• rykelmes10 | Quarta-Feira, 31 de Março de 2010, 08h57
    0
    0

    Finalmente teremos uma entrada digna para CUIABÁ.

  • cabeçavermelha | Quarta-Feira, 31 de Março de 2010, 08h52
    0
    0

    tudo que ws faz vira embate,se faz reclamam se não faz reclamam,que absurdo,querem que 0 prefeito arrume tudo que ocorreu de errado em 300 anos em 7 do ws. O maggi resolveu todos os problemaS DO ESTADO? QUE INJUSTIÇA, PARABENS WS PELO TRBALHO.

  • Demostenes | Quarta-Feira, 31 de Março de 2010, 08h40
    0
    0

    Tomara que o prefeito não venda também esse terremo como fez com a rua.

  • Newton | Quarta-Feira, 31 de Março de 2010, 08h03
    0
    0

    Também acredito que não deveria ter negociação, já tinham que ter saído há muito tempo atrás mas, infelizmente, em Cuiabá é toda grilada e a realidade é que a justiça também não agiu como deveria, ou seja, a favor da população. Ainda assim fico feliz pelo desfecho, apesar da demora. Não voto nele, mas admito: ponto para Wilson Santos. Obs.: O Atacadão deveria sair dali também, aproveita e faz uma coisa só, sai o Atacadão e transformem aquela área. E tirem também a zona de baixo meretrício daquela região!

  • alinor | Quarta-Feira, 31 de Março de 2010, 07h39
    0
    0

    NÃO ERA PARA HÁVER NEGOSIAÇÃO ;AQUILO SEMPRE FOI UM GRILO... AQUELE TERRENO É DO MUNICIPEO...