funcionários estão com você.

  • vanderlei | Sábado, 20 de Março de 2010, 08h44
    0
    0

    Como não sou jurista, só queria entender": usupar dinheiro plúblico, e ao ser descoberto devolver, o cidadão pode ser inocentado???? Só coisa de magistrado mesmo!!!! Eita brasil, rumo à copa 2014!!!

  • Varzea Grande | Sábado, 20 de Março de 2010, 08h26
    0
    0

    Tem que aposentar. O TJ está sendo passado a limpo. Ações iguais a essa eram para ser coibidas pelo Magistrado e não incentivada como ele fez. E tem mais. Varias aposentadorias vêm por ai. De Desembrargadores e Juizes. Um alivio para quem procura uma Justiça série e de respeito que não olhe conta bancaria antes de decidir.